Como corrigir a síndrome dos ombros caídos?

4 de julho de 2019
A síndrome dos ombros caídos também pode ser resultante de um problema psicológico como a baixa autoestima ou a depressão. Descubra como combatê-la naturalmente.

A síndrome dos ombros caídos é um problema postural que afeta um grande número de pessoas. No entanto, não se trata somente de uma má postura que afeta os ombros e a coluna; esta condição pode envolver problemas em outras partes do corpo, e até mesmo, às vezes associa-se com as emoções e a autoestima.

Sabe no que consiste e como corrigi-la? Neste artigo detalhamos como se desenvolve, quais fatores estão envolvidos e quais são os exercícios que podem ajudar em seu tratamento. Descubra!

O que é a síndrome dos ombros caídos?

Dor na cervical

Esta síndrome pode ter sua origem em um problema físico na coluna ou na zona cervical; no entanto, em alguns casos está relacionado com problemas emocionais e de autoestima.

A síndrome dos ombros caídos, também chamada de síndrome cruzada anterior, é um dimorfismo postural. O que acontece é que os ombros tendem a se pender para frente e a cabeça para baixo. É uma postura na qual a pessoa parece olhar permanentemente para o chão.

Esta postura não afeta somente os ombros; de fato, faz com que a coluna fique cada vez mais curvada e mais para frente. Dessa forma, forma-se a chamada «corcunda», que se refere a uma cifose dorsal. Além disso, afeta os peitorais e o pescoço.

Ainda que seja o mais evidente, ficar com a coluna erguida e os ombros para trás não é só uma questão de saúde física; também é um reflexo do nível de autoestima.

Muitas mulheres complexadas com seu peito tendem a adotar esta posição para tentar se esconder de maneira subconsciente. No entanto, isso é só um exemplo. São numerosos os problemas psicológicos que podem levar a se adotar esta postura, como a depressão.

Ademais, na atualidade, observa-se cada vez mais frequentemente esta postura de ombros caídos. Deve-se, em parte, ao uso excessivo de computadores e aparelhos eletrônicos. O caminhar pendente do celular faz com que nosso corpo adote este gesto.

Talvez te interesse ler também: Má postura: consequências para a saúde

O que a síndrome dos ombros caídos causa?

Esta postura causa dor na coluna, tanto lombalgia como dor cervical. Além disso, é realmente antiestético. Isso se deve ao fato de a pessoa perder altura e aparentar uma barriga de tamanho maior. Inclusive, diz-se que, ao andarmos esticados, transmitimos mais segurança e ficamos mais atrativos.

Continuar com esta postura faz com que a flexibilidade se reduza. De fato, altera o movimento das articulações e o equilíbrio. Também pode afetar a respiração e a digestão.

Por tudo isso, é necessário corrigir esta postura tanto no repouso como em movimento. É importante caminhar erguido e com a cabeça alta. Do mesmo modo, também há que estar consciente da postura quando se está trabalhando ou estudando.

Vai gostar de ler ademais: Exercícios para aumentar os músculos dos ombros

Conselhos para corrigir os ombros caídos

Alongamento dos braços

Os exercícios de alongamento são ideais para corrigir a síndrome dos ombros caídos. Além disso, no geral melhoram a postura corporal.

Existem numerosos exercícios que ajudam a ir corrigindo pouco a pouco a postura:

  • Rotação externa dos ombros: O objetivo é levá-los para trás e mantê-los na postura correta. Para isso, leve os ombros para trás por 30 segundos. Repita o exercício cinco vezes. Se for possível, realize-o várias vezes por dia.
  • Rotação de ombros com a escápula: Trata-se de aproximar as escápulas, abrindo o peito e levando os ombros para trás. É similar ao exercício anterior. Quando levar os ombros para trás, tente aproximá-las das escápulas o máximo possível. Mantenha a postura durante 30 ou 40 segundos e repita outras cinco vezes. Assim melhorará também o resto da coluna.
  • Alongamentos da zona peitoral: Existem várias formas de fazê-los. Uma delas é ficar em frente a uma porta e formar um T com os braços. Uma vez assim, dobre os cotovelos e levante os antebraços para «sustentar» o marco da porta. Se der um passo para frente, deverá sentir como os músculos se esticam. Mantenha-se assim por 30 segundos e repita o exercício.
  • Alongamento de coluna: Um exemplo de como fazê-lo é deitar-se de barriga para cima e aproximar o joelho do peito. Permaneça assim por alguns segundos e depois mude de perna. Também pode alongar um braço e a perna contrária ao mesmo tempo. Ambos exercícios aliviarão a coluna.

Concluindo

Como mencionamos anteriormente, os ombros caídos podem ser causados por um problema de personalidade ou autoestima. Por isso, é normal das pessoas tímidas ou complexadas, ou até mesmo daquelas que sofrem com a depressão. Nestes casos não basta somente corrigir a postura. É necessário tratar a causa, e para isso talvez seja necessário procurar um psicólogo ou fazer algum tipo de terapia.

Caso sofra com ombros caídos, o ideal é consultar um fisioterapeuta que possa aconselhar e ajudar. É importante estar consciente de que pode provocar outros problemas físicos. Além disso, caso acredite ser causado por algum complexo, não hesite em pedir ajuda de um psicólogo. Nunca é tarde para melhorar a postura.

  • Abdul-Latif AA. Dropped shoulder syndrome: a cause of lower cervical radiculopathy. J Clin Neurol. 2011;7(2):85–89. doi:10.3988/jcn.2011.7.2.85
  • van der Windt DA, Koes BW, de Jong BA, Bouter LM. Shoulder disorders in general practice: incidence, patient characteristics, and management. Ann Rheum Dis. 1995;54(12):959–964. doi:10.1136/ard.54.12.959
  • Linaker CH, Walker-Bone K. Shoulder disorders and occupation. Best Pract Res Clin Rheumatol. 2015;29(3):405–423. doi:10.1016/j.berh.2015.04.001
  • Straker LM, O’Sullivan PB, Smith A, Perry M. Computer use and habitual spinal posture in Australian adolescents. Public Health Rep. 2007;122(5):634–643. doi:10.1177/003335490712200511
  • Kim D, Cho M, Park Y, Yang Y. Effect of an exercise program for posture correction on musculoskeletal pain. J Phys Ther Sci. 2015;27(6):1791–1794. doi:10.1589/jpts.27.1791