Como combater a obesidade?

· 3 de abril de 2018
A obesidade é um problema cada vez mais comum. A melhor solução é a prevenção. A atividade física e a nutrição adequada são essenciais para combatê-la.

Como combater a obesidade, um problema social presente em todo o mundo? Ela está em países desenvolvidos e subdesenvolvidos, mas nos países desenvolvidos, como o ritmo de vida é muito mais agitado, a dieta costuma ser mais processada e inapropriada.

Existem regiões focadas em combater a obesidade, como é o caso de países próximos do Mar Mediterrâneo. Nestes países, a chamada dieta mediterrânea é muito conhecida, a qual consiste em frutos do mar, vegetais e vinhos.

Apesar de alternativas como esta, a obesidade continua sendo uma das principais causas de morte, e é por isso que as autoridades de saúde do mundo todo estão em alerta.

O que é a obesidade?

É o excesso de peso ou sobrepeso devido à acumulação exagerada de massa gorda ou tecido adiposo. A obesidade causa várias doenças, como  hipertensão, diabetes e câncer, e pode até causar a morte. É um problema que não podemos perder de vista, como sociedade e individualmente.

Tipos de obesidade

Mulher obesa sentada no sofá

Muitas pessoas desconhecem a classificação dos tipos de obesidade, que detalhamos abaixo:

  • Central ou Androide. Caracteriza-se por ser um dos mais complexos devido ao risco que representa para os órgãos viscerais. Ele recebe o nome de obesidade central devido à localização no corpo. Concentra-se no tronco e influencia o desenvolvimento de doenças como a diabetes.
  • Periférica ou ginoide. Inclui o acúmulo de gordura na área inferior, da cintura para baixo. Está associado a problemas articulares por causa do excesso de peso.

Como combater a obesidade?

Esta é uma questão complexa, já que se trata de um dos problemas de saúde mais importantes do século XXI. No entanto, combater a obesidade não é uma tarefa tão complicada quanto parece.

Além de tratá-la, o objetivo principal é preveni-la. Adiantar-se não apenas evita problemas estéticos, mas também fisiológicos.

1. Mantenha-se ativo

Exercícios em grupo

Um dos fatores que previnem a obesidade é evitar o estilo de vida sedentário, pois ele afeta diretamente o excesso de peso. A imobilidade muscular do organismo e, consequentemente, a acumulação de calorias ou energia favorece a obesidade.

O corpo precisa gastar os nutrientes consumidos com os alimentos, e a melhor forma de fazer isso é com exercício físico. Além disso, alguns optam por se locomover de bicicleta, o que também favorece o meio ambiente.

Por outro lado, praticar exercícios como caminhar, fazer passeios de bicicleta programados e nadar ajuda a reduzir a massa gorda do corpo e a combater a obesidade.

2. Monitoramento médico

O índice de massa corporal (IMC) é o indicador que permite determinar a faixa de peso saudável para uma pessoa. Este indicador é obtido a partir da altura e peso do indivíduo. Após a obtenção do IMC, fatores como idade e sexo são revisados.

Recomenda-se fazer um exame médico anual para descartar qualquer tipo de condição relacionada à obesidade. Este indicador contribui para o cuidado de nossa saúde.

3. Alimente-se corretamente

Alimentação saudável

Tanto a dieta quanto a atividade física fazem parte dos hábitos de um estilo de vida saudável. Praticá-los garante o bem-estar físico, psicológico e fisiológico. Os nutricionistas recomendam exercícios em conjunto com uma dieta equilibrada, pois isso contribui para o desempenho físico e ambos combatem a obesidade.

Dietas ricas em proteínas, vitaminas e nutrientes favorecem o desenvolvimento de massa magra (músculo) e neutralizam os depósitos de gordura em todo o corpo. Por outro lado, as calorias devem ser consumidas de forma equilibrada ao longo do dia, evitando o excesso de peso ou um peso muito baixo.

Além disso, os alimentos processados, com alto teor de gordura ou sintéticos devem ser evitados, pois prejudicam consideravelmente as nossas condições de saúde.