5 dicas para aumentar a autoconfiança

Você é uma pessoa única. Para ganhar confiança em si mesmo, é essencial que você não se compare com os outros, porque as suas características e circunstâncias não são as mesmas.
5 dicas para aumentar a autoconfiança

Última atualização: 13 Agosto, 2021

Como todo mundo, você deseja atingir seus objetivos e ter sucesso na vida. No entanto, para fazer isso, você precisa ganhar segurança e aumentar a sua autoconfiança.

A autoconfiança é aquela habilidade que permite que você acredite em você, que você é bom no que faz e tem plena certeza de que alcançará o que se propôs a fazer. Essa sensação deve fazer parte do seu bem-estar e da sua satisfação com a vida.

Por outro lado, a falta de confiança o levará a sentir medo, bloqueio emocional, a pensar que não conseguirá o que se propôs a alcançar a ponto de nem mesmo tentar.

Por que você não confia em si mesmo?

A falta de autoconfiança limita todo o seu potencial. Se você acha que não tem fé em si mesmo, não se preocupe: a maioria das pessoas passa pela mesma coisa em algum momento de suas vidas.

Pensamentos negativos

De todos os pensamentos que temos ao longo do dia, cerca de metade costuma ser negativa. Acredita-se que sejam avisos próprios baseados em experiências passadas e que façam parte do mecanismo de sobrevivência que é ativado no cérebro.

Muitas vezes, esse processo normal age contra nós e nos leva a focar mais em nossos medos, ao invés de focar em conseguir o que queremos.

Expectativas pessimistas

Lidar com o pessimismo

O pessimismo anda de mãos dadas com a falta de confiança. Às vezes, você assume que tudo vai acabar mal porque assim você estará preparado se falhar. No entanto, esta forma de proceder não ajuda a aumentar a sua autoconfiança.

O pessimismo diminui o seu rendimento e, efetivamente, faz com que você tenha resultados ruins.

5 dicas para aumentar a autoconfiança

Ao mudar alguns hábitos, você pode melhorar este aspecto importante. Preste atenção a estas dicas e confie em você:

1. Esqueça os pensamentos negativos

Treine sua mente para dizer “adeus” aos pensamentos negativos. Concentre-se no que você deseja alcançar e no caminho que precisa percorrer para chegar lá.

Quando você pensar coisas negativas, reafirme suas melhores qualidades para si mesmo e, se sentir que vacila nessa tentativa, busque o apoio de pessoas próximas a você. Você ficará surpreso com as boas opiniões que eles têm sobre você e suas realizações.

2. Lembre-se sempre das suas realizações anteriores

Mais do que lembrar das suas conquistas, lembre-se do que você fez. Para se motivar, você pode escrever o passo a passo do caminho percorrido para alcançar seu objetivo e procurar as semelhanças com os objetivos atuais que você mesmo está estabelecendo.

Liste nesse mesmo papel as habilidades que você teve que aplicar em cada uma das conquistas alcançadas anteriormente. Este exercício vai ajudá-lo a ver que, se você fez isso antes, pode fazer outra vez.

3. Não se compare

Comparar-se com os outros é um grande erro que tem consequências negativas para a sua autoconfiança. É importante entender a individualidade de cada pessoa. Somos todos diferentes, com habilidades e objetivos diferentes.

Sempre haverá alguém que já está aonde você quer chegar. No entanto, você também deve se lembrar de que há alguém atrás de você, tentando chegar até onde você está.

4. Aceite suas falhas

As falhas são parte do sucesso. Existem pessoas muito bem-sucedidas que superaram grandes obstáculos e fizeram de suas histórias uma fonte de inspiração. As falhas são uma grande fonte de aprendizado, pois indicam o que deu errado e o que você não deve fazer na próxima vez.

Não deixe que suas falhas diminuam a sua autoconfiança. Aceite-as com sabedoria, aprenda com elas e continue em seu caminho para o sucesso.

Não se esqueça de ler: Autoestima, chave para a nossa felicidade

5. Tome uma atitude para aumentar a sua autoconfiança

Confiar em si mesma

Se você não fizer isso, ninguém fará por você. Portanto, esqueça o medo e execute o projeto que você tem em mente.

Se os sintomas de desconfiança o assaltarem, pergunte-se “Qual é a pior coisa que poderia acontecer comigo?” e analise se você está dando muita importância aos pequenos problemas que podem surgir.

Lembre-se de duas coisas:

  • Você não deve se concentrar nos contras, mas em todos os benefícios que alcançar seu objetivo lhe trará.
  • Se você não agir, perderá 100% das oportunidades de conseguir o que deseja.

Experimente colocar essas dicas em prática e você verá como sua autoconfiança vai aumentar. Isso permitirá que você alcance o que deseja e seja bem-sucedido em sua vida. Seja qual for o caso, lembre-se: você sempre pode consultar um psicólogo ou psiquiatra se precisar de ajuda profissional.

Pode interessar a você...
Autoconfiança: comece a apostar em si mesmo
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
Autoconfiança: comece a apostar em si mesmo

Embora falhemos mil vezes temos de ter confiança e superação para alcançar nossos objetivos. Use sua autoconfiança: comece a apostar em si mesmo



  • Cisneros, G. I. F., & Freidenberg. (2016). Confianza. Voz y Voto. https://doi.org/gkr560 [pii]r10.1093/nar/gkr560
  • Guillén, M. (2006). Ética en las organizaciones. Construyendo confianza. Pearson. https://doi.org/10.1016/j.acme.2015.09.010
  • Cecchini, J. A., González, C., Carmona, Á. M., & Contreras, O. (2004). Relaciones entre clima motivacional, la orientación de meta, la motivación intrínseca, la auto-confianza, la ansiedad y el estado de ánimo en jóvenes deportistas. Psicothema.
  • Yáñez, R., Ahumada, L., & Cova, F. (2006). Confianza y desconfianza: dos factores necesarios para el desarrollo de la confianza social. Universitas Psychologica.