Comer tomate ajuda a perder peso

7 de novembro de 2019
Quanto à composição e ao valor nutricional do tomate, vale destacar que se trata de um alimento com escassa quantidade de calorias. Cem gramas de tomate têm 18 kcal.

O tomate é o fruto da planta conhecida como tomateiro. Essa espécie, da família das solanáceas, é originária do continente americano. Os tomates são frutas de cor avermelhada, principalmente se caracterizam por sua polpa com múltiplas sementes e seu suco.

Também é um alimento muito muito saboroso. De fato, é uma das hortaliças mais consumidas em todo o mundo. Sua versatilidade o torna indispensável na cozinha. A maneira mais comum de consumi-lo é cru. Geralmente é assim que se encontra nas saladas.

Embora o tomate fresco também possa ser processado para obter sucos ou molhos. Nos últimos tempos, com a adição de certos conservantes, cada vez são criados produtos mais inovadores, como polpa de tomate, purê de tomate ou geleia de tomate.

Apesar disso o tomate não se destaca apenas por sua utilidade e bom gosto, pois tem propriedades que podem trazer muitos benefícios ao organismo. Deve-se levar em conta que não é um alimento milagroso, porque é possível curar doenças com o tomate. Entretanto, possui propriedades importantes que podem ajudar a manter a saúde da pessoa.

Especificamente, explicaremos abaixo se o tomate pode ajudar você a perder peso. É essencial lembrar que, para perder peso, o mais importante será sempre manter hábitos de vida saudáveis, praticar esportes e fazer uma dieta baseada em alimentos reais. Além disso, com a ajuda de um nutricionista, seremos capazes de atingir a meta.

Leia também: 5 passos para adotar uma dieta saudável

Dados nutricionais do tomate

Dentro da composição e do valor nutricional do tomate, vale destacar que se trata de um alimento com uma pequena quantidade de calorias. Cem gramas de tomate têm 18 kcal. Da mesma forma, a maior parte do seu peso é água e também é composto por carboidratos.

Esse vegetal contém açúcares simples, graças aos quais tem um sabor doce. Por outro lado, o toque ácido característico é concedido por alguns ácidos orgânicos que também fazem parte de sua composição.

Além disso, o tomate é uma fonte importante de certos minerais, dentre os quais se destacam o potássio e o magnésio. De seu conteúdo vitamínico, destacam-se B1, B2, B5 e C. De fato, durante os meses de verão, o tomate é uma das fontes mais relevantes de vitamina C. Também possui carotenoides como o licopeno, que é o pigmento que dá a cor vermelha característica ao tomate.

A vitamina C e o licopeno são antioxidantes. Estes têm uma função protetora no organismo humano.

Leia também: Descubra quais os níveis adequados de colesterol

 

Vasilha com vários mini tomates

Comer tomate ajuda a perder peso?

Para perder peso, como mencionamos anteriormente, é essencial manter hábitos de vida saudáveis ​​e praticar esportes regularmente. Quando se trata de definir uma dieta, será essencial fazer isso por meio de um profissional. Consulte seu médico para tomar decisões direcionadas à perda de peso. Da mesma forma, existem certos alimentos que podem ser úteis quando se trata de perder peso.

Especificamente, em pesquisas recentes, foi demonstrado como o ácido lipóico e o ácido graxo ômega-3 favorecem a perda de peso e melhoram a inflamação associada à obesidade. O ácido lipóico é produzido naturalmente pelo nosso corpo e também podemos ingeri-lo por meio de alimentos como o tomate. Isto é concluído por um estudo realizado por Ana Elsa Huerta no Centro de Pesquisa em Nutrição da Universidade de Navarra.

Ana Elsa explica: “O ácido lipóico, junto com uma dieta baixa em calorias, pode ser eficaz tanto na promoção da perda de peso e quanto na perda da gordura“. A especialista acrescenta ainda que “a suplementação dietética com ácido lipóico pode melhorar alguns marcadores sistêmicos de inflamação relacionados ao risco cardiovascular em pessoas com sobrepeso ou obesidade, independentemente de perderem peso ou não com a ingestão adicional desses suplementos”.

  • Ávila Torres, J. M., Beltrán, B., Cuadrado Vives, C., del Pozo de la Calle, S., del Valle Rodríguez Castilla, M., & Ruiz Moreno, E. (2007). Tomate. In La alimentación española, características nutricionales de los principales alimentos de nuestra dieta. https://doi.org/10.1002/biot.201100021
  • OMS. (2015). Alimentación sana. https://doi.org/Nota descriptiva No. 394
  • Universidad de Navarra, https://www.unav.edu/web/facultad-de-farmacia/detalle-noticia-farmacia/2017/10/10/el-acido-lipoicopresente-en-el-higado-el-tomate-o-las-espinacas-favorece-la-perdida-de-peso-y-mejora-la-inflamacion/-/asset_publisher/jFUtiI5WANcC/content/2017_10_10_far_acido_lipoico/10174