Cistos nos rins: quais são os sintomas?

· 3 de dezembro de 2014
Ainda que não costumem ser graves, é importante controlar os cistos nos rins para verificar a sua natureza e ter certeza de que eles não irão causar problemas maiores.

Certamente você já ouviu falar mais de uma vez sobre os cistos nos rins. Na realidade, trata-se de algo realmente comum entre a população e que não traz excessiva gravidade. Mas, mesmo assim, vale a pena conhecer um pouco mais como eles surgem e quais são os possíveis sintomas que acompanham sua aparição. Explicaremos a seguir.

O que são os cistos nos rins ou renais?

cisto renal

Todos conhecem a importante função que os rins cumprem: eles filtram o nosso sangue, limpam nosso organismo, controlam os níveis de sal do nosso corpo e afastam as substâncias residuais que eliminamos pela urina. São dois órgãos essenciais para a nossa existência, daí a importância de conhecer quais possíveis doenças estão associadas aos rins.

Mas, vamos falar sobre o tema central. O que é realmente um cisto no rim? Bom, um cisto é uma bolsa ou saco fechado cheio de ar ou líquido. Normalmente estão cheios de um líquido aquoso, são como nódulos que emergem da superfície do próprio rim ou dos néfrons.

O normal é que sejam pequenos como uma lentilha, mas já houve casos destes cistos serem tão grandes como uma maçã. Crescem pouco a pouco, e o que existe em seu interior, não tende a ser pus nem sangue, somente um líquido inócuo. 

Descubra: 5 bebidas à base de ervas para prevenir pedras nos rins

Quem tende a sofrer com os cistos nos rins?

médico diagnosticar cistos nos rins

Em primeiro lugar, temos que retirar a excessiva gravidade do assunto. Os cistos nos rins não são sinônimos de câncer e nem de uma complicação que vá nos retirar a qualidade de vida.

Os cistos simples nos rins são muito comuns à medida que vamos envelhecendo, sendo muito normal aparecer a partir dos 50 anos. Antes desta idade podemos inclusive ter um cisto, mas quando chegamos aos 55 ou 60 anos, podem aparecer muitos mais. E repetimos, eles tendem a ser inofensivos.

O que origina os cistos nos rins?

cistos nos rins

É normal que estes cistos apareçam com o passar dos anos devido ao fato de que os néfrons (as partes do rim encarregadas de filtrar o sangue) vão se tornando maiores e se enchem de líquidos.

Na verdade, os especialistas não sabem muito bem porque eles ocorres, somente reconhecem que acontece com o avanço da idade. Os cistos são como pequenas lesões que provocam a acumulação de líquido até que origina um nódulo de um tamanho pequeno.

Realçamos que estes cistos nos rins não são hereditários. 

Se eu tiver um cisto no rim, é grave?

cistos nos rins é grave

Em geral, os cistos não são graves. É algo associado com a idade e ocorre com muita frequência. Daí os chamamos simplesmente de “cistos simples dos rins”, e não tendem a causar tumores cancerígenos.

Eles são quase sempre inofensivos. Agora, temos que identificá-los e controlá-los. Se suas paredes forem grossas e irregulares, então podem sim estar associados a algum tipo de câncer. Mas 70% deles tendem a ser benignos e nada graves. 

Quais os sintomas de um cisto nos rins?

sintomas de um cistos nos rins

Os cistos simples nos rins normalmente não causam sintomas. A grande maioria das pessoas não sabe que, na realidade, possuem um ou até mesmo 7 cistos nos rins, visto que eles não apresentam sintomas.

As pessoas descobrem de modo casual, através de exames de raios X ou uma tomografia computadorizada. Mas, caso estes cistos se rompam, então sim, existe uma gravidade a ser levada em conta.

Neste momento, perceberemos uma série de sintomas que deveremos saber identificar, para então procurar um médico:

  • Dor no abdômen, costelas, quadris, estômago ou nas costas.
  • Febre.
  • Ir ao banheiro urinar muitas vezes e aparecer sangue na urina.
  • Pressão alta.

Como os cistos simples nos rins são tratados?

cistos simples dos rins são tratados

Visto que em geral os cistos não são graves, não tendem a ser tratados. Mas, se um cisto exercer muita pressão no rim, acabará dificultando sua função e então não caberá outra opção senão a intervenção. E como é esta intervenção? Pode ser de dois tipos, dependendo de onde o cisto se encontra e de seu tamanho:

  • Aspiração ou escleroterapia: mediante uma injeção, o líquido do cisto é eliminado.
  • Cirurgia: em geral, realiza-se uma laparoscopia usando instrumentos finos que são inseridos através de pequenas incisões no abdômen. Durante a cirurgia, o médico drena o cisto e logo o corta ou queima. A cirurgia é feita rapidamente e o período de internação é de poucos dias no hospital. 

Leia também: Experimente essas 4 batidas depurativas, deliciosas e saudáveis

É possível prevenir os cistos nos rins?

prevenir os cistos nos rins

Em geral, os cistos aparecem com a idade. Porém, um modo básico de manter sempre em bom estado dos rins é manter uma boa qualidade de vida. E você já sabe como:

  • Evite fumar e consumir bebidas alcoólicas;
  • Beba dois litros de água por dia;
  • Evite o sal, as farinhas refinadas, o açúcar e os refrigerantes;
  • Consuma frutas e verduras frescas, evitando carnes vermelhas;
  • Beba sucos de frutas naturais;
  • Beba, durante 10 dias no mês, um copo pequeno de água com uma colher de bicarbonato de sódio depois de seus jantares.