Cefaleias: soluções naturais para combatê-las

· 25 de novembro de 2018
Há diversas maneiras de tratar as cefaleias. Porém, os remédios naturais costumam ser a escolha mais indicada, pois em geral, não geram efeitos adversos e nem secundários.

Quem nunca teve cefaleias em alguma ocasião? Essa dor opressiva e envolvente, que pode ir desde a testa até a nuca.

Esse tipo de dor se tornou uma realidade constante entre a população. Em ocasiões o estresse é seu principal fator desencadeante, mas também existem outros fatores que precisamos considerar.

A questão principal é: como lidar com a cefaleia tensional e aliviá-la antes de se tornar crônica? Confira!

O que é a cefaleia

A cefaleia é um tipo de dor de cabeça que tem algumas características específicas:

  • É percebida como uma dor opressiva e não tem uma causa genética.
  • Quase sempre se apresenta no mesmo horário e não gera hipersensibilidade à luz.
  • O usual é que não seja tão intensa quanto uma enxaqueca.

Remédios naturais contra as cefaleias

1. Chá de limão, uma excelente alternativa

O limão tem grandes propriedades curativas. Desintoxica, depura, é antioxidante e lhe são atribuídas propriedades anticancerígenas.

Para aproveitar suas propriedades podemos preparar a seguinte receita.

Ingredientes

  • 4 xícaras de água (1 litro)
  • A casca de 2 limões
  • O suco de 2 limões
  • Mel (a gosto)

O que fazer?

  • Esquentaremos a água com a casca de dois limões e deixaremos ferver por 15 minutos.
  • Em seguida, desligaremos o fogo, adicionaremos o suco de dois limões e adoçaremos com mel.
  • Pode-se tomar frio ou quente.

Te recomendamos ler: Remédio de casca de limão e azeite de oliva para acalmar a dor nas articulações

2. O gelo, uma grande ajuda contra as cefaleias

A aplicação de frio é um dos melhores remédios naturais contra as cefaleias.

O que deve fazer?

  • Introduza uns cubos de gelo dentro de uma bolsa. Deve ser possível fechá-la totalmente, para evitar que a água escorra.
  • Depois cubra esta bolsa com uma tela e coloque-a sobre o lugar onde a dor está localizada.
  • Aplique em intervalos de 2 minutos, com 30 segundos de descanso, durante 20 minutos.

3. Chá de camomila

Camomila contra cefaleias

A camomila é outra dessas plantas que têm múltiplas propriedades medicinais. Para preparar o chá o mais recomendável é usar as flores e sempre verificar se estão frescas.

Ingredientes

  • 1 xícara de água (250 ml)
  • 1 colher de sopa de flores de camomila (10 g)

O que fazer?

  • Esquente a água e, quando ferver, adicione as flores.
  • Em seguida, desligue o fogo e cubra durante 10 minutos.
  • O chá deve ser tomado quente.

Uma variante consiste em adicionar alguns cubos de gelo ao preparo.

  • Depois molhe um paninho limpo nesta substância e aplique-o nas pálpebras por 20 minutos.
  • Descanse outros 20 minutos e repita o processo.

Te recomendamos ler: Camomila e outros remédios para a digestão

4. Óleo essencial de lavanda

Os óleos essenciais geram efeitos maravilhosos sobre o organismo. Para a cefaleia, o indicado é usar óleo de lavanda.

Pode-se usar em estado puro, mas combinado com outras substâncias têm maiores efeitos.

Ingredientes

  • 4 gotas de óleo essencial de lavanda
  • 1 colher de sopa de azeite de oliva (16 g)
  • ½ colher de sopa de óleo de Argan (7 g)
  • ½ colher de sopa de óleo de amêndoas (7 g)

O que fazer?

  • A melhor fórmula é adicionar quatro gotas de óleo de lavanda a uma colher de sopa de azeite de oliva e combina-lo com óleo de amêndoas e de Argan..
  • Com esta mistura se faz uma massagem na base do crânio, na região das têmporas e atrás das orelhas.
  • Ainda, também é bom aplicar um pouco deste óleo na almofada ou na roupa, já que o aroma é curativo.

5. O gengibre, uma maravilha natural

O gengibre, uma maravilha natural contra cefaleias

O gengibre é outro desses elementos naturais que têm aplicação para muitas doenças.

No caso da cefaleia, age como analgésico e anti-inflamatório.

Ingredientes

  • ¼ de colher de chá de gengibre ralado (1 g)
  • 1 copo de água (200 l)

O que fazer?

  • Basta ralar uma mínima quantidade, não mais do que o tamanho da metade da unha do dedo polegar (¼ de colher de chá).
  • Depois adicione a um copo de água fervendo e beba.
  • Também serve para a enxaqueca.

6. Água fria e quente

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de mostarda (10 g)
  • 4 colheres de sopa de sal marinho (40 g)
  • 1 copo de água (200 ml)

O que deve fazer?

  • Combine a mostarda com o sal marinho, adicione a mistura em um copo de água quente e mexa até que dissolva bem.
  • A parte, pegue dois recipientes. Em um, coloque uma boa quantidade de água fria e em outro de água quente. Adicione a metade da mistura em cada um dos recipientes.
  • Em seguida, introduza os pés até os joelhos em cada recipiente por cinco minutos.
  • A operação deve ser feita de forma sucessiva, até que a água quente esfrie.
  • Sempre se deve terminar no recipiente que contém água fria.

7. Alimentos antiestresse e práticas relaxantes

Boa parte das cefaleias ocorrem por um excessivo nível de estresse.

Por isso é importante introduzir na dieta os chamados “alimentos antiestresse”. Alguns deles são a aveia e os produtos que contenham ômega 3. Os frutos secos também são muito indicados.

A meditação ou aulas como ioga, tai chi ou reiki são muito adequadas para quem sofre dores de cabeça com muita frequência. Seu efeito é uma redução significativa do estresse.

Com isso, pode-se eliminar um dos fatores mais habituais das cefaleias.

Sanvito, W. L., & Monzillo, P. H. (1997). Cefaleias primarias: Aspectos clinicos e terapeuticos. In Medicina.