7 dicas para manter uma boa alimentação infantil no verão

Durante o verão, é importante garantir a boa nutrição das crianças. As altas temperaturas e as atividades ao ar livre não são razões suficientes para negligenciar a dieta. O que devemos considerar?
7 dicas para manter uma boa alimentação infantil no verão

Última atualização: 26 Novembro, 2020

Como pais, é normal sentir uma preocupação especial em relação ao que as crianças comem. Afinal, a dieta desempenha um papel fundamental na sua saúde. É por isso que, com o calor, muitos sentem a necessidade de garantir uma boa alimentação infantil no verão.

Felizmente, ter mais tempo livre e ter facilidade de adquirir produtos frescos e saudáveis facilita essa tarefa. O que considerar? A seguir, compartilharemos 7 dicas que podem ser implementadas a partir de agora.

1. Introduzir novas frutas na dieta

O verão é uma época em que você pode encontrar uma grande variedade de frutas frescas no mercado. A maioria delas é refrescante, doce e hidratante, perfeitas para o paladar das crianças.

É por isso que esta é uma boa hora para oferecê-las com mais frequência. Mesmo que as crianças estejam relutantes, há uma variedade de receitas e pratos que podem ser preparados com elas para facilitar a sua introdução na dieta.  

Você pode fazer sopas frias, como gaspacho de melancia ou creme de melão. Há também outras opções saudáveis e deliciosas, como saladas com manga, abacaxi, maçã, entre outras frutas.

Boa alimentação infantil no verão
As frutas são alimentos infalíveis na dieta das crianças no verão. Elas são refrescantes e contêm nutrientes que promovem o bem-estar.

2. Prepare cremes vegetais e saladas

Quando está mais quente, queremos preparar receitas frescas e leves, especialmente para oferecer às crianças. Assim, é apropriado trocar os legumes cozidos ou sopas quentes por outros pratos adaptados.

Os vegetais fornecem muitos nutrientes, e sua presença na dieta está ligada a um menor risco de algumas doenças na idade adulta.

Gaspacho e vichyssoise são dois dos pratos ideais para uma boa refeição infantil no verão. Além de saladas de macarrão ou leguminosas, nas quais é válido introduzir ingredientes mais difíceis de elas aceitarem, como pepino e pimentão. 

Você pode se interessar: 3 receitas com vegetais de estação

3. Faça sorvete caseiro

O sorvete é uma das comidas favoritas das crianças. No entanto, em muitos casos, eles fornecem grandes quantidades de açúcar e gorduras não saudáveis.

Felizmente, eles podem ser preparados em casa de forma fácil e rápida, sem a necessidade de comprar aparelhos específicos.

  • Os melhores sorvetes são preparados batendo suas frutas favoritas congeladas no processador.
  • Eles podem ser feitos com leite, leite de coco, iogurte ou abacate.
  • Cacau, baunilha e frutas bem maduras fornecem sabor sem a necessidade de corantes ou aromas artificiais.

4. Incentivar a participação na cozinha

O dia a dia costuma ser mais cheio de rotinas e tarefas diárias para pais e filhos. É por isso que o verão e as férias são o momento ideal para envolver as crianças na preparação dos pratos.

Promover a colaboração desperta a curiosidade e o interesse das crianças pela culinária, além de ajudar no desenvolvimento dos sentidos de paladar e olfato. E não é só isso: também aumenta a variedade e a qualidade da sua dieta, e a quantidade de novos alimentos que eles estarão disposto a experimentar no futuro.

Não há necessidade de organizar grandes oficinas ou receitas adaptadas. Você pode lavar alguns tomates, cortar vagem ou bater um grão-de-bico para fazer hummus. Trata-se de se divertir e se adaptar às suas capacidades. É ideal se deixar levar pela imaginação e experimentar novas receitas e combinações de alimentos.

Família cozinhando junta
O verão é ideal para despertar o interesse das crianças na cozinha.

5. Compartilhar refeições com as crianças

Outra boa dica para manter uma boa alimentação infantil no verão é fazer da dieta familiar o melhor exemplo para as crianças. Em diversas pesquisas, a alimentação saudável dos pais favorece o aumento da ingestão de frutas e vegetais por crianças e adolescentes.

Para isso, é importante considerar alguns aspectos, como os seguintes:

  • Sente-se para comer com as crianças, gaste tempo suficiente e faça da refeição um momento agradável. 
  • Coloque à disposição uma ampla gama de alimentos saudáveis, especialmente frutas e verduras.
  • Não as force a comer, pois aversões subsequentes podem ser acionadas. É melhor oferecer os alimentos repetidamente sem pressionar.
  • Uma maneira infalível de fazer as crianças escolherem alimentos saudáveis é ver os mais velhos fazendo o mesmo. 

6. Prepare pratos leves

No verão, as crianças passam a maior parte do tempo brincando e fazendo atividades ao ar livre, mas isso não está relacionado a um maior apetite. Pelo contrário, as altas temperaturas têm sido associadas à diminuição da ingestão, taxa metabólica e atividade enzimática relacionada à digestão.

Consequentemente, é preferível escolher receitas leves, com poucos molhos, poucas gorduras e de fácil digestão. Adicionar oleaginosas, peixes oleosos, leguminosas e grãos integrais torna os pratos leves muito nutritivos. 

7. Garantir o consumo de líquidos

Não devemos ignorar as necessidades de ingestão de líquidos das crianças. Elas têm uma proporção maior de fluido corporal em comparação com os adultos. Além disso, esses fluidos devem ser reabastecidos com mais regularidade.

Especialistas lembram a importância de incentivar as crianças a beber água, pois muitas vezes elas se esquecem de fazê-lo. Isso é crucial no verão, quando as temperaturas são altas e os pequenos se movem muito mais. Vale ressaltar também que nem todas as bebidas são iguais quando se trata de fornecer hidratação ao seu corpo.

  • Água ou leite devem ser priorizados como opções comuns.
  • Bebidas açucaradas, refrigerantes e sucos de frutas tendem a ter muito açúcar e poucos nutrientes. Além disso, seu consumo está relacionado ao aumento dos casos de obesidade e cáries dentárias.
  • As bebidas energéticas são formuladas com ingredientes que não são adequados para as crianças.
Beber água com frequência
As crianças devem ser se hidratar com mais regularidade no verão. É essencial priorizar o consumo de bebidas naturais e evitar aquelas que são açucaradas ou estimulantes.

As chaves para manter uma boa alimentação infantil no verão

Para garantir uma boa alimentação infantil durante o verão, é essencial incentivar o consumo de frutas, verduras e outras variedades de alimentos frescos. Você não deve negligenciar os horários das refeições e, na medida do possível, é melhor oferecer receitas frescas e leves. Lembre-se disso!

Pode interessar a você...
A importância das vitaminas na alimentação infantil
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
A importância das vitaminas na alimentação infantil

A inclusão das vitaminas na alimentação infantil tem benefícios interessantes relacionados à nutrição. Confira este artigo e saiba mais.



  • De Ruyter J.C, et al. A Trial of Sugar-free or Sugar-Sweetened Beverages and Body Weight in Children. The New England Journal of Medicine.Octubre 2012. 367:1397-1406.
  • Fineberg HV. Healthy foods for healthy kids. Medscape General Medicine. Octubre 2007.9(4):20.
  • Grimm KA, et al. Fruit and vegetable intake during infancy and early childhood. Pediatrics. Setiembre 2014. 134 Suppl 1(Suppl 1):S63-S69.
  • Kenney EL, et al. What Do Children Eat in the Summer? A Direct Observation of Summer Day Camps That Serve Meals. Journal of the Academy of Nutrition and Dietetics. Julio 2017. 117(7):1097-1103.
  • Pearson N, et al.Family correlates of fruit and vegetable consumption in children and adolescents: a systematic review.Public Health Nutrition. Febrero 2009. 12(2):267-283.
  • Van der Horst K, et al. Involving children in meal preparation. Effects on food intake. Appetite. Agosto 2014;79:18-24.
  • Zheng G, Li K, Wang Y. The Effects of High-Temperature Weather on Human Sleep Quality and Appetite. International Journal of Environmental Research and Public Health. Enero 2019.16(2):270.