Benefícios da cerveja para a saúde e a beleza

· 22 de novembro de 2014
Além de ter usos estéticos, outros benefícios da cerveja incluem o fato de ajudar a combater doenças cardiovasculares e de previnir a osteoporose.

A cerveja é uma das bebidas alcoólicas mais consumidas em todo o mundo, perfeita para qualquer ocasião. Você sabia que a cerveja tem muitos benefícios quando consumida com moderação? Neste artigo você conhecerá alguns dos mais surpreendentes. E atenção, que ela não beneficia apenas a saúde mas também a beleza.

Benefícios da cerveja para a saúde

Protege a saúde cardiovascular

O consumo moderado de cerveja tem efeitos anti-inflamatórios, aumentando significativamente os níveis de colesterol “bom” e ajudando a combater determinadas doenças cardíacas. Assim, um bom copo de cerveja por dia pode fazer muito bem ao coração.

Melhora a força dos ossos

Diversos estudos afirmam que beber cerveja (dentre outras bebidas de baixo teor alcoólico) está relacionado a efeitos positivos na saúde óssea. Isso se deve porque essa bebida possui silício, um mineral que ajuda a melhorar a densidade dos ossos e evita a perda de massa óssea. De acordo com a Dra. Pérez Medina e seus colaboradores, a cerveja também oferece fitoestrógenos naturais. Estes estão relacionados com a prevenção da osteoporose e aliviam os sintomas da menopausa.

Entre os benefícios da cerveja está o fato de proteger a saúde cardiovascular

Protege das doenças neurodegenerativas

Estudos científicos têm revelado que beber cerveja com moderação reduz a probabilidade do aparecimento de doenças como o Alzheimer. Mais uma vez, o responsável por isso é o silício, que tem a capacidade de reduzir os metais tóxicos que se acumulam no organismo e causam patologias degenerativas. Por sua vez, melhora a memória e a concentração.

Ajuda a inibir o aparecimento de câncer

Entre os componentes principais da cerveja podemos encontrar o xanthohumol, um polifenol presente no lúpulo. É um antioxidante com compostos que ajudam a inibir e a prevenir o desenvolvimento de células cancerígenas.

Leia também: Primeiros sintomas de câncer que 90% das pessoas ignoram

Reforça o sistema imunológico

A cerveja tem a capacidade de reforçar o sistema imunológico, em alguns casos, evitando que os sintomas de uma infecção sejam tão graves ou duradouros.

Tem propriedades anti-inflamatórias

A diferença da cerveja para outras bebidas alcoólicas é que ela possui lúpulo como ingrediente principal. Esse composto tem propriedades anti-inflamatórias e também antibacterianas. Portanto, ajuda a prevenir as doenças que se relacionam com o envelhecimento, como a artrite.

As propriedades anti-inflamatórias estão entre os benefícios da cerveja

Melhora a saúde estomacal

Se você sofre de problemas gástricos, a cerveja pode ser um ótimo remédio natural. Consumindo de maneira moderada, esta bebida (também vinho e cidra) aumenta a quantidade de ácido gástrico, que acelera o esvaziamento do estômago, reduzindo o risco de sofrer uma infecção causada pela bactéria Helicobacter pylori, que provoca úlcera gástrica.

Ajuda a evitar a constipação

A ingestão de fibras ajuda a eliminar a constipação e, ao mesmo tempo, permite diminuir o colesterol “ruim”. No caso da cerveja, feita a partir de cevada, ela cobre a maioria das necessidades diárias de fibra solúvel, sendo uma das melhores bebidas (além da água) para nos nutrirmos.

Entre os benefícios da cerveja está o fato de ajudar a evitar a constipação

É um potente diurético

Quando você começa a beber cerveja, você imediatamente quer ir ao banheiro para urinar. Isso ocorre porque ela contém mais de 90% de água, um baixo teor de sódio (reduz a retenção de líquidos e evita problemas renais) e uma grande quantidade de potássio.

Reduz o risco de sofrer de catarata

A cerveja é boa para a saúde dos olhos mas, acima de tudo, para pessoas com histórico familiar de catarata. Beber um copo dessa bebida por dia é bom para os diabéticos, por exemplo, porque lhes permite manter a visão em boas condições e não sofrer de glaucoma (pressão ocular). Para isso, é melhor consumir cerveja preta do que amarela.

Entre os benefícios da cerveja está o fato de reduzir o risco de sofrer de catarata

Ajuda a prevenir a anemia

Especialmente na fase da menopausa, as mulheres tendem a apresentar deficiência de nutrientes e correm o risco de desenvolver anemia. Os flavonoides da cerveja são antioxidantes potentes que aumentam a atividade celular e, como resultado, contribuem para a absorção de ferro.

Fornece energia para o seu cérebro

Por ter uma grande quantidade de vitaminas do grupo B, nos dá a sensação de ter mais capacidade para trabalhar, estudar ou fazer o que queremos. Desde que você beba um único copo, é claro. Este nutriente permite fortalecer o sistema nervoso além de regenera as células.

Recomendamos a leitura deste artigo: Hábitos para ter mais energia o dia todo

Benefícios da cerveja para a beleza

Melhora a pele

Uma notícia estranha é que na cidade de Nova York foi criado um SPA onde você pode aproveitar todos os “benefícios” da cerveja. Os clientes podem entrar em uma banheira de cerveja preta. Em outros países como Alemanha, Áustria e República Tcheca, essa moda também chegou, mas na forma de máscaras faciais. O sucesso desta técnica são as vitaminas da bebida, que melhoram a saúde dos pigmentos da derme, obtendo uma pele mais flexível, jovem e macia.

Deixa o cabelo perfeito

Nossas avós já sabiam: a cerveja é excelente para o cabelo. Isso se deve ao fornecimento de vitaminas B e de proteínas.

Relaxa os pés

Quando você chega em casa cansado do trabalho, não há nada melhor que colocar os pés em uma bacia com água e um pouco de sal mineral. Se, ao invés de água, você colocar cerveja gelada no na bacia, sua espuma dará um efeito relaxante e refrescante aos seus pés cansados.

Lembre-se de que a cerveja é uma bebida alcoólica e, embora os benefícios da cerveja para a saúde, deve ser consumida com moderação para que seja benéfica. Nas mulheres, um copo de cerveja por dia é o consumo recomendado, enquanto que nos homens, até dois. Consulte o seu médico sobre o consumo de cerveja e suas interações com os medicamentos que você toma.

  • de Gaetano, G., Costanzo, S., Di Castelnuovo, A., Badimon, L., Bejko, D., Alkerwi, A., … Iacoviello, L. (2016). Effects of moderate beer consumption on health and disease: A consensus document. Nutrition, Metabolism and Cardiovascular Diseases. https://doi.org/10.1016/j.numecd.2016.03.007
  • Gerhäuser, C. (2005). Beer constituents as potential cancer chemopreventive agents. European Journal of Cancer. https://doi.org/10.1016/j.ejca.2005.04.012
  • Medina, T. P., Fernández-Durán, N. de A., Sánchez, A. P., & González, L. S. (2015). Beneficios del consumo moderado de cerveza en las diferentes etapas de la vida de la mujer. Nutricion Hospitalaria. https://doi.org/10.3305/nh.2015.32.sup1.9476
  • Sohrabvandi, S., Mortazavian, A. M., & Rezaei, K. (2012). Health-related aspects of beer: A review. International Journal of Food Properties. https://doi.org/10.1080/10942912.2010.487627
  • Stevens, J. F., & Page, J. E. (2004). Xanthohumol and related prenylflavonoids from hops and beer: To your good health! Phytochemistry. https://doi.org/10.1016/j.phytochem.2004.04.025