Benefícios da atividade física durante a dieta

· 12 de setembro de 2018
Quando estamos de dieta também precisamos realizar atividade física para queimar mais calorias e manter o corpo saudável.

Quando decidimos adequar a rotina a um estilo de vida mais saudável, é provável que obtenhamos melhores resultados a longo prazo se combinarmos a atividade física com a dieta.

Os atletas profissionais e seus treinadores conhecem este fato e também sabem que esta relação benéfica não é fruto de um dia. Na verdade, é o resultado de uma simbiose entre a rotina de treinamento e hábitos de alimentação adequados.

Principais benefícios de qualquer atividade física durante a dieta

Combinar a prática regular de atividade física com hábitos alimentares saudáveis e adequados à rotina de exercícios, pode trazer os seguintes benefícios:

Fazer atividade física durante a dieta melhora o humor

  • Controla o peso corporal.
  • Ajuda a prevenir doenças crônicas muito comuns, como as doenças cardiovasculares – tais como infartos ou hipertensão, câncer de cólon, câncer de mama, osteoporose ou prisão de ventre.
  • Melhora o tônus muscular, a força, o equilíbrio e a flexibilidade.
  • Melhora o humor, combate o estresse e a depressão.
  • Fornece bem-estar geral.

Conheça Os benefícios de praticar um esporte 

Funções que compõe o gasto energético total

Mediante uma dieta adequada não só cobrimos o gasto energético da atividade física, mas também daquele envolvido nos principais processos vitais do organismo como:

  • Metabolismo basal: é a energia utilizada para realizar as funções básicas, como respirar, fazer o sangue circular ou manter a temperatura corporal. Este grupo depende de condições físicas e antropométricas do indivíduo, mas também de aspectos externos, como o clima ou a altitude.
  • Efeito termogênico dos alimentos: esta é a energia usada na própria digestão, absorção e metabolização dos nutrientes. É o componente menor do gasto calórico, que supõe cerca de 10 % do total.
  • Atividade física: aqui se inclui a atividade física baseada em ações gerais diárias, o exercício físico da atividade esportiva e o esporte como tal ou exercício regrado. Esta é a parte mais variáveljá que dependendo se você é uma pessoa sedentária ou ativa, seu gasto nesta área pode aumentar até mais do que o dobro.
Fazer atividade física durante a dieta melhora o estado do coração

  • Crescimento: este gasto aparece nas crianças e adolescente, quando temos um gasto de energia extra dedicado ao crescimento e no desenvolvimento de novos tecidos. Além disso, existe também um gasto devido à maturidade física, sexual e mental, por isso que devemos levá-lo em consideração se o atleta estiver nessa faixa etária.
  • Doenças: devido ao estresse sofrido por uma doença crônica, ou mesmo por intervenções cirúrgicas, processos degenerativos, ou a presença de febre, pode-se aumentar muito o número de calorias que a pessoa precisa para manter o bom funcionamento de organismo.

Saiba mais: 10 alimentos para melhorar a concentração 

Os benefícios de uma alimentação correta para a atividade física

Quando a atividade física durante a dieta não é de alto rendimento, devemos seguir uma alimentação saudável. Além disso, ajudará nosso organismo a se recuperar mais rápido após a atividade. Alguns dos efeitos benéficos que uma alimentação correta tem sobre a atividade física serão:

  • Podemos treinar durante mais tempo e com maior intensidade. Isso, além dos efeitos benéficos sobre o organismo, nos permitirá alcançar uma maior sensação de superação pessoal.
  • Combate a fadiga.
  • Permite uma recuperação mais rápida do organismo.
  • Ajuda o corpo a se adaptar melhor e com maior rapidez ao tipo de exercício realizado.
  • Aumenta a força corporal.
Fazer atividade física durante a dieta melhora o ânimo

  • Melhora a concentração durante a atividade física. É importante ao realizar esportes em times, porque melhora o desempenho individual e será benéfico para todos.
  • Ajuda a manter o sistema imune forte.
  • Reduz o risco das lesões derivadas da atividade física realizada.
  • Reduz o risco de sofrer câimbras e dores de estômago.

Por todos estes efeitos, os benefícios de combinar a atividade física durante a dieta ficam claros. Logo, a alimentação deve se adequar ao tipo de exercício realizado, para cobrir as necessidades de nutrientes, que variarão de acordo com cada atividade.