Ative todos os seus órgãos consumindo estes remédios em jejum

· 20 de fevereiro de 2016
É importante que todos os ingredientes de nossos remédios sejam da melhor qualidade. No caso dos limões, optaremos pelos de cultivo orgânico para aproveitar também sua casca.

A maneira de começar o dia é fundamental para que nos sintamos com energia e vitalidade desde a primeira hora da manhã. Para isso, temos ao nosso alcance alguns remédios naturais muito simples que, se tomarmos em jejum, nos ajudarão a melhorar nosso estado de ânimo e rendimento durante todo o dia.

Neste artigo explicaremos quais são esses remédios para que você possa escolher aqueles que gostar mais. Experimente-os!

Remédios em jejum

1. Água com limão

A água com limão é um dos remédios que tomados em jejum podem ajudar a ativar os órgãos

Esta é a bebida mais recomendada para tomar, não apenas em jejum, mas também entre as refeições e antes de deitarmos.

O limão é um alimento medicinal excelente, rico em vitamina C, que limpa nosso organismo de toxinas, nos ajuda a eliminar gordura e a prevenir seu acúmulo e aumenta nossas defesas. Também melhora a função do fígado e do intestino.

Se o limão for orgânico, recomendamos que não desperdice a casca. Você também pode usá-la, batendo junto com a água e a polpa, já que contém muitos nutrientes.

Pode te interessar: Conheça 3 sucos para nutrir e depurar o fígado

2. Chá verde

O chá verde é uma das infusões mais populares e benéficas para nossa saúde. No entanto, é fundamental tomá-la sempre separada das refeições para assimilar bem.

Por ser levemente estimulante, nos ajudará a ter mais energia no primeiro momento do dia. Em contrapartida, não afetará nosso descanso noturno.

O chá verde é muito rico em antioxidantes e tem propriedades diuréticas. Estas são ideais para quem acorda com o rosto ou os olhos inchados. Deste modo, ativamos também o funcionamento do rim.

Além disso, é um potente anticancerígeno e também cuida de nossos dentes.

3. Água do mar

A água do mar é um dos remédios que tomados em jejum que podem ajudar a ativar os órgãos

A água do mar é cada vez mais reconhecida como uma opção para usar em todos os tipos de sopas que quisermos salgar. Além disso, também têm ganhado adeptos que a utilizam como alimento medicinal, já que é alcalinizante e remineralizante.

É muito benéfica para os rins, já que regula os líquidos do nosso organismo e também facilita o trânsito intestinal, por isso é recomendada em grande quantidade para pessoas que sofrem de prisão de ventre.

É importante aprender a tomar a água do mar de forma correta:

  • A quantidade habitual é de 50 ml de água marinha para 150 ml de água natural.
  • Podemos começar com uma quantidade menor de água do mar e ir aumentando aos poucos.

Deveremos observar nosso corpo, principalmente o intestino, para comprovar como este ingrediente faz com que o órgão funcione. Caso nos cause diarreia devemos reduzir a quantidade. Em contrapartida, se não resolver a prisão de ventre, podemos aumentar a quantidade de água do mar de maneira gradual.

4. Infusão de gengibre e mel

Esta infusão ativa nosso metabolismo e nos dá muita energia. É excelente para pessoas cansadas, apáticas, sem apetite e com frio.

O gengibre é uma especiaria picante que nos dá muito calor, melhora o funcionamento do fígado e alivia dores graças às suas propriedades anti-inflamatórias.

Podemos usar gengibre fresco e ferver 3 rodelas finas por 10 minutos. Também podemos usá-lo em pó para nossos remédios em jejum.

O mel, para que tenha benefícios medicinais, deve ser orgânico e cru. As outras opções contêm aditivos e foram cozidas a altas temperaturas para ficar na fase líquida, o que subtrai a maior parte de suas propriedades.

5. Infusão de canela e estévia

A infusão de canela e estévia é um dos remédios que tomados em jejum que podem ajudar a ativar os órgãos

Esta infusão doce e deliciosa nos proporciona muita energia. Além disso, melhora o funcionamento do pâncreas, um órgão que regula os níveis de glicose no sangue.

Esta bebida não é apenas benéfica para pessoas com os níveis de glicose baixos, como também para quem tem muita necessidade de comer doce ou comer o tempo todo.

A canela deve ser da variedade do Ceilão, que é a de melhor qualidade e a mais aromática, e pode ser em pó, para não ter que cozinhá-la.

A estévia deve ser em extrato puro ou em folha, e não a refinada e transparente comercializada atualmente com a única finalidade de adoçar sem oferecer calorias.

Leia também: Benefícios de tomar diariamente uma colher de canela e mel

Qual tomar?

  • Você pode escolher a bebida, ou as bebidas, que quiser, combinando-as ou alternando-as entre vários dias.
  • Recomendamos que você consuma entre dois e quatro copos de alguma dessas bebidas todos os dias em jejum, à temperatura quente ou morna, e espere pelo menos meia hora antes de tomar o café da manhã.

Você vai sentir a diferença no mesmo dia em que experimentar algum desses remédios em jejum!

  • Andreo, D., & Jorge, N. (2011). Capacidade Antioxidante e Estabilidade Oxidativa de Gengiber officinale. UNOPAR Cient Ciênc Biol Saúde. https://doi.org/10.17921/2447-8938.2011V13N1P%P
  • Rao, P. V., & Gan, S. H. (2014). Cinnamon: A multifaceted medicinal plant. Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine. https://doi.org/10.1155/2014/642942
  • Chacko, S. M., Thambi, P. T., Kuttan, R., & Nishigaki, I. (2010). Beneficial effects of green tea: A literature review. Chinese Medicine. https://doi.org/10.1186/1749-8546-5-13