Como acabar com os calos nos pés?

· 21 de junho de 2014
Os pés precisam de cuidados durante todo o ano, não somente no verão. Lembre-se de hidratá-los com cremes específicos para suprir todas as suas necessidades.

Os calos nos pés são muito comuns na maioria das pessoas e geralmente ocorrem devido ao uso de calçados inadequados, que friccionam constantemente contra os calcanhares, dedos, planta do pé e no local onde geralmente surgem os joanetes.

Na verdade, os calos nos pés se formam para proteger a pele de lesões, por isso aparecem nas regiões submetidas às fricções.

Se não forem eliminados, podem causar dor e inclusive sangramento com risco de infecções. Em diabéticos, o cuidado extremo e correto com os pés é de total necessidade, pois uma ferida causada por um calo pode gerar infecções muito perigosas.

É preciso considerar que, em casos de diabetes, a falta de uma boa circulação nas extremidades dificulta os processos curativos nas feridas, o que torna esse grupo de pessoas mais suscetíveis e vulneráveis.

Por isso, se você estiver dentro do grupo de risco, ou seja, o grupo de pessoas que sofre de diabetes, não deixe nenhuma lesão que surja em seus pés passar despercebida.

Fora o problema na circulação, também sofremos perda da sensibilidade, por isso as revisões em busca de qualquer ferida devem ser constantes.

A seguir, apresentaremos algumas dicas que ajudarão a prevenir ou minimizar o surgimento de calos nos pés, assim como remédios naturais que ajudarão a tratá-los.

Descubra: 7 soluções para impedir que os sapatos façam calos nos pés

Dicas para acabar com os calos nos pés

  • Não utilize por muito tempo sapatos de salto e nem sapatos que sejam incômodos, muito menos para andar por longas distâncias;
  • Sempre tenha à mão um sapato mais cômodo para utilizar como substituto caso o que esteja usando incomode;
  • Hidrate os pés; não se esqueça dessa região que tanto sofre ao longo do dia. Dê à ela os cuidados necessários. A cada uma ou duas semanas, mergulhe os pés em água quente e use uma pedra-pomes para suavizar os calos;
  • Não é recomendado usar objetos para cortar os calos, pois a região que está debaixo é muito delicada. A retirada da capa externa pode criar feridas ou tornar a pele mais vulnerável a infecções que apenas agravarão as dores e incômodos. Se os seus calos forem muito proeminentes e incômodos, a melhor opção é procurar um podólogo, que o ajudará a eliminá-los sem riscos de maiores lesões;
  • Os cremes que utilizar para hidratar os pés devem ser específicos para a região; é possível encontrar uma grande variedade de marcas e preços no mercado. Os cremes corporais podem não preencher os requisitos da pele dos pés;
  • Evite usar meias com costuras grossas que aumentem a fricção nas regiões específicas. É melhor utilizar meias lisas e de preferência de algodão, que evitarão que os pés fiquem úmidos e prevenirão a proliferação dos fungos;
  • Não faça como a maioria das pessoas, que se esquece dos pés no inverno e só cuidam deles no verão, quando estão mais expostos. Os pés necessitam de cuidados durante todo o ano;
  • O uso de Band-Aid é uma ótima opção para evitar o roçar do calçado em regiões específicas dos pés.

Leia também: Elimine os fungos e os calos dos pés com este incrível remédio caseiro

Remédios caseiros para os calos nos pés

Número 1

banho-pes-Intercontinental-Hong-Kong

Coloque os pés de molho por pelo menos 10 minutos em água morna. Retire-os da água e aplique uma mistura de uma colher de sopa de bicarbonato de sódio e um pouco de sal. Ao aplicar essa mistura, massageie a região e depois passe uma pedra-pomes, sempre com cuidado e suavidade.

Número 2

Faça uma infusão de quatro colheres de sopa de camomila em um litro de água. Molhe os pés nessa infusão. A camomila ajudará a aliviar as dores e suavizar a pele endurecida.

Número 3

limão para os calos nos pés

Corte uma rodela de limão, coloque-a sobre a região do calo e use uma gaze ou algo semelhante para manter o limão no local por uma noite.