A cortesia é o perfume da vida, o reflexo da generosidade

Nossa cortesia não se reverte positivamente apenas para os outros; nós também nos beneficiamos dela a nível emocional, porque ela nos ajuda a estar em harmonia com o que nos rodeia.
A cortesia é o perfume da vida, o reflexo da generosidade

Última atualização: 23 Agosto, 2021

A cortesia é, antes de mais nada, um valor pessoal. Embora seja verdade que, quando crianças, todos nós aprendemos regras básicas de cortesia e convivência, a chave para torná-las efetivas e úteis é estar ciente delas a fim de praticá-las com autenticidade.

É preciso ter vontade.

Cortesia é sinônimo de gentileza e também de apreço pela outra pessoa. É, portanto, uma forma de respeito universal que todos devemos praticar para ter relacionamentos interpessoais melhores.

Hoje, em nosso espaço, sugerimos que você leve esta dimensão essencial em consideração.

Cortesia, uma forma de trazer energia positiva

Algo que todos percebemos é o poder que os pequenos gestos positivos contêm no nosso dia a dia. Um “obrigado“, um “como vai você?” ou um “cuide-se” são rituais que tanto nos ajudam a nos conectarmos uns com os outros.

Além disso, outro aspecto que apontamos no início é que, sem intencionalidade, nada disso seria possível. Afinal, para reconhecer nossos semelhantes, precisamos de uma certa sensibilidade.

Precisamos de proximidade e da intenção clara de tratar com respeito, sabendo quais são as necessidades dos demais.

A seguir, convidamos você a refletir sobre algumas dimensões específicas relacionadas a este assunto.

Oferecer ajuda a quem precisa

Por que existem pessoas que carecem de cortesia?

Cortesia é mais do que o conjunto de bons hábitos que aprendemos desde a infância. São aspectos que vão além de deixar o outro passar antes de entrar, agradecer, abrir mão do assento ou ouvir antes de falar…

Poderíamos dizer que esta dimensão é um valor pessoal que nem todos praticam com autenticidade.

  • Aquele que não é cortês não tem empatia com seus pares. Além disso, é comum que ele se priorize, mantendo uma atitude orgulhosa ou desafiadora.
  • A cortesia é uma estratégia que nos permite uma melhor adaptação aos nossos contextos. A personalidade que carece de educação deseja que os outros se adaptem a ela.

Pier Massimo Forni é médico e professor da John Hopkins University em Baltimore (Estados Unidos).

Entre seus muitos estudos relacionados ao comportamento social, destaca-se sua obra Choosing Civility: The 25 Rules of Considerate Conduct (Escolhendo a Civilidade: as vinte e cinco regras da conduta cuidadosa, em português)

Segundo o Dr. Forni, a falta de cortesia pode levar a diferentes tipos de agressividade social. Além disso, podem ocorrer –em alguns casos– problemas psicológicos ou uma evidente falta de maturidade emocional.

Tipos de cortesia

É curioso, mas existem dois tipos específicos de cortesia. Stephen Levinson é um cientista das relações sociais que distinguiu duas maneiras por meio das quais podemos mostrar esta dimensão:

  • Cortesia negativa: está relacionada à deferência e a usamos por meio de frases como “se você não se importa…”, “se você não se incomoda que eu faça isso”…
  • Cortesia positiva: nesta dimensão procuramos, acima de tudo, estabelecer uma relação positiva com quem nos rodeia.

A cortesia positiva vai além da simples deferência. Cuidamos da linguagem, dos gestos e das ações, porque queremos dar o melhor de nós aos outros. Porque é assim que nos sentimos bem, é isso que somos e neste comportamento não existem interesses ocultos.

As pessoas afáveis

Pessoas gentis com os demais

Certamente, em alguma ocasião, você já se surpreendeu ao encontrar uma pessoa desconhecida que agiu com afabilidade, oferecendo ajuda ou apoio de forma espontânea.

  • No início, ficamos surpresos com esses comportamentos. Achamos que o outro está querendo algo em troca. Acreditamos que essa espontaneidade e essa nobreza acolhedora não são normais.
  • No entanto, elas são. Pessoas gentis, afáveis e genuinamente abertas existem e fazem deste mundo um lugar muito melhor.

Esses seriam alguns comportamentos simples que nos ajudariam a ser como essas pessoas:

  • Use uma linguagem respeitosa com abertura emocional: Eu entendo, eu compreendo…
  • Mostre um interesse real, preocupe-se em saber se alguém está bem e se você pode fazer algo para melhorar sua situação ou humor.
  • Aja com sinceridade. Às vezes, a cortesia cai na condescendência que leva à falsidade. Dizemos ‘obrigada’, ‘bom dia’, e perguntamos sobre certas coisas por simples obrigação, não por interesse real.

Para oferecer cortesia, respeito e reconhecimento aos outros, devemos estar bem emocionalmente. É muito difícil oferecer empatia e otimismo quando só sentimos ressentimento.

Embora todos tenhamos altos e baixos, o mais adequado é trabalhar nosso equilíbrio pessoal e emocional todos os dias. Somente quando estivermos bem, daremos o melhor da nossa essência aos outros.

Pode interessar a você...
9 maneiras de irradiar positividade e boas energias para os outros
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
9 maneiras de irradiar positividade e boas energias para os outros

Para irradiar positividade e bem-estar aos que nos rodeiam basta sermos mais amáveis e valorizarmos as pequenas coisas. Vale a pena refletir sobre ...