8 erros que cometemos no banho todos os dias

4 de julho de 2017
Ainda que possa parecer uma opção muito mais higiênica, a verdade é que tomar banho (e se ensaboar) mais de uma vez por dia pode ser prejudicial para a pele.

Você sabia que quando tomamos banho cometemos uma série de erros que, pelo próprio bem de nossa saúde geral, é melhor corrigir o quanto antes?

O banho perfeito não deveria passar dos 5 a 10 minutos de duração, nem dos 95 litros de água usados.

Comprove se você também comete estes erros e procure corrigi-los para gozar de um bem-estar maior.

1. Usar água muito quente

Tomar banho com água muito quente

Pode ser que no inverno esta pareça a melhor opção, mas não se pode passar dos limites na temperatura, porque nossa pele sentirá as consequências.

Considere que a água muito quente desidrata a pele, e pode levar a efeitos como o ressecamento e a descamação.

Porém, suas contraindicações não acabam aqui:

  • Se tomarmos uma ducha com água muito quente, corremos o risco de retirar muita gordura da pele.
  • Isso será prejudicial, visto que a deixaria indefesa frente às bactérias e substâncias nocivas.
  • Além disso, é capaz de causar um fluxo sanguíneo excessivo, que poderia conduzir a uma vermelhidão prolongada, assim como a determinados efeitos adversos como inflamações, espinhas e ressecamento da pele.

2. Passar do tempo recomendado

Tome seu tempo, mas não mais do que o necessário ou, do contrário, será improdutivo para você.

Como já indicamos, nunca deveríamos tomar duchas de mais de 10 minutos.

Como acontece com a água quente, uma ducha prolongada resseca mais a pele, e pode derivar em problemas como as espinhas e a irritação.

3. Abusar dos produtos muito espumosos

Produtos para o banho

Os géis e sabonetes corporais que encontramos no mercado atualmente contêm tensoativos que se encarregam de englobar as moléculas de gordura às células.

  • Porém, se você observar que seu gel de banho produz muita espuma, é sinal de que contêm estas substâncias em excesso.
  • Tenha em conta que, quando mais espuma um gel produzir, mais camada protetora de gordura eliminará, o que pode derivar em uma pele seca e áspera.

Lembre-se de que, se você não tem indicações médicas para usar sabonetes antibacterianos, não há nenhuma necessidade de fazer isso.

4. Usar esponjas velhas

Ainda que possa parecer algo sem importância, usar a mesma esponja de banho por muito tempo é um grande risco para a saúde.

Pode-se dizer que é algo semelhante ao que acontece com o uso prolongado da mesma escova de dentes.

  • Você deve considerar que, devido à umidade do ambiente que utilizamos, costumam ser criadas condições ideais para o desenvolvimento das bactérias e fungos.
  • A solução passa por não usar a mesma esponja durante mais de 4 semanas (no máximo).
  • O mais recomendável é usar uma luva ou uma toalhinha pequena, sem esquecer de secá-la depois de cada um dos usos.

Leia também: Aprenda a preparar um esfoliante natural para o rosto e os lábios

5. Lave-se bem

Erros que cometemos no banho

Não podemos deixar passar despercebido o fato de que o mínimo resto de sabonete que fica na pele pode causar dermatite. Por isso, devemos verificar se estamos bem limpos antes de sair do chuveiro.

Quanto ao cabelo, você deve ter em conta que ele deve chiar ao escorrer. Assim poderemos verificar que o couro cabeludo está perfeitamente limpo.

6. Esfregar ao secar

Secar a pele corretamente é tão importante quanto lavá-la bem, por isso será preciso ter cuidado com o uso que você faz da toalha.

Considere que as melhores são as não ásperas, que deixam o corpo levemente úmido.

Quando já estiver seco, não se esqueça de aplicar um creme ou loção corporal para umedecer a pele.

7. Repetir o banho

Repetir o banho mais do que uma vez por dia, algo que se faz normalmente, afinal vamos à academia, fazemos tarefas físicas que as vezes exigem mais, não é algo bom.

Caso você tenha que tomar um segundo banho, tente fazer isso da forma mais rápida possível e não use sabonete: apenas remover o suor e a possível sujeira com água será suficiente.

8. Evite se depilar debaixo d’água

Muitas das mulheres que se depilam com lâmina fazem isso no chuveiro porque parece mais cômodo.

Porém, é preciso ter em conta que depilar-se ao mesmo tempo em que a água cai pode causar irritação.

Assim, é conveniente que algumas precauções sejam tomadas na hora de se depilar, como fazer isso com géis e espumas específicas, e sempre com água morna ou fria.

Recomendados para você