7 sintomas de um nível alto de açúcar no sangue

· 11 de março de 2018
A hiperglicemia é uma condição silenciosa à qual devemos estar atentos. Se não for tratada a tempo, pode provocar diabetes. Por isso, é fundamental conhecer seus sintomas, que descreveremos a seguir.

Você saberia dizer quais são os sintomas de um nível alto de açúcar no sangue? Esta é a principal fonte de energia para as células do nosso organismo. Esse tipo de açúcar está presente em farinhas, mel, cenouras, arroz, entre outros ingredientes e alimentos.

Graças a essa energia nosso corpo pode realizar funções importantes como a digestão, o bombeamento cardíaco, as sinapses, entre outras. Para gerar todos os benefícios, sem consequências negativas para a saúde, o açúcar presente na amostra de sangue deve estar entre 70 e 110 mg/dl.

O aumento dos níveis de glicose no sangue é chamado de hiperglicemia e provoca danos em vários órgãos. A diabetes mellitus é diagnosticada quando a glicose presente no sangue supera os 180 mg/dl. É fundamental manter essa doença sob estrita vigilância médica, pois ela pode gerar complicações severas.

O que é a hiperglicemia?

Fala-se de hiperglicemia quando o açúcar no sangue está acima de 140 mg/dl. Essa condição pode aparecer por 2 motivos específicos:

  • O pâncreas tem problemas para produzir a quantidade suficiente de insulina, hormônio encarregado de regular o açúcar no sangue.
  • O organismo não pode utilizar a insulina de forma adequada.

Em qualquer um dos dois casos é fundamental que você vá ao médico para que ele indique os medicamentos a tomar, as respectivas mudanças da sua dieta e a quantidade de exercício que você deve realizar.

Os sintomas de um nível alto de açúcar no sangue

A hiperglicemia é difícil de ser detectada se você não estiver atento, mas sempre apresenta sintomas. O ideal é fazer um check-up médico a cada 6 meses para diagnosticar a tempo as mudanças que podem estar acontecendo no seu organismo.

O teste de glicose no sangue costuma ser muito barato e simples. Basta um pequeno furo para obter uma gota de sangue. Em todo caso, os sintomas que devemos vigiar são:

1. Polidipsia

Beber água

É a necessidade urgente e exagerada de beber água, geralmente acompanhada da sensação de ter a boca seca. É importante que você beba a quantidade de água que for necessária, pois é uma forma que o corpo tem de tentar normalizar seus níveis de glicose.

No entanto, você deve lembrar que o problema vai continuar até que os níveis de açúcar no sangue sejam normalizados. Para ajudar, adote uma rotina de atividade física diária e tome seus medicamentos de acordo com o recomendado pelo médico.

2. Lesões na pele

O excesso de açúcar no sangue pode causar o surgimento de lesões cutâneas como manchas escuras nas pernas, vermelhidão facial e ressecamento da pele. As unhas, as palmas das mãos e as solas dos pés também podem ficar amarelados.

Se você notar hematomas que aparecem e que depois de alguns dias não desaparecem, vá ao médico o mais rápido possível. Não permita que esse problema passe despercebido, pois você pode ter problemas nas veias.

3. Mudanças de humor

Mulher com raiva

A hiperglicemia pode provocar alterações severas no estado de ânimo, como irritabilidade ou depressão. Há pessoas que têm tendência a se irritar ou a ter uma personalidade mais agressiva, mas se não é algo comum em você, preste atenção a esse sintoma.

Lembre-se de que as emoções dependem dos processos químicos do seu cérebro, e esses processos são afetados pelos níveis de açúcar no sangue.

4. Fraqueza e sonolência

Pelo fato de as células serem incapazes de absorver o açúcar no sangue de maneira eficaz, a energia produzida cai. Isso se traduz no aparecimento de:

  • Fraqueza
  • Cansaço extremo.
  • Sonolência.
  • Desmaios.

Para reduzir esse problema é importante consumir vegetais frescos que ofereçam vitaminas e minerais de qualidade. Se o problema é muito sério, seu médico pode sugerir alguns suplementos.

5. Cicatrização lenta das feridas

A hiperglicemia provoca uma severa alteração na coagulação. O problema que se apresenta está relacionado com o sangramento e a cicatrização de feridas. Essa alteração está intimamente relacionada com o aparecimento de hematomas na pele.

Se você observa que suas feridas demoram mais para parar de sangrar e que suas cicatrizes não curam rápido, deve procurar um médico. Quando você recuperar o controle da sua glicose, esse sintoma deixará de ser um problema.

6. Problemas de visão

Saúde ocular

As pequenas artérias e veias localizadas na retina, mácula, vasos da retina e cabeça do nervo óptico costumam sofrer danos por causa da hiperglicemia. Entre os problemas que podemos ter se encontram:

  • Visão embaçada
  • Presença de manchas escuras no campo visual.
  • Dor na área ocular.
  • Dificuldade de focar em objetos próximo com a visão lateral ou periférica.

As visitas regulares ao seu oftalmologista podem ajudar a identificar esses problemas e evitar que o açúcar no sangue aumente de forma excessiva.

7. Problemas sexuais

As lesões nos nervos e vasos sanguíneos ocasionadas pelos altos níveis de açúcar no sangue provocam diferentes alterações na função sexual de homens e mulheres. Nos homens a hiperglicemia pode causar:

  • Incapacidade de conseguir manter a ereção suficientemente firme para manter a relação sexual.
  • Ejaculação retrógrada, uma alteração em que parte ou todo o sêmen flui para a bexiga ao invés de ir para a ponta do pênis durante a ejaculação.

Nas mulheres, pode gerar:

  • Ressecamento vaginal.
  • Ausência ou queda do desejo sexual.
  • Relações sexuais dolorosas.

Você já notou esses sintomas de um nível alto de açúcar no sangue? Em caso afirmativo, não deixe de dar a devida atenção a eles e vá ao médico o quanto antes.