7 motivos para ir ao psicólogo

· 24 de dezembro de 2017
Existem muitos motivos para ir ao psicólogo. Ao contrário do que acontece quando nos aliviamos com os nossos entes queridos, o psicólogo não participará do conflito, mas nos ajudará a encontrar as ferramentas para que o solucionemos.

Embora tenhamos “avançado” o suficiente para não acreditar que ir ao psicólogo é “coisa de louco”, ainda há certa relutância em tomar a decisão.

A ajuda profissional e a terapia podem nos ajudar a resolver problemas do passado, melhorar o nosso presente e mudar nosso futuro.

Estes são apenas alguns dos motivos para ir ao psicólogo. Saiba mais no próximo artigo.

Por que ir ao psicólogo?

Como primeiro passo, você deve banir essa ideia ou preconceito de que, para ir ao psicólogo, temos de estar loucos. Pense que é uma maneira de se livrar de seus problemas e angústias.

Da mesma forma que no salão de beleza você corta o cabelo ou faz uma máscara para rugas, a mente também precisa de cuidados.

Solicitar ajuda profissional não é fácil e requer determinação que muitas vezes não temos ou não levamos a sério.

Lembre-se de que, às vezes você, não pode se encarregar de tudo o que acontece. Você também não sabe tudo. Para isso, há terapia.

Não pense que, ao iniciar as sessões com o psicólogo, você terá que continuar dessa maneira toda sua vida. Você pode decidir quando continuar e quando deixar assim que sentir que conseguiu resolver o problema que o afligiu.

Motivos para ir ao psicólogo

Ao contrário do que se acredita, pedir ajuda é uma coisa corajosa e inteligente, não covarde. E existem muitos motivos para ir ao psicólogo.

Assim como não há sentido em suportar uma dor física (de um dente, costas, etc.), também não devemos manter a dor emocional.

Se você não sabe por que ir a uma consulta, preste atenção nestes motivos para ir ao psicólogo:

1. É um espaço para você

Mulher triste consultando um psicólogo

Talvez você passe o dia inteiro trabalhando, fazendo tarefas domésticas ou cumprindo obrigações.

Você não tem tempo para se dedicar a si mesmo: ir à academia ou ao salão de beleza, dormir ou tomar um banho de imersão, são proibidos os prazeres devido à falta de tempo.

  • Tome a sessão então como um espaço bem merecido para cuidar de você. Como se fosse uma massagem, mas para a alma.
  • Ter uma hora por semana para resolver seus problemas não é egoísta, mas uma oportunidade para melhorar suas relações com você e com os outros.

2. Permite que você entenda

Muitas vezes as emoções assumem o controle e não nos permitem pensar ou agir com clareza. Outras vezes, não entendemos bem por que fazemos certas coisas.

Todos nós temos bloqueios, experiências e situações que nos fazem decidir de forma específica.

Ir ao psicólogo pode nos ajudar, por exemplo, a entender por que somos da maneira que somos ou porque as mesmas coisas sempre acontecem conosco.

Você pode precisar de uma explicação “formal” de seus sentimentos para lidar com eles e esse é um dos motivos para ir ao psicólogo.

3. Ele não vai julgá-lo

Mulher consultando um psicólogo

Já aconteceu com você que, ao conversar com um amigo, seu parceiro ou um membro da família, você sente que outros fazem julgamentos errôneos sobre você (ou sobre um assunto em particular)? Isso ocorre porque as pessoas ao seu redor podem tomar partido ou se basear em preconceitos.

  • O psicólogo, por outro lado, não “escuta ativamente” seus problemas, mas sim analisa sua maneira de se expressar, seu idioma, seus gestos e suas reações.
  • Desta forma, pode avaliar a situação e dar um ponto de vista profissional sem qualificar o seu comportamento.

4. Você receberá outra opinião

Os terapeutas estudaram para poder oferecer aos seus pacientes diferentes opiniões, valores ou pontos de vista de um ângulo mais “objetivo”. Ou seja, sem emoções ou tabus no meio, como poderia acontecer com seu melhor amigo.

  • Você pode obter uma explicação de uma perspectiva diferente e isso irá ajudá-lo a agir de forma diferente na próxima vez.
  • O psicólogo não está envolvido emocionalmente com você e, portanto, sua perspectiva é mais ampla.
  • Será muito útil avançar, modificar comportamentos negativos e estar à vontade com você mesmo.

5. Falar vai fazer com que se sinta melhor

Homem consultando um psicólogo

Em muitas ocasiões, o psicólogo permanece em silêncio e permite que o paciente perceba por seus próprios meios o erro ou a situação em particular. Colocar em palavras as emoções é fundamental e isso se consegue falando. Esse é outros dos motivos para ir ao psicólogo.

Deixar as lágrimas fluírem, a ira se dissipar, diminuir a ansiedade, depende de cada um… e sobre o que expressamos nesse espaço reservado apenas para nós.

6. Desafia você

Ir a terapia é como falar com o espelho, só que o retorno nem sempre é o que queremos ouvir. Um terapeuta não irá dizer o mesmo que os seus entes queridos, e isso é motivos para ir ao psicólogo mais do que suficiente.

Não lhe dará razão 100% do tempo, nem estará do seu lado em todas as situações.

Então, você pode encontrar uma solução para seu problema, uma maneira de desbloquear um trauma ou superar um obstáculo. Você vai desafiar-se a melhorar, ir mais longe e seguir em frente.

7. Você terá ferramentas para agir

Mulher consultando um psicólogo

Basicamente, um psicólogo não lhe diz o que fazer, mas ajuda você a encontrar os métodos para você mesmo alcançar um objetivo.

Como primeira medida, identificando o que acontece com você, depois familiarizando-se com a situação e, finalmente, atuando em conformidade.

Ir ao psicólogo é uma excelente ideia, mesmo quando nenhum trauma do passado nos assombra todos os dias. Talvez você não ache que tenha problemas suficientes, mas a verdade é que você sempre pode melhorar como pessoa graças à terapia.