6 transtornos que podemos adquirir ao longo da vida

26 Novembro, 2019
Todos os transtornos psicológicos dos quais falaremos, muitas vezes implicam em a pessoa não poder realizar suas atividades diárias com total normalidade.
 

Existem muitos transtornos que podemos adquirir ao longo da vida. Alguns podem ser adquiridos desde a infância. Outros, no entanto, a partir da idade adulta.De acordo com o manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais (DSM), existem cerca de 260 transtornos psicológicos diagnosticados até o momento.

Um transtorno psicológico é um conjunto de sintomas psicológicos que afetam a conduta e o comportamento das pessoas.

Eles podem causar desconforto emocional constante e impedir o desenvolvimento de uma vida normal.

Em seguida, apresentaremos alguns transtornos pouco conhecidos, mas que podem aparecer a qualquer momento.

Possíveis transtornos que podemos adquirir ao longo da vida

1. TEPT (transtorno de estresse pós-traumático)

distúrbios psicológicos do adulto

Esse transtorno geralmente ocorre em pessoas que passaram algum episódio extremamente traumático em suas vidas.

Alguns desses episódios podem ser, por exemplo:

  • Sequestros / estupros / tortura.
  • Perda de um ente querido.
  • Algum acidente grave.
  • Viver um desastre natural.

Esse transtorno pode ocorrer em qualquer idade, dependendo do momento da circunstância vivida.

 

Seus principais sintomas são: episódios constantes de medo e paranoia, pesadelos na hora de dormir, pouco interesse em querer realizar atividades diárias e sensação de solidão ou negatividade.

Também vai te interessar: Fobia de voar: como tratá-la?

2. TOC (Transtorno Obsessivo-compulsivo)

As causas desse tipo de transtorno geralmente estão associadas a esses fatores:

  • Abuso emocional.
  • Físico.
  • Sexual.

Além disso, também ocorre geralmente como resultado da morte de um ente querido ou de viver em situações de constante estresse ou abandono. Em alguns casos, também costuma ser genético.

Seu principal sintoma é a presença de constantes obsessões ou ações impulsivas.

3. TAG (Transtorno de Ansiedade Generalizada)

transtorno de ansiedade generalizada

É caracterizado por um constante sentimento de ansiedade que afeta todo o corpo.

Manifesta-se com, por exemplo:

  • Sudorese excessiva.
  • Nervosismo.
  • Palidez.
  • Diarreia.
  • Falta de concentração.
  • Palpitações em áreas do corpo.

Esse transtorno se desenvolve devido à preocupação constante com um problema ou situação em particular.

Além disso, também pode se desenvolver quando estamos frente a uma situação de estresse constante.

 

Inclusive, existem estudos que mostram que o uso de redes sociais para ler notícias negativas pode causar ansiedade nas pessoas ou causar algum tipo de estresse psicológico.

4. Fobias

As fobias são transtornos caracterizados pela exibição de respostas impulsivas ou ansiosas a certos estímulos ou comuns como, por exemplo:

  • Fobia a água.
  • Aos gatos ou insetos.
  • A viajar de metrô.
  • Ao fogo.

Muitas das fobias são geralmente causadas por experiências negativas, ataques de pânico, comportamentos mal aprendidos ou alterações na atividade cerebral devido a alguma doença.

No entanto, existem avanços no tratamento de muitos dos transtornos fóbicos. Por exemplo, atualmente, cientistas no Reino Unido fizeram uso de dispositivos de realidade virtual para superar a fobia a alturas.

5. Transtornos de angústia com agorafobia é outro dos transtornos que podemos adquirir ao longo da vida

A agorafobia é dos 6 transtornos que qualquer pessoa pode desenvolver

Esse tipo de transtorno pode ocorrer em qualquer pessoa adulta, embora ocorra com maior incidência em mulheres a partir dos 25 anos de idade.

É caracterizado pelo medo de estar em espaços abertos ou fechados. Por isso, a pessoa não quer sair de casa.

 

Além disso, há períodos constantes de angústia e sintomas físicos como, por exemplo, tonturas, desmaios, calafrios, sudorese, entre outros. Suas causas ainda são desconhecidas.

Leia também: Quais são as doenças mentais mais comuns?

6. Transtornos do sono

Os transtornos psicológicos do sono podem se dever, por exemplo, à exaustão causada pelo estresse ou pela falta de controle do sono, causada pelo trabalho em turnos rotativos.

Além disso, também pode ser causado por uma doença repentina.

Assim, entre os mais proeminentes estão:

  • Insônia
  • Síndrome das pernas inquietas
  • Pesadelos constantes
  • Apneia do sono
  • Ronco

Esses transtornos significam que a pessoa não pode realizar suas atividades diárias com total normalidade.

Muitos desses transtornos psicológicos são geralmente tratados com ajuda médica profissional, além disso, em alguns casos com a prescrição de algum medicamento.

Assim, recomenda-se que o paciente tente drenar qualquer problema que ocorreu em sua vida através de ajuda psicológica.

Além disso, também pode tentar algum tipo de técnica de relaxamento e equilíbrio mental.

Geralmente, é aconselhável o apoio da família ou das pessoas mais próximas diante de qualquer tipo de transtorno mental que a pessoa esteja enfrentando.

Por fim, isso permitirá que o indivíduo não agrave sua condição e, portanto, sinta-se apoiado e incentivado a superar certas etapas de sua vida.

 
  • Asociación Americana de Psiquiatría (APA) (2013). Manual Estadístico y Diagnóstico de los Trastornos Mentales, quinta edición (DSM-5). Washington, DC: APA.
  • Fonzo, G. A., Ramsawh, H. J., Flagan, T. M., Simmons, A. N., Sullivan, S. G., Allard, C. B., Paulus, M. P., & Stein, M. B. (2016). Early life stress and the anxious brain: evidence for a neural mechanism linking childhood emotional maltreatment to anxiety in adulthood. Psychological Medicine, 46(5), 1037–1054. https://doi.org/10.1017/s0033291715002603