6 sinais de que estamos comendo muito açúcar

· 22 de novembro de 2016
Os sinais de que estamos comendo muito açúcar são muito similares aos que o vício em drogas provoca. Isso se agrava pois quase todos os alimentos industrializados são adulterados com esta substância com o objetivo de criar tal efeito.

O açúcar é um verdadeiro veneno para o corpo. Quando consultamos um nutricionista ou um preparador físico, a primeira coisa que  vamos ouvir é para evitar seu consumo.

Além de engordar, ele influencia negativamente outros fatores em nosso corpo.

No entanto, às vezes não somos conscientes do efeito negativo que a alta presença do açúcar tem em nosso corpo.

Somente pensamos na diabetes como doença relacionada a ele. Dessa forma, se não temos a doença, tendemos a pensar que estamos imunes de evitar o consumo de açúcar.

Transformar-se em uma pessoa diabética é um dos sintomas de estar comendo muito açúcar.

No entanto, antes de chegar a esse extremo, ocorre uma série de efeitos secundários que dificultarão o desenvolvimento normal de seus afazeres diários.

Muitas vezes não percebemos esta relação porque a ingestão do açúcar está normalizada, mas é preciso ficar atento aos sintomas que listaremos a seguir.

Sintomas de estar comendo muito açúcar 

1. Esgotamento geral

o açúcar

O efeito que o açúcar gera é comparável ao das drogas estimulantes. Em primeiro lugar, ocorre um rápido aumento dos níveis de energia, mas em pouco tempo ela cai a níveis inferiores aos desejáveis.

Como resultado do pico inicial, um processo depressor vem em seguida.

A reação geral a este cansaço é recorrer a refrigerantes de cola e outros estimulantes que também são açucarados. Por isso, iniciamos novamente o mesmo ciclo.

Assim, recomendamos tomar café com adoçantes ou outros ingredientes (que não o açúcar), que ajudarão a recuperar a energia.

Veja também: Suco especial para recuperar a energia e o ânimo 

2. Ansiedade por comer mais doce

Como dizíamos anteriormente, estamos falando de uma substância com efeitos muito similares aos das drogas.

Por isso, perceber muitos pensamentos relacionados com alimentos doces é um sinal de estar comendo muito açúcar. É possível já estar desenvolvendo uma relação de dependência com o elemento.

A razão para ocorrer este tipo de situação está em nossa origem como espécie. Para sobreviver, precisamos de glicose. Assim, quanto mais ingerimos, mais nosso cérebro quer armazenar.

Até os produtos mais impensáveis, como os frios e as carnes industrializadas, têm açúcar adicionado em sua composição.

3. Mudanças de humor

o açúcar

Se pensarmos nos dois sinais anteriores, este sinal de estar comendo muito açúcar é compreendido com facilidade. Quanto mais comemos, mais queremos.

Isso significa que, quando acabamos de comer um doce, nos sentimos melhor. Por outro lado, quando notamos sua ausência, ficamos aborrecidos.

O curioso é que chegou um momento no qual as variações de humor se vinculam a qualquer alimento.

Todos aqueles que passaram por um processo industrial contêm glicose, por isso esta síndrome de abstinência aparece com quase qualquer alimento.

4. O açúcar engorda

Uma vez que nossa mente tenha obtido a quantidade de açúcar necessária para funcionar, o corpo metaboliza o resto em forma de gordura.

Posto que o pâncreas não pode secretar a quantidade de insulina necessária para digerir tal quantidade, o fígado a armazena como gordura.

Não se preocupe, você ainda pode comer vários pedaços de fruta para perder peso. A glicose presente nestas não é tão prejudicial como as dos bolos e demais alimentos processados.

5. A pele fica enfraquecida quando comemos muito açúcar 

Digerir o açúcar requer insulina. Esta é uma potente substância que está presente em seu corpo em altos volumes quando ingerimos açúcar em excesso.

Muitas pessoas apresentam especial sensibilidade à mesma, de forma que sua pele começa a secar e descamar sem remédio. 

É verdade que o mercado proporciona muitos produtos para melhorar o problema. Mas sugerimos que, antes de recorrer a eles, você reduza o consumo desta substância para averiguar se esta é a causa.

6. A pressão sobe

o açúcar

Certamente, você já escutou que o sal é prejudicial para a pressão arterial. Mas você sabia que o açúcar é ainda pior?

Um estudo demonstrou que ele exige um maior esforço cardíaco por ser mais complicado de ser metabolizado. Como consequência, ocorre um aumento da pressão.

Leia também: Remédio de passiflora para controlar a pressão arterial

Os incômodos produzidos por este fenômeno são muito comuns hoje em dia. No entanto, poucas vezes somos capazes de estabelecer esta relação.

Em suma, as razões são múltiplas. Mas é evidente que o desconhecimento em relação ao alimento, junto com o sabor delicioso do doce, provocam o problema.

  • Hart, G. W. (2013). How sugar tunes your clock. Cell Metabolism. https://doi.org/10.1016/j.cmet.2013.01.008

  • Miller, L. M. S., Cassady, D. L., & Nielsen. (2015). We are what we eat: Healthy eating trends around the world. Appetite. https://doi.org/10.1016/j.appet.2015.05.029