6 gotas ao dia deste óleo podem ajudar a queimar a gordura do abdômen

· 5 de setembro de 2015
Para estimular a perda de peso, devemos tomar duas gotas com cada refeição principal. Não é preciso se exceder, já que o exagero pode ter efeitos negativos em nosso organismo.

A gordura do abdômen é um dos problemas de saúde e estética mais comuns em homens e mulheres, que têm que lutar dia após dia para combatê-la e conseguir eliminá-la.

Infelizmente, quando nos descuidamos da alimentação e dos hábitos do dia a dia, o abdômen é uma das partes do corpo mais afetadas, já que ele tende a acumular gordura com facilidade e formar aquelas dobrinhas incômodas que afetam negativamente a nossa aparência.

Perder peso não é uma tarefa fácil e requer esforços constantes, em especial quando se trata de queimar a gordura do abdômen.

Felizmente, hoje em dia há muitas formas de eliminá-la sem precisar recorrer a medidas extremas como, por exemplo, a lipoaspiração.

Uma das alternativas que podemos ter em mente para emagrecer de forma natural e, ao mesmo tempo, proteger o corpo de muitas doenças é o uso de um poderoso óleo que pode ser preparado em casa com ingredientes naturais.

Quer conhecê-lo? Então continue lendo este artigo.

Leia também: 5 dicas sobre o que a sua dieta para definir o abdômen deve ter

Óleo à base de canela para perder peso e ter um abdômen reto

Durante muitos anos este óleo foi usado como um tratamento alternativo para curar e prevenir diferentes doenças com o fim de melhorar a saúde.

No começo, acreditava-se que ele possuía apenas fins medicinais, mas com o tempo foi descoberto que ele também funciona para queimar gordura, principalmente a abdominal.

queimar-gordura

Com a popularização do seu uso em muitas partes do mundo, foi possível determinar que ele é muito eficaz graças à sua concentração de substâncias químicas eficazes para emagrecer, eliminar toxinas e bactérias que podem afetar negativamente a saúde.

Descubra: Como eliminar as toxinas e resíduos do cólon com linhaça?

Outros benefícios que vale a pena destacar é que ele ajuda a fortalecer o cérebro e a memória, além de reforçar o sistema imunológico.

Somado a tudo isso, trata-se de um remédio ideal para as pessoas com diabetes ou níveis de açúcar muito altos, já que, por conter canela, ajuda a diminuí-los.

Por todos estes motivos e pela sua facilidade de preparação, vale a pena considerá-lo como um bom complemento das dietas e exercícios físicos para eliminar a gordura do abdômen.

Como preparar este óleo para eliminar a gordura do abdômen?

A canela é uma especiaria muito versátil que pode ser usada com facilidade para potencializar seus efeitos e preparar remédios muito úteis.

oleo-queima-gordura

Por ser um ingrediente tão econômico, não há desculpas para não utilizá-lo com frequência.

Ingredientes

  • 1 copo de azeite de oliva
  • 6 paus de canela
  • 1 frasco de vidro com tampa

Preparo

  • Encha o frasco de vidro pequeno com os paus de canela.
  • Derrame o azeite de oliva sobre eles, assegurando-se de que os mesmos fiquem bem submersos.
  • Coloque o frasco em um local quente de sua casa, deixe-o ali durante 3 semanas e mexa-o com frequência.
  • Após o tempo recomendado, basta coar o extrato, utilizando uma gaze ou material similar, e armazenar o óleo em um lugar fresco e seco.

Como usar

Para aproveitar os seus benefícios, basta tomar duas gotas de óleo de canela com cada refeição principal e isso já será suficiente para estimular a perda de peso.

É muito importante ter em mente que não se deve exagerar no seu consumo, já que poderia ser prejudicial. Antes de começar a consumi-lo, é muito importante ler as seguintes contraindicações.

Contraindicações do óleo de canela

contraindicacoes

Ainda que este remédio natural tenha muitos benefícios para a saúde e para a perda de peso, não podemos ignorar alguns dos efeitos colaterais que poderiam ocorrer em alguns casos.

  • As pessoas que sofrem de gastrite ou colite devem ter cuidado com o consumo deste remédio, já que embora a canela possa ser benéfica, ela também pode irritar o sistema digestivo.
  • No caso de úlceras intestinais, deve-se evitar o consumo, já que ele pode causar uma maior irritação no estômago e no intestino.
  • As mulheres grávidas ou com planos de engravidar também devem ficar atentas ao consumo, já que a canela estimula o fluxo sanguíneo na área da pélvis e do útero, o que pode ser prejudicial.
  • As pessoas que têm algum tipo de doença cardíaca devem tomar este remédio sob supervisão médica e em quantidades mínimas, já que a canela tem um leve efeito que aumenta o ritmo cardíaco.
  • O uso prolongado e excessivo de canela, inclusive do seu óleo, poderia ser muito prejudicial. O nível de toxicidade de seus componentes pode causar vômitos e irritação renal.