Mejor con Salud
 

6 fases do divórcio

Você está à beira de um divórcio e não sabe como reagir? Hoje, explicaremos quais são as fases do divórcio pelas quais todas as pessoas passam; assim você poderá se preparar melhor.
6 fases do divórcio

Terminar um casamento é aceitar que uma escolha que foi feita para a vida toda não funcionou. E, às vezes, entender isso causa uma explosão de emoções.

O domínio dessas emoções é o que marca quanto tempo vai durar cada fase do divórcio. Alguns optam por superar o “luto” sozinhos, e muitos outros precisam ser acompanhados. Mas ninguém escapa completamente da revolução emocional que essa situação gera.

6 fases do divórcio que você deve passar para retornar ao equilíbrio interior

1. Luto: pelo que poderia ter sido

Saber que o casamento acabou e aceitar que não voltará mais com a mesma pessoa é um processo realmente difícil. Há quem deseja essa separação e, talvez, sinta-se feliz que tudo esteja indo por esse caminho. Mas essas pessoas ainda vão passar pela fase de luto.

Em resumo, é a perda de algo importante que esteve presente em sua vida por anos. A separação dessa pessoa com quem você compartilhou sonhos e, talvez, até mesmo filhos.

É necessário viver a dor e deixá-la fluir para poder sair daquela que é considerada uma das fases mais longas do divórcio. É normal, é natural, e não devemos tentar esconder esse sentimento para que a cura seja mais rápida.

2. Negação: o que parece, não é

Pode acontecer que, como um método inconsciente de proteção, o que está acontecendo seja negado. Então, a verdade fica turva, disfarçada de histórias românticas que estão longe da realidade.

A fase da negação é representada por essas tentativas de recuperar o relacionamento, mesmo já sabendo que tudo já acabou. As pessoas que não conseguem aceitar o divórcio, fantasiam sobre reuniões românticas e prometem que tudo irá dar certo.

Mas, embora seja difícil assumir que o sonho de “felizes para sempre” não faça mais parte do casal, isso deve ser feito. Agora as coisas mudaram e você pode ser feliz em outro tipo de vínculo.

Confira essas 4 chaves para superar um momento difícil

fases do divórcio: ir embora

3. Rancor: por você, pelo outro, pelo mundo

Quando a dor é superada, pode ser que você experimente um novo estágio cheio de rancorEssa raiva que te afoga, aparece com a culpa e até com a sede de vingança. Nessa fase, você verá tudo de um lado negativo, o que leva a um sentimento de injustiça contra o próprio ser.

Por este motivo, você começa a culpar o outro, pois pensa que foi essa pessoa que, com suas ações, levou vocês até o fim do relacionamento e feriu seus sentimentos da maneira mais covarde.

É claro que este não é o caso, mas isso será entendido mais tarde, quando você conseguir avançar através das fases do divórcio. Por enquanto, tente diminuir um pouco a ansiedade de encontrar justificativas para o término.

4. Negociação: afinal, o casamento é um contrato

Quando o nível de raiva diminui, as coisas começam a ser vistas mais claramente e as razões podem ser vistas de outra perspectiva. É possível entender as reações do seu parceiro e as verdadeiras causas do divórcio.

É hora de aceitar que o contrato que vocês fizeram foi quebrado, e as cláusulas não foram respeitadas por ambos, ou talvez tenham expirado.

Esta é uma das fases do divórcio que pode trazer complicações se você não estiver prestando atenção suficiente. Bom, às vezes você entende demais o outro e tenta recuperar o relacionamento dando tudo de si à outra pessoa. Algo perigoso para o futuro.

Recomendamos ler: Ajude os seus filhos a controlar as emoções desde pequenos

fases do divórcio: indiferença

5. Vergonha: uma mudança não prevista para o círculo social

O novo estado civil pode causar constrangimento em algumas pessoas que ainda não se acostumaram com a situação. A palavra “divorciado” soa chocante e modifica muitos estados, incluindo perfis de redes sociais.

Agora, todos saberão que vocês estão solteiros, mas que tiveram uma forte conexão antes. O grupo de amigos pode se dividir e se sentir incômodo na companhia de qualquer um dos dois.

Às vezes, é até difícil informar aos amigos ou familiares dessa nova situação. Mas, na realidade, é uma decisão que foi feita para recuperar a harmonia, então não há necessidade de se envergonhar.

6. Celebração: uma nova vida pela frente

Quando todas as fases do divórcio foram superadas, a aceitação real aparece, o que dá à pessoa uma sensação de satisfação. A tranquilidade chegou à sua vida e você pode se reconhecer como uma nova pessoa e alguém que aprendeu com suas experiências.

O futuro parece mais equilibrado, você já pensa em novos projetos e uma nova vida de solteiro espera por você. Talvez você até consiga se imaginar com um novo parceiro, ou simplesmente com a liberdade de fazer o que quiser.

Não há fórmulas ou receitas absolutas para superar o divórcio rapidamente. Mas essas fases foram estudadas em pessoas que sofreram uma separação.

O importante é passar por todas essas fases sem ansiedade e sem desespero para avançar ou pular etapas. Quanto mais honesto você for consigo mesmo, maior será o prazer de se conhecer nesse novo estado.

Como superar um término

Como superar um término

Todos nós já atravessamos alguma vez um término. No entanto, passar por isso supõe um momento muito duro e difícil. Por isso, hoje vamos descobrir como superar essa fase da melhor maneira possível.



  • Aguilera, D.C. y Messick, JM. Intervención en Crisis. Teoría y Práctica. Ed. Paidos. Buenos Aires. 1978
  • Caplan, Gerard. Principios de psiquiatría preventiva. Ed. Paidos. Buenos Aires. 1964.
  • Kubler-Ross, Elizabeth. Preguntas y respuestas a la muerte de un ser querido. Ediciones Martínez Roca. Barcelona. 1998
  • Kaplan, H; Sadock, B. Sinopsis de Psiquiatría. 8ª ed. Ed. Médica Panamericana. Madrid. 2000.
  • Slaikeu, Karl. Intervención en Crisis. Ed. El Manual Moderno. Mexico D.F. 1996