5 remédios caseiros para a inflamação das pálpebras

26 de dezembro de 2019
Tanto o consumo, quanto a aplicação tópica da infusão de funcho podem nos ajudar a eliminar o excesso de líquidos retidos, para evitar o inchaço nas pálpebras

A inflamação das pálpebras é um sintoma comum que pode ser causado por uma infecção, uma alergia, ou retenção excessiva de líquidos.

Pode afetar uma ou ambas as pálpebras, e é acompanhada pela vermelhidão da conjuntiva, ardor, lacrimejamento, e outros sintomas incômodos, que muitas vezes dificultam a visão.

Embora a inflamação das pálpebras raramente represente um problema sério, seu desenvolvimento faz o rosto parecer doente e cansado.

Além disso, uma vez que a área é suscetível ao ataque bacteriano, às vezes pode apresentar complicações, como afirma este estudo do Wilmer Eye Institute, sendo necessária a intervenção médica.

Felizmente, existem vários ingredientes de origem natural, cuja aplicação acalma os sintomas enquanto acelera sua recuperação.

Assim, nesta oportunidade queremos compartilhar 5 remédios caseiros interessantes, para que você não hesite em experimentá-los quando tiver tiver inflamação das pálpebras. Não perca!

1. Chá preto para a inflamação das pálpebras

Chá preto ajuda a combater a inflamação das pálpebras

Devido à sua alta concentração de antioxidantes e anti-inflamatórios, o chá preto é uma das melhores soluções naturais para aliviar a inflamação das pálpebras, de acordo com este estudo realizado pelo Centro de Pesquisa Biomédica “Victoria de Girón” (Cuba). Sua aplicação direta melhora a circulação na área afetada, acalmando as queimaduras e a vermelhidão.

Ingredientes

  • 1 colher de chá de chá preto (15 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

Preparo

  • Primeiramente, despeje uma colher de chá preto em uma xícara de água fervente, em seguida cubra a bebida.
  • Deixe-a sentar por 10 minutos e filtre-a com uma peneira.
  • Por fim, leve o líquido à geladeira e deixe esfriar até ficar gelado.

Modo de aplicação

  • Primeiramente, mergulhe um pedaço de algodão na infusão gelada, e aplique-o na pálpebra afetada.
  • Em seguida, deixe-o agir 10 minutos e remova-o.
  • Por fim, repita seu uso 2 vezes ao dia, até aliviar a inflamação.

Recomendamos que você leia: Reduza as rugas finas do contorno dos olhos com esses 6 óleos essenciais

2. Salsa e ginseng

Ao combinar um pouco de suco de salsa com ginseng podemos obter um poderoso remédio anti-inflamatório, para aliviar as pálpebras inchadas, de acordo com este relatório feito pelo governo da Espanha.

Além disso, seus compostos ativos relaxam os tecidos inflamados e facilitam a drenagem dos líquidos retidos, para obter uma recuperação completa.

Ingredientes

  • 1 ramo de salsa
  • 1 colher de chá de pó de ginseng (5 g)
  • ½ colher de chá de gelatina sem sabor (2 g)
  • 1 colher de sopa de óleo vegetal

Preparo

  • Primeiramente, coloque o ramo de salsa em um pilão juntamente com o óleo e amasse até obter o suco.
  • Em seguida, filtre-o com uma peneira para remover os resíduos dos ramos, e depois misture com a colher de chá de ginseng em pó.
  • Por fim, adicione a gelatina sem sabor e continue misturando até obter uma pasta espessa.

Modo de aplicação

  • Feche os olhos e esfregue a máscara sobre as pálpebras.
  • Tenha cuidado ao aplicá-la, uma vez que você não deve colocá-la dentro dos olhos.
  • Em seguida, deixe agir 10 minutos e enxágue com bastante água.
  • Por fim, use-a todos os dias, até você notar uma melhora.

3. Sementes de erva-doce

Erva-doce ajuda a combater a inflamação das pálpebras

O consumo de infusão de sementes de erva-doce ajuda a promover a remoção de líquidos retidos, para acelerar a recuperação das pálpebras inchadas.

No entanto, também podemos usá-las diretamente na área afetada para tirar proveito de seu efeito calmante e anti-inflamatório, de acordo com este estudo realizado pela Universidade Autônoma de Madri.

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de sementes de erva-doce (15 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

Preparo

  • Primeiramente, adicione as sementes de erva-doce em uma xícara de água fervente.
  • Em seguida, cubra a bebida e deixe descansar até esfriar.

Modo de aplicação

  • Mergulhe um pedaço de algodão no líquido e aplique-o sobre a pálpebra inflamada.
  • Em seguida, deixe-o agir 10 minutos e remova-o.
  • Por fim, use-o 2 ou 3 vezes ao dia.

Leia também: Erva-doce, remédio tradicional para curar o fígado e os rins

4. Óleo da árvore do chá (melaleuca) e óleo de coco

O inchaço das pálpebras é frequentemente causado por uma infecção bacteriana na área.

O óleo da árvore do chá combinado com o óleo de coco é um produto hidratante e antimicrobiano, que pode aliviar a vermelhidão e a coceira, de acordo com este estudo realizado pela Kannur Dental College (Índia).

No entanto, recomendamos cautela com o óleo da árvore do chá, pois pode causar irritação.

Ingredientes

  • 3 gotas de chá essencial de óleo de chá (melaleuca)
  • 1 colher de chá de óleo de coco (5 g)

Preparo

  • Misture o óleo da árvore do chá com o óleo de coco.

Modo de aplicação

  • Primeiramente, pegue o produto com a ponta do dedo e massageei sobre a pálpebra inchada.
  • Em seguida, massageie até absorver, e deixe agir sem enxaguar.
  • Por fim, repita a sua utilização 2 vezes ao dia.

5. Óleo de rícino e azeite

Óleo de rícino ajuda a aliviar a inflamação das pálpebras

O óleo de rícino contém um composto ativo conhecido como ácido ricinoleico, que atua como agente anti-inflamatório na pele, de acordo com este estudo da Universidade de Granma (Cuba).

É ideal para aliviar a coceira, a sensação de queimação, e outros sintomas irritantes que acompanham esse problema.

Ingredientes

  • 1 colher de sopa de óleo de rícino (15 g)
  • 1 colher de sopa de azeite (16 g)

Preparo

  • Despeje o óleo de rícino em uma tigela e misture com o azeite.

Modo de aplicação

  • Primeiramente, umedeça um pedaço de algodão com o produto e esfregue suavemente sobre as pálpebras.
  • Em seguida, passe também nas raízes dos cílios, já que muitas vezes é onde o problema se origina.
  • Por fim, deixe agir sem enxaguar, e repita o seu uso 2 vezes ao dia.

Você está com as suas pálpebras inflamadas? Use alguns desses remédios caseiros para aliviar os sintomas, antes que outras complicações sejam geradas.

Se o problema persistir, consulte o seu médico.

  • Colby, K., & Block, L. (n.d.). Edema palpebral. Retrieved from https://www.msdmanuals.com/es-es/professional/trastornos-oftálmicos/síntomas-de-los-problemas-oftálmicos/edema-palpebral#resourcesInArticle
  • Fernández Pérez, S. R., de Dios Lorente, J. A., Peña Sisto, L., García Espinosa, S. M., & León Leal, M. (2009). Causas más frecuentes de consulta oftalmológica. Medisan13(3), 0-0.
  • Ortiz Pérez, S., Sánchez Dalmau, B. F., Fernández, E., & Mesquida, M. (2009). Ptosis palpebral. An Oftalmol17(4), 203-13.