7 anti-inflamatórios naturais que você deve conhecer

· 15 de novembro de 2017
As inflamações podem ter muitas origens; para combatê-las, além dos anti-inflamatórios químicos, podemos recorrer a alguns ingredientes naturais que nos ajudarão a evitar complicações.

Quer saber como combater a inflamação em seu organismo sem ter que recorrer a medicamentos comerciais repletos de substâncias químicas? Conheça os anti-inflamatórios naturais que listaremos a seguir.

O processo inflamatório é composto por fenômenos moleculares, vasculares e celulares que o corpo produz para defender-se das agressões que recebe. Para que o sistema possa atuar é necessário a participação do:

  • Sistema nervoso, através dos neurotransmissores
  • Sistema imunológico com as citocinas
  • Sistema endócrino, que é responsável pelos hormônios

No entanto, há fatores que modificam a reação de acordo com cada organismo.

Causas da inflamação

  • Baixo consumo de nutrientes: As pessoas que não ingerem nutrientes suficientes tendem a apresentar inflamações mais graves.
  • Problemas na circulação sanguínea: Quando se tem um mau estado cardiovascular, o dano nos tecidos é mais alto.
  • Estado hormonal: O paciente que excreta quantidades exageradas de hormônios terá mais complicações ao ter uma inflamação.
  • Imunodeficiência: Doenças como a anemia impedem que as células e os tecidos se regenerem rapidamente.

A realidade é que ninguém está isento de ter uma inflamação.

Se analisarmos, a inflamação é o sintoma de uma grande porcentagem de doenças, como a asma, a diabetes ou a artrite.

Portanto, é muito importante conhecermos os remédios para combatê-la, e não estamos falando de comprimidos.

Há plantas que têm o mesmo efeito e não são prejudiciais à saúde, atuando como anti-inflamatórios naturais. Você gostaria de conhecê-las? Preste atenção à seguinte lista.

Conheça alguns anti-inflamatórios naturais

1. Semente de linhaça

A linhaça é um dos anti-inflamatórios naturais

As sementes de linhaça contêm uma grande quantidade de nutrientes, antioxidantes e ácidos graxos ômega 3.

É um dos remédios mais utilizados para reduzir a dor nas articulações e melhorar a mobilidade.

Graças aos seus antioxidantes, previne o envelhecimento. Também favorece a absorção de vitaminas e equilibra a quantidade de hormônios.

Além disso, contém fibras, que têm um efeito diurético para eliminar toxinas, regular o trânsito intestinal e reduzir a retenção de líquido.

2. Óleo de coco

O óleo de coco contém ácido láurico que tem propriedades anti-inflamatórias. Além disso, mantém em equilíbrio os níveis de colesterol e a pressão arterial.

Favorece a absorção de nutrientes, vitaminas, minerais e aminoácidos no corpo.

Quando é ingerido, se forma uma enzima chamada monolaurina que tem a capacidade de eliminar bactérias, fungos e vírus.

Da mesma forma, pode ser aplicado diretamente na pele para reduzir o inchaço.

3. Amora azul

A amora é um dos anti-inflamatórios naturais

Diz-se que para saber o quão nutritivo é um fruto, deve-se avaliar a pigmentação: quanto mais intensa, melhores os resultados.

A amora contém substâncias antibacterianas, e sobretudo a quercetina que, graças a suas propriedades anti-inflamatórias, contribui para o tratamento de doenças cardiovasculares, problemas de sobrepeso e inclusive o câncer.

4. Salmão

O salmão é um luxo que você definitivamente deve dar à sua saúde. Contém proteínas, vitaminas B12 e D e ácidos graxos (ômega 3 e 6).

Os ômegas são responsáveis pela redução da inflamação e da dor.

  • É recomendável o consumo duas vezes na semana se você deseja previnir doenças degenerativas e cardiovasculares.
  • 67g por refeição é mais do que suficiente.

5. Aipo

O aipo é um dos anti-inflamatórios naturais

Um nos vegetais que não pode faltar na sua dieta. Contém vitaminas A, B1, B2, B6, B9, C e E; além de sódio, enxofre, silício, fibra, entre outros.

Destaca-se por suas propriedades:

  • Calmantes
  • Antioxidantes
  • Diuréticas
  • Antibacterianas
  • Analgésicas
  • Cardioproteroras
  • Laxantes

Tudo isso ajuda a manter o nível de colesterol, reduzir a probabilidade de ter problemas cardíacos e melhorar a pressão arterial.

Em geral, limpa o organismo, eliminando líquidos desnecessários e diminuindo dores articulares.

6. Cogumelos shitake

Os cogumelos shitake contêm minerais e vitaminas, além de aminoácidos essenciais:

  • Oferece uma grande quantidade de fibra que mantém o bom funcionamento da flora intestinal.
  • Conta com uma grande porcentagem de enzimas que o tornam um bom antioxidante.
  • Tem vitamina D, magnésio, selênio, ferro.
  • Entre seus compostos, destacam-se o lentinano e o beta-glucano, que ajudam a combater o desenvolvimento de tumores.

7. Abacate

O abacate é um dos anti-inflamatórios naturais

O abacate contém substâncias fenólicas que absorvem o colesterol no sangue.

Além disso, também funciona para pessoas com problemas nas articulações ou doenças reumáticas.

Acelera o metabolismo, reduz a hipertensão e os lipídios que se acumulam no sangue. Isso evita problemas cardiovasculares.

Recomendações gerais

  • Reduza a quantidade de açúcar na sua dieta.
  • Pratique exercícios físicos regularmente.
  • Aumente a ingestão de líquidos.
  • Quando se tratar de uma lesão na pele, mantenha a área afetada limpa.
  • Durma, pelo menos, 8 horas diárias.
  • Evite situações estressantes: lembre-se de que uma mudança nas emoções tem efeitos físicos.

Você já conhecia estes anti-inflamatórios naturais? Não deixe de aproveitar seus efeitos na próxima vez em que tiver que combater a inflamação em seu organismo.