5 dicas para passar bons momentos com os seus filhos

Passar um tempo de qualidade com os filhos fortalece os laços familiares e promove uma relação de confiança. Mostraremos como encontrar e aproveitar esses preciosos momentos compartilhados.
5 dicas para passar bons momentos com os seus filhos

Última atualização: 06 dezembro, 2021

Além de a jornada de trabalho dos adultos ser longa e incompatível com a conciliação familiar, as crianças têm cada vez mais atividades e obrigações diárias. Portanto, desfrutar de momentos de qualidade com os filhos é mais necessário do que nunca.

Talvez você não consiga dedicar a eles tanto tempo quanto gostaria. No entanto, é possível tornar os momentos compartilhados significativos e enriquecedores, fortalecendo os laços familiares e estabelecendo um relacionamento profundo e de confiança com eles.

Essa será a base para que a proximidade emocional não seja perdida quando seus filhos cheguem à adolescência ou idade adulta; mas, além disso, você estará contribuindo para que os seus filhos se sintam valiosos e amados, desenvolvendo um sentimento positivo de pertencimento à família. A seguir apresentamos algumas dicas que podem te ajudar nesse aspecto.

Jantar em família

Um torta de limão saudável é ótima para a sua saúde.
Cozinhar em família pode ser uma boa desculpa para passar tempo com eles.

O jantar é o momento ideal para compartilhar momentos de qualidade com os seus filhos, pois esse é um dos poucos espaços livres na agenda diária movimentada de todos os membros da família. Sentem-se juntos à mesa, sem tecnologia ou distrações que possam roubar a atenção e compartilhem os acontecimentos mais relevantes do dia.

Nesse ambiente descontraído as crianças se sentem mais suscetíveis a falar sobre o dia a dia, compartilhar experiências e expressar seus medos e desejos.

Garanta que elas também participem do que está acontecendo na sua vida, para que elas percebam que você as leva em consideração e busca estabelecer uma confiança mútua. Além disso, se você puder repetir esse processo na hora do almoço, estará aumentando essas interações diárias positivas que contribuem para a saúde física e mental das crianças.

Ajudar com o dever de casa

Você não pode acompanhar seus filhos à escola ou às aulas de futebol, nem pode levá-los para o trabalho. No entanto, é possível estar presente no tempo que eles passam fazendo a lição em casa.

Explique a eles quaisquer exercícios que eles não entendam bem, faça perguntas sobre as aulas e provas e supervisione o projeto de ciências que eles estão fazendo. A sua presença nestes momentos será muito positiva, pois mostrará aos seus filhos que você está à disposição para ajudar e orientar sempre que eles precisem. Isso aumentará a motivação deles, e melhorará o desempenho escolar.

Apoio mútuo

A família é uma equipe e, como tal, um dos principais benefícios que ela oferece é a possibilidade de contar com o apoio, suporte e presença dos demais membros. Portanto, pode ser muito positivo para todos se os familiares se envolverem nas atividades que os outros realizam sozinhos.

Ir às partidas de futebol do papai, às competições de patinação de um filho ou de pintura do outro permitirá que você passe mais momentos junto deles e fortaleça os laços familiares.

Mas, além disso, existem muitas atividades diárias que você pode compartilhar para obter mais momentos de interação. Por exemplo, incentive seus filhos a acompanhá-lo ao supermercado ou leve-os ao local onde eles se encontrarão com os amigos em vez de deixar que eles se desloquem de ônibus. Durante esse tempo vocês podem conversar, se conhecer melhor e aumentar a intimidade emocional.

Tradições

Crianças mais novas adoram a rotina; saber o que esperar a qualquer momento dá a elas uma sensação de segurança e tranquilidade. Mas mesmo as mais velhas podem se beneficiar de uma tradição familiar que se repita todas as semanas.

Escolha um dia específico para repetir uma atividade de que todos gostam: você pode ir à biblioteca todas as quartas-feiras, jogar jogos de tabuleiro nas noites de sexta-feira ou assistir a um filme com uma refeição especial todos os sábados.

A repetição fará com que todos aguardem ansiosamente a chegada deste momento, que se tornará uma das lembranças mais agradáveis da infância delas. Além disso, os ritos e tradições aumentam a coesão familiar e fortalecem os laços entre os membros.

Tempo de qualidade com os filhos: eventos especiais

Nem sempre você tem tempo para fazer um passeio especial, mas é muito positivo que pelo menos uma vez por mês você dedique um dia para passar em família. Vocês podem ir a um lugar no campo, a museus ou dar uma escapada para uma cidade próxima. Cada vez um membro da família pode se encarregar de propor a atividade.

4 atividades para passar bons momentos em família

Os melhores presentes para a família são os bons momentos.
Um passeio no parque ou a prática de esporte juntos são boas opções para se relacionar com os filhos.

Você pode não ter certeza de que tipo de atividades pode ser atraente para passar um tempo de qualidade com os seus filhos. No entanto, não é necessário fazer grandes planos ou gastar grandes somas de dinheiro. Aqui estão algumas opções que podem te interessar:

Praticar esporte em família

Praticar esportes é muito saudável para a saúde física e mental de todos os membros da família, e também é uma ótima maneira de passar tempo juntos.

Você pode escolher qualquer tipo de exercício físico: fazer caminhadas, andar de bicicleta ou nadar na piscina; você pode até combinar com outras famílias com crianças e organizar um jogo de futebol, basquete ou qualquer outro esporte coletivo.

Participar de aulas juntos

Existe uma infinidade de habilidades para aprender, e fazer isso em família pode ser mais divertido. Se seus filhos demonstram interesse em patinar, dançar ou pintar, inscreva-se nas aulas com eles. Não é necessário que todos vocês participem, pois esta pode ser uma oportunidade para se tornar íntimo e passar um tempo individualmente com cada um dos filhos.

Começar um projeto conjunto

Nada une mais as pessoas do que trabalhar por um objetivo comum. Então, por que não iniciar um projeto do qual todos possam participar? Você pode fabricar uma mesa para o quintal, criar um jardim vertical ou fazer novas decorações para um espaço da casa; tudo dependerá da idade dos filhos e dos interesses deles.

Atividades dentro e fora de casa

Resumindo, qualquer atividade, por mais simples que seja, pode te ajudar a passar momentos gratificantes com a sua família. Jogar jogos de tabuleiro, assistir filmes, ler histórias ou cantar no karaokê podem ser alternativas divertidas para fazer em família sem sair de casa.

E, se você preferir passar um tempo ao ar livre, atividades cotidianas como ir ao parque, jogar boliche ou fazer um piquenique em um ambiente agradável podem ser excelentes.

Desfrute de bons momentos com os seus filhos

Como você pode ver, existem muitas opções para passar bons momentos em família. Todos os dias é possível encontrar alguns momentos para compartilhar; no entanto, é necessário reservar momentos para aumentar a interação com os filhos e fazer planos enriquecedores.

O mais importante é que durante esses momentos você esteja física e emocionalmente disponível e dê a eles toda a sua atenção. Ouvi-los, olhá-los nos olhos e perguntar a opinião deles são gestos simples que têm um forte impacto na formação da personalidade das crianças. Não se esqueça de levar isso em consideração.

This might interest you...
Dicas para aumentar a autoestima dos seus filhos
Melhor Com Saúde
Leia em Melhor Com Saúde
Dicas para aumentar a autoestima dos seus filhos

Você está em busca de dicar para ajudar seus filhos a aumentar a sua autoestima? Então não perca as orientações que compartilhamos aqui!



  • Moreno, J. M., & Galiano, M. J. (2006). La comida en familia: algo más que comer juntos. Acta Pediatr Esp64(11), 554-558.
  • Regueiro, B., Rodríguez, S., Piñeiro, I., Estévez, I., Ferradás, M., & Suárez, N. (2015). Diferencias en la percepción de la implicación parental en los deberes escolares en función del nivel de motivación de los estudiantes. European Journal of Investigation in Health5(3), 313-323.
  • Borobio, D. (2011). “Familia, ritos y fiesta”·. Revista Familia, 43, pp. 11 – 25.