Tratamentos anticelulite fáceis de fazer em casa

· 21 de abril de 2015
Você não precisa se resignar à celulite, pois ela pode ser eliminada. Não será necessário gastar quantias excessivas em produtos caros que esvaziarão o seu bolso.

Existem muitos tratamentos anticelulite naturais que podem ajudar na tarefa de melhorar a aparência física. A seguir, iremos explicar tudo o que você precisa saber para preparar remédios caseiros que ajudarão a combater a celulite.

É necessário que você se lembre de algo muito importante: um requisito indispensável para que consiga mais eficácia na utilização destes produtos naturais é fazer uma esfoliação na pele antes de aplicá-los.

Fazer massagens esfoliantes frequentemente na zona afetada pela celulite ajuda a fazer com que a gordura acumulada embaixo da pele se mova e, com ela, todas as substâncias tóxicas que estão nesta área. Desta forma, elas passam ao sangue, para que o corpo possa eliminá-las corretamente.

Conclusão: os remédios caseiros para combater a celulite devem ser complementados sempre por massagens esfoliantes.

Primeiro passo: a esfoliação

A esfoliação como tratamento anticelulite

Simples. Pegue um pouco de azeite de oliva ou óleo de girassol e aplique-o por todo o corpo.

Deixe-o atuar durante 15 minutos e depois tome uma ducha, preferentemente com a água na temperatura mais quente que puder suportar. Entretanto, se você tiver problemas de varizes, então use somente água morna.

Logo depois, lave bem com um sabonete neutro e uma esponja vegetal ou escova de cerdas naturais toda a zona afetada pela celulite.

A esfoliação é um dos melhores tratamentos anticelulite

Porque com ela você eliminará todas as células mortas da pele e assim, poderá abrir melhor os poros. Desta forma, os remédios que forem utilizados contra a celulite poderão penetrar melhor em seu corpo.

Lembre-se de que, sempre que esfoliar a pele, você deve umectá-la ao terminar. Dê preferência aos óleos regeneradores como, por exemplo, o azeite de oliva ou o óleo de rosa mosqueta.

Segundo passo (opção 1): limão e azeite de oliva

Azeite de oliva como tratamento anticelulite

Como preparar este tratamento anticelulite

  • Primeiramente, esterilize um frasco onde guardará a preparação, porque isso evitará que ela se contamine com restos de outras substâncias.
  • Logo depois, descasque vários limões, coloque as cascas no frasco e cubra-as com azeite de oliva.
  • Feche então o frasco e deixe-o macerando em um lugar frio e escuro durante uma semana.
  • Passado esse tempo, abra o frasco, coe a mistura e dilua-a em azeite de oliva, sempre tendo em mente que as quantidades devem ser similares.

Lembre-se de que o limão deve ser diluído, pois tem fortes propriedades adstringentes, portanto é muito cáustico e poderia afetar a pele.

Além disso, você deve usá-lo à noite, pois os óleos cítricos são fotossensíveis e podem provocar queimaduras na pele. Evite, portanto, uma exposição direta à luz solar logo após utilizá-lo.

Leia também: Coisas que você deve saber antes de fazer a dieta do limão

Segundo passo (opção 2): sementes de abacate

Abacate como tratamento anticelulite

Outro dos tratamentos anticelulite que você pode utilizar é o abacate. Para prepará-lo, corte quatro sementes grandes dessa fruta em pequenos pedaços. Saiba que, quanto menores elas forem, melhor.

Lembre-se de que as sementes de abacate são duras e devem ser cortadas em pedaços bem pequenos, porque poderiam quebrar o processador. Entretanto, se você não tiver este eletrodoméstico em casa, pode utilizar um ralador.

Não deixe de ler também: 9 razões para comer a semente do abacate

A seguir, coloque as sementes trituradas em um frasco e acrescente aos poucos o azeite de oliva, ou óleo de amêndoas ou de girassol, o que você preferir e tiver disponível. Tampe a mistura e deixe-a repousando durante três dias, em um lugar que seja, de preferência, escuro e fresco.

Passado este tempo, tire o frasco de onde ele foi guardado e coloque-o na geladeira para evitar que mofe.

Terceiro passo

O passo final é aplicar estas misturas sobre a pele durante alguns minutos e repetir este tratamento com frequência, pelo menos uma vez por semana.

Com estes dois remédios que compartilhamos neste artigo, você já tem em suas mãos uma informação muito valiosa que ajudará a melhorar bastante a aparência atual que tem o seu corpo.

Os tratamentos anticelulite podem então ser utilizados desta forma. Você se anima a prová-los? Que tal dar o primeiro passo hoje mesmo!

As informações foram úteis pra você? Então, continue lendo os próximos artigos com mais dicas para a sua beleza, saúde e bem-estar.

  • Segers, A. M., de Forteza, I. E., Conforti, F. Y., & Abulafia, J. (1985). Celulitis. Medicina Cutanea Ibero-Latino-Americana. https://doi.org/10.1016/S0212-5382(03)71862-7
  • Gunderson, C. (2012). Celulitis: definición, etiología y manifestaciones clínicas. Am J Med.
  • BORGES, F. S.; SCORZA, F. A. (2016). Terapêutica em Estética: conceitos e técnicas. Phorte. https://doi.org/10.1523/JNEUROSCI.1455-09.2009