O tamanho importa? Bases anatômicas da penetração

13 Abril, 2020
Nas relações sexuais, o pênis deve se acoplar à vagina, por isso é bom encontrar um parceiro que se adapte à nossa anatomia e necessidades.

Escutamos este tipo de pergunta regularmente: o tamanho importa? Sim, mas talvez não da forma como você imagina. Antes de explicar como e por que o tamanho importa, é importante entender uma lição básica de anatomia.

Nossos corpos não são iguais, e isso também se aplica à região genital. Não existem dois pênis iguais, nem duas vaginas. Logo, isso deveria indicar que deve haver alguma variação no tamanho para que as partes se encaixem bem.

Então, como o tamanho importa? 

Quando se trata de ter relações sexuais, os genitais devem encaixar como peças de um quebra-cabeças. Se um homem é bem dotado, vai ser melhor manter relações com uma mulher que tenha uma vagina que possa acomodar bem o seu tamanho.

Sim, as vaginas são muito elásticas e podem se moldar para se adaptar ao que é inserido nelas. No entanto, elas também têm uma largura limitada, e uma determinada profundidade antes de chegar ao colo do útero, que leva ao útero.

Se uma mulher tem uma vagina estreita e mais curta, estar com um homem comprido e largo pode não ser a melhor opção. Nesse caso, a relação não será agradável para nenhum dos dois.

Recomendamos ler também: 5 posições sexuais mais prazerosas para os homens

Como o tamanho afeta o rendimento sexual? 

Seduzir o parceiro

Em geral, aqueles que se queixam de que o sexo não é agradável tiveram experiências com parceiros que não se encaixaram bem. Infelizmente, a falta de educação sexual leva as pessoas a acreditarem que “não são boas de cama”.

A verdade é que todos temos a capacidade de ter um bom desempenho sexual. No entanto, devemos entender a anatomia sexual e o rendimento no sexo.

Uma mulher com uma vagina menor, se tiver relações com um homem com um pênis comprido e largo, pode machucar a abertura vaginal e as paredes vaginais.

Então, o tamanho importa no sentido de poder se encaixar perfeitamente com o parceiro para ter uma boa experiência.

Tenha confiança no que você tem, porque alguém, em algum lugar, foi criado para se encaixar com você, do jeito que você é.

Maior = melhor?

Quando se trata de sexo, maior nem sempre é melhor. No entanto, quase nunca ouvimos um homem se queixar de que seu pênis é muito grande. Pelo contrário.

Cada vez mais meninos obtêm suas ideias sobre a anatomia genital dos filmes pornográficos, por isso, passam a pensar que seus pênis são muito pequenos.

Quando se trata de fazer sexo no mundo real, é melhor ter um pênis do tamanho real.

  • Primeiro, quando consideramos que a vagina tem, em média, somente 3 polegadas de profundidade, um tipo de tamanho médio sem dúvida poderá alcançar seu colo uterino com sua ereção.
  • Inclusive quando uma mulher está excitada, e sua vagina se expande aproximadamente uma polegada mais ou menos, ainda não é tão profunda assim.

A maioria das mulheres estaria de acordo ao dizer que a circunferência costuma ser mais importante do que o comprimento quando se trata de apreciar a relação sexual.

Ter um pênis grande pode ser um desafio, mas seja grande, médio ou pequeno, podemos fazer muitas coisas para melhorar a experiência sexual.

Esperar até que ela esteja pronta

O tamanho do pênis importa?

Quando uma mulher se excita, sua vagina se expande e produz lubrificação natural em antecipação à relação sexual.

Os beijos, os toques e a estimulação oral ou manual podem aumentar a excitação. Assim, quando chegar o momento da penetração, ela estará pronta.

Usar lubrificante

O lubrificante pode fazer muito para facilitar as relações sexuais para as mulheres. Na verdade, ele é imprescindível em casos de pênis muito grandes.

Existe uma ampla variedade de lubrificantes, desde finos e escorregadios até mais grossos e viscosos.

Escolher as posições corretas

Casal na cama

Experimente diferentes posições sexuais para ver qual funciona melhor para você e o seu parceiro.

Em geral, é possível que você prefira evitar posições que impliquem uma penetração profunda e escolher aquelas que permitam controlar melhor o ângulo e a força.

Não deixe de ler: 9 dicas para uma relação sexual mais prazerosa

Relaxar

Quando uma mulher tem um parceiro estável, sua vagina vai se adaptar a ele. Isso significa que os músculos e a pele se esticarão para se ajustar ao pênis. Assim, com as relações sexuais regulares, os dois se sentirão mais confortáveis.

O relaxamento é essencial para as mulheres, por isso é importante ajustar o ritmo se ela estiver desconfortável.

Em suma, o tamanho importa, mas não porque o pênis deve ser grande ou pequeno, mas porque deve se adaptar à vagina da mulher. Não se esqueça de que, para que o sexo seja prazeroso, há muitos outros fatores que devem ser levados em conta.

  • Javier Gómez Zapiain. Psicología de la sexualidad. Alianza Editorial, 2014. 
  • Anabel Ochoa. Respuestas para vivir una sexualidad inteligente y segura. Selector, 2015.
  • Anabel Ochoa. El universo de la sexualidad. Penguin Random House Grupo Editorial México, 2012.
  • Sonia BlascoS. Garma. The Road to Orgasm. Simon and Schuster, 2007.
  • Alexander Lowen. Amor y orgasmo: una guía revolucionaria para la satisfacción sexual. Editorial Kairós, 2008.