Saiba mais sobre a magnífica terapia da água para perder peso

· 16 de maio de 2018
Perder peso sem dor, fácil e sem passar fome? Sim, é possível. Graças à terapia da água, além de se sentir saciado, você vai purificar o excesso de toxinas

O que você está fazendo para perder os quilos extras? Está lhe custando muito e você já se cansou de tentar diferentes dietas? É comum que, ao fazer as primeiras tentativas, você se sinta oprimido pelos resultados. Além disso, depois de algumas semanas, você pode parar de ver os efeitos desejados porque o corpo se adapta às mudanças.

Caso esteja procurando novas opções ou algo mais simples, você deve conhecer a terapia da água para perder peso. Você já ouviu falar dela? Em caso negativo ou se você ainda tiver dúvidas, continue lendo, pois nós falaremos um pouco sobre o assunto.

Você verá que essa terapia tem vários benefícios e é muito simples. Além disso, você não precisará fazer alterações severas ou passar por limites extremos.

De onde vem a terapia da água para perder peso?

Embora esta terapia da água para perda de peso tenha começado a se tornar conhecida no mundo ocidental nos últimos anos, ela é bem conhecida no Japão.

Nesse país, ela é usada para limpar o estômago e melhorar o funcionamento do sistema digestivo. Além disso, descobriu-se que ajuda a ganhar energia, além de facilitar a perda de peso.

Tradicionalmente, recomenda-se beber bastante água alguns minutos após se levantar. No Japão, eles chamam as primeiras horas da manhã como as “horas douradas”. Acredita-se que é nesse momento que beber água melhora muito o funcionamento do sistema digestivo e a saúde em geral.

No que consiste a terapia da água para perder peso?

Moça bebendo água para perder peso

Embora o nome da terapia possa parecer complicado ou dar a ideia de que será muito restritivo, é o oposto. A terapia da água para perder peso tem algumas regras ou passos muito específicos que são simples de aplicar. Estas são:

  • Assim que acordar, tome cerca de 400 ou 600 ml de água natural. É importante que você faça isso antes de consumir qualquer alimento. No total, essa quantidade de água pode ser contabilizada em cerca de 4 a 6 copos de água, dependendo da capacidade dos mesmos.

O ideal é que a água esteja em temperatura ambiente ou morna, caso esteja fazendo frio. Caso queira um pouco de sabor, você pode adicionar o suco fresco de um limão, mas sem adoçante.

  • Escove os dentes e espere entre 45 minutos e uma hora para consumir qualquer alimento. Não se preocupe se você acordou com muita fome: a quantidade de água que você deve tomar com certeza vai ajudá-lo a sentir alguma saciedade enquanto estiver esperando os 45 minutos passarem.
  • Tome um café da manhã leve. Embora deva ser um café da manhã completo que forneça nutrientes, é importante prestar atenção e incluir alimentos naturais, orgânicos e de boa qualidade. Evite alimentos altamente processados, carnes e gorduras.

Batidas ou saladas são uma boa opção, embora uma mistura de farinha de aveia com nozes e leite também funcione.

  • O resto de suas refeições deve ser leve para que a terapia com água para perder peso realmente funcione.
  • Duas horas depois de consumir os alimentos, você deve evitar beber qualquer líquido. No entanto, não deixe de tomar os dois litros de água recomendados por dia.

Recomendações gerais ao seguir a terapia da água para perder peso

Mulher bebendo água para perder peso

  • Você pode adicionar uma pitada de sal à água para facilitar a hidratação do seu corpo, mas sempre que não traga problemas de saúde como hipertensão.

Em geral, se o seu médico tiver indicado uma dieta com baixo teor de sódio, evite esse truque. Você verá que o seu corpo absorve toda a água que requer naturalmente.

  • Evite bebidas com café, álcool ou irritantes de qualquer tipo. Devido a terapia da água para perder peso ter como objetivo curar o seu corpo, ela será mais receptiva aos danos do que essas bebidas. Para garantir que não haverá problemas, deixe essas bebidas de lado por algum tempo.

Se você quiser algo com sabor, opte por batidas verdes ou sucos de frutas naturais e em pequenas quantidades.

Caso tenha um problema médico que requer algum monitoramento e controle de alimentos, faça esta terapia somente após consultar seu médico.

Conte para a gente, você já conhecia esta terapia? Você a experimentou? Como funcionou para você?