5 remédios caseiros para tratar os fungos vaginais

20 de dezembro de 2018
Além de fazer banhos de assento com algumas infusões, também podemos tratar os fungos vaginais internamente com alguns alimentos, como o suco de mirtilos.

Descubra a seguir os 5 melhores remédios caseiros para tratar os fungos vaginais.

1. Tomilho para tratar os fungos vaginais

Tomilho

O tomilho é uma planta medicinal que possui compostos antibacterianos e antifúngicos. Os seus extratos ajudam a criar um equilíbrio nas bactérias saudáveis da área íntima, diminuindo as infecções.

Ingredientes

  • 3 xícaras de água (750 ml)
  • 3 colheres de tomilho (45 g)

Preparação

  • Ferva os copos de água e, quando atingir o ponto de ebulição, adicione o tomilho.
  • Cubra a bebida, deixe esfriar por pelo menos 2 minutos e retire-a do fogo.
  • Espere até fique morna.
  • Coe e coloque-a em uma bacia.

Modo de uso

  • Faça banhos de assento por 5 ou 10 minutos.
  • Use todos os dias, até você notar uma melhoria.

2. Peróxido de hidrogênio

Sabemos que a água oxigenada tem compostos que ajudam a desinfetar feridas. O que negligenciamos é que ela também pode ser uma solução eficaz contra a proliferação de fungos na área íntima.

Ingredientes

  • 3 xícaras de água (750 ml)
  • 5 colheres de sopa de peróxido de hidrogênio a 3% (75 ml)

Preparação

  • Aqueça a água e adicione a água oxigenada.

Modo de uso

  • Despeje a solução em uma banheira e faça um banho de assento durante 5 minutos.

3. Malva

Chá de malva

A malva tem benefícios interessantes para a saúde íntima. Os extratos que suas folhas liberam ajudam a reduzir a irritação sofrida pela pele delicada da vagina devido a infecções.

Tem um leve efeito analgésico e um efeito calmante que diminui o ardor. Além disso, neutraliza os odores e reduz o excesso de corrimento.

Ingredientes

  • 5 colheres de sopa de folhas de malva (75 g)
  • 3 xícaras de água (750 ml)

Preparação

  • Adicione as folhas de malva na água e aqueça a bebida.
  • Quando ferver, desligue o fogo e deixe-a descansar.
  • Uma vez quente, coe com uma peneira e coloque-a na banheira.

Modo de uso

  • Faça um banho de assento vaginal por 5 minutos.

4. Mirtilos

O consumo de suco de mirtilo orgânico é um bom complemento para tratar os fungos vaginais. Embora não seja uma solução externa, pode ajudar a promover o equilíbrio da flora vaginal.

Ingredientes

  • ½ xícara de mirtilos (75 g)
  • Água (quantidade necessária)

Preparação

  • Lave os mirtilos e coloque-os no copo do liquidificador.
  • Adicione um pouco de água para facilitar o processamento.

Modo de uso

  • Beba o suco 2 ou 3 vezes por dia, durante o tempo necessário para curar a infecção.

5. Confrei

Confrei

A bebida de confrei é uma solução refrescante que diminui a queimação e a vermelhidão na vagina. Sua aplicação direta acalma a irritação da pele e controla a coceira.

Alguns de seus componentes são benéficos para frear o crescimento de fungos. Portanto, o ideal é aplicá-la várias vezes ao dia, até que um efeito satisfatório seja alcançado.

Ingredientes

  • 3 colheres de sopa de confrei (45 g)
  • 2 xícaras de água (500 ml)

Preparação

  • Adicione o confrei em uma panela com água.
  • Ferva a bebida e deixe esfriar à temperatura ambiente.
  • Quando estiver morna, coe com uma peneira e despeje-a em uma garrafa com spray.

Modo de uso

  • Borrife o produto nas partes externas da vagina e deixe absorver sem enxaguar.
  • Use-o 2 ou 3 vezes ao dia para prolongar seu efeito calmante.
  • Opcionalmente, use a solução em um banho de assento.

Não se esqueça de que você deve complementar esses remédios caseiros com bons hábitos de higiene íntima. Evite a utilização de produtos irritantes e use roupas íntimas de algodão .

Se o desconforto persistir por vários dias, consulte o ginecologista. Às vezes é necessário acessar outros tipos de tratamentos para poder aliviá-lo completamente.

  • AEEM. Salud Vaginal. (2014).

aeem.es/documentos/menoguias/menoguiasaludvaginal.pdf

  • E. Suárez, Et Al. La microbiota vaginal: composición y efectos beneficiosos. Consenso sobre usos de los probióticos en Ginecología.

sepyp.es/pdf/pub/probiot_vaginales.pdf

  • Fundación Celestina Peréz de Almada, UNESCO. Manual de uso de hierbas medicinales del Paraguay.

portal.unesco.org/en/file_download.php/c9010dd7f603adeb359ff68830c3c978hierbasmedicinales.pdf