Por que consumir soja?

9 de agosto de 2013

Você já conhece todos os pontos positivos em consumir soja? Se você é daqueles que “torce o nariz” quando descobre que um prato é a base de soja, precisa rever seus conceitos urgentemente, pois está desprezando um ótimo aliado ao seu bem estar.

A soja é uma proteína vegetal de alta qualidade. Possui níveis de proteína comparados aos de alimentos de origem animal, como carnes e leite.

Ela é a única proteína vegetal desta categoria de fácil acesso à população. Além disso, também é eficaz na prevenção de doenças e manutenção de uma boa saúde em todas as faixas etárias. Ainda não se convenceu? Então veja abaixo algumas razões para você começar a consumir soja hoje mesmo!

Prevenção de doenças e outros problemas

Pesquisas demonstram que a soja ajuda a controlar o colesterol e a diminuir os riscos de incidência doenças vasculares, diabetes, osteoporose e do desenvolvimento dos cânceres de próstata, mama e colo do útero.

A soja é também uma ótima aliada no equilíbrio dos hormônios femininos. Assim, ajuda a combater os sintomas da TPM e, principalmente, da menopausa. Se consumida desde o início da fase adulta, a soja pode inclusive evitar a necessidade da reposição hormonal durante a menopausa.

A soja é rica em vitaminas do complexo B, cálcio, potássio e ferro. Rica em vitamina E e também antioxidante, ela ajuda a prevenir o envelhecimento precoce, sendo uma aliada nos cuidados estéticos.

Leia também: Leite de soja: Quais são seus benefícios?

Emagrecendo com soja

A soja é uma fonte completa de proteínas e rica em fibras. Assim, ajuda a aumentar a sensação de saciedade e a melhorar o funcionamento do intestino. Além disso, ela é dotada de baixos índices de carboidrato e gordura e não contém colesterol.

Graças a essas propriedades a soja é uma excelente opção para diversificar a alimentação numa dieta saudável e em dietas de emagrecimento.

Alguns estudos apontam que o consumo excessivo de soja pode ter efeitos negativos no organismo. Por isso, ideal é adotar uma dieta balanceada que integre o consumo de soja ao da proteína animal e proteína vegetal de outras fontes.

Inclusive porque para obter os benefícios mencionados, não é necessário consumir soja em quantidade exageradas.

Você escolhe como consumir soja

Infelizmente as pessoas ainda associam a soja à composição de pratos “sem graça”. Assim, não sabem que atualmente há uma infinidade de formas de consumir o produto. É possível encontrar hambúrguer feito de soja, salsicha, salgadinhos, lasanha, estrogonofe e muitos outros pratos e petiscos saborosos.

Embora alguns destes alimentos citados sejam encontrados na forma industrializada, é mais interessante prepará-los em casa. Assim, evita-se os conservantes e garante-se ao máximo a preservação dos nutrientes da soja no preparo.

E não deixe de ler: Acrescente estes 6 alimentos à dieta para consumir gorduras saudáveis

O ideal é usar como base o grão cozido, utilizando a água do cozimento no preparo do prato. Um alimento facilmente encontrado e que oferece melhor absorção dos nutrientes da soja ao organismo é o tofu, queijo a base de soja.

É possível ainda fazer pratos com o leite ou o extrato de soja, ajudando ainda mais a diversificar as formas de consumo da soja e facilitar a ingestão da substância por aqueles que têm maior resistência a seu sabor.

  • Zakir, M. M., & Freitas, I. R. (2015). Benefícios à saúde humana do consumo de isoflavonas presentes em produtos derivados da soja. Journal of bioenergy and food science, 2(3).
  • Behrens, J. H., & Da Silva, M. A. A. P. (2004). Atitude do consumidor em relação à soja e produtos derivados. Ciência e Tecnologia de Alimentos, 24(3), 431-439.