Mofo que cresce nas roupas do armário

29 Dezembro, 2019
Os espaços mal ventilados, como armários, tendem a ter problemas com umidade e mofo. Suas roupas têm manchas e mau cheiro? Hoje nós ensinamos você a resolver isso!

Um problema bastante comum nas residências é o crescimento de mofo dentro dos armários. Embora a princípio possa passar despercebido, com o passar dos dias deixa as roupas fedorentas e com manchas difíceis de remover. Você sabe por que cresce mofo nas roupas que estão no armário?

Existem várias condições ambientais que favorecem o aparecimento de mofo nesses tipos de espaços. Por isso, tende a ser mais frequente em casas cujos interiores são muito úmidos e com pouca ventilação. Além disso, o calor e a falta de higiene também podem ter influencia. Mas, neste artigo, te ensinaremos a corrigir este problema. Confira.

Mofo: o que é?

O termo “mofo” é usado para descrever uma variedade de microrganismos que pertencem ao grupo dos fungos, juntamente com os cogumelos e as leveduras. Estes, em particular, são compostos por um conjunto de esporos que geralmente estão suspensos no ar.

No entanto, como resultado de umidade, calor, pouca ventilação e sujeira, esses fungos decidem se instalar em diferentes áreas da casa, se proliferando para criar uma colônia inteira.

Estima-se que existam centenas de espécies de fungos, mas as mais comuns nas casas incluem as famílias Cladosporium, Penicillium, Alternaria e Aspergillus.  Obviamente, eles também podem ser encontrados em quase todos os lugares ao ar livre.

A grande desvantagem de tê-los em casa é que podem causar muitos problemas, tanto à nível doméstico quanto de saúde. Sua presença é notória porque causam manchas e maus cheiros nas paredes, roupas e móveis. Além disso, estão relacionados a problemas de asma e alergias respiratórias e cutâneas.

Mofo na parede

Não deixe de ler: Remova o mofo das paredes com truques caseiros

Por que mofo sai das roupas no armário?

Para resolver a questão de por que o mofo se desenvolve na roupa do armário, é importante ter em mente o que mencionamos anteriormente. Nesse sentido, devemos deixar claro que o armário costuma ser um espaço hermético, com pouca ventilação, onde o calor também se acumula.

Reunindo essas características, não é surpreendente que o mofo frequentemente se concentre dentro do armário. Além disso, em algumas casas, o problema é maior, pois os armários são embutidos em paredes que saem para áreas externas onde há maior contato com a umidade.

Crescendo dentro desses móveis, o mofo se espalha para as roupas, causando manchas que são muito difíceis de remover. Da mesma forma, pode afetar as roupas quando elas são armazenadas sem estar completamente secas.

O que fazer se houver desenvolvimento de mofo na roupa do armário?

Existem várias soluções para que o mofo não danifique as roupas armazenadas dentro dos armários. Obviamente, o ideal será tomar medidas preventivas, uma vez que uma vez formadas as manchas de mofo, é muito difícil removê-las. Anote o seguinte:

Examine e limpe o armário

Primeiramente, tire todas as roupas do armário e examine seu interior para identificar se tem manchas marrons ou esverdeadas que podem alertar sobre a presença de bolores. Caso elas existam, dilua duas colheres de sopa de água sanitária em um litro de água e borrife no mofo para removê-lo.

Lembre-se de que a água sanitária pode danificar a roupa. Portanto, antes de guardar novamente a roupa, remova o resíduo com uma toalha e deixe secar.

Adquira um produto anti-umidade

Existe uma grande variedade de produtos que ajudam a evitar a umidade dentro dos armários; alguns exemplos convencionais são sílica gel, sulfato de cálcio ou alumina ativada. Existem também opções naturais, como bicarbonato de sódio, sal ou arroz.

Saquinhos de sílica gel

Descubra: 5 formas de eliminar o cheiro de umidade de espaços fechados

Garanta a ventilação dos armários

Para alterar o ambiente que esses fungos precisam para se proliferar, ventile os armários várias vezes por semana. Inclusive, se possível, instale portas e prateleiras onde houver melhor circulação de ar.

Seque suas roupas o mais rápido possível

Depois de lavar as roupas, seque-as ao ar livre o mais rápido possível. Se você deixar muito tempo de molho ou úmido, há uma chance maior de ter problemas posteriores pelo crescimento de mofo.

Se assegure de guardar suas roupas bem secas

Introduzir roupas molhadas dentro dos armários é um fator que geralmente incide no crescimento de fungos. Portanto, para evitar o problema, verifique se as roupas estão bem secas antes de guardar.

Use vinagre branco

Se suas roupas tiverem cheiro ruim e manchas úmidas, aplique uma solução de vinagre branco diluído em água quente. Após 20 ou 30 minutos, enxágue-as no ciclo normal da máquina de lavar. Se a mancha estiver muito difícil de tirar, tente combinar o vinagre com o bicarbonato de sódio.

Agora que você sabe por que o mofo se desenvolve na roupa do armário, você pode traçar um plano para que esse problema não ocorra mais. Lembre-se de todos os conselhos dados e evite que esse fungo danifique sua roupa.