5 dicas para melhorar a saúde cerebral no café da manhã

· 16 de novembro de 2016
Para favorecer a saúde cerebral é importante incluir, já no café da manhã, nutrientes que nos ajudem a conseguir energia e estimulem a oxigenação do cérebro.

Em 2014 foi publicado um livro muito interessante intitulado ‘SharpBrains’, sobre como investir em seu cérebro e na sua saúde cerebral.

Ele explica uma forma através da qual podemos potencializar nossa saúde cerebral e nossas capacidades para ter uma melhor qualidade de vida.

Através de onze estratégias-chave, o livro nos explica aspectos que a maioria de nós já sabe, mas que nem sempre colocamos em prática. Na verdade, um dos pontos essenciais é a nutrição e a importância do café da manhã.

Com frequência, cometemos o erro de limitar por completo o açúcar de nossa dieta. Pensamos que, com isso, cuidamos completamente de nossa saúde. Isso não é totalmente certo.

Temos que ter em mente que, em quantidades justas e adequadas, a glicose é essencial para que nosso cérebro obtenha energia.

Isso é tão sério que é bom se lembrar de uma porcentagem muito importante: 20%. Esta cifra representa o nível de energia de que nosso cérebro precisa em relação a todo o nosso organismo. Como podemos ver, é uma quantidade considerável.

Qualquer déficit traz consequências, mas podemos melhorar nossa qualidade de vida logo no café da manhã. Explicaremos como fazer isso a seguir.

Saúde cerebral: 5 alimentos que não devem faltar

Nosso estilo de vida determina, em parte, o poder de evitar os acidentes vasculares cerebrais. Hoje em dia eles são uma das principais causas de morte na população, assim como de invalidez permanente.

Sabemos que ninguém pode prevenir 100% um AVC, e que ele pode surgir também em jovens e pessoas que mantêm hábitos muito saudáveis.

No entanto, existe algo para ter em mente. Se nossa saúde cerebral é boa, nossa capacidade de recuperação diante de um AVC pode ser melhor.

O cérebro é como um músculo: se o exercitamos ganhamos em reserva cognitiva, em neuroplasticidade, em agilidade…

Um modo de obter isso é escolhendo bem os alimentos. A seguir explicaremos quais ingredientes devem estar presentes no café da manhã.

1. O poder de uma semente: chia para o cérebro

neuronios-saude-cerebral

As sementes de chia são alimentos com poucas calorias capazes de oferecer uma maior quantidade de ácidos graxos ômega 3.

  • Os ácidos graxos ômega 3 são fundamentais para ter uma melhor saúde cerebral.
  • Além disso, não podemos nos esquecer de que as sementes de chia dispõem de mais cálcio do que o leite, 3 vezes mais antioxidantes do que os mirtilos frescos, e 3 vezes mais ferro do que o espinafre.
  • Seu elevado aporte de potássio e fibras faz das sementes de chia um dos melhores ingredientes para começar o dia.

2. Melhorar a função cerebral com abacate

abacate-saude-cerebral

Muitas calorias? De modo algum. O abacate me engordará e elevará meu colesterol? Falso.

Como tudo na vida, a chave está no equilíbrio. O abacate melhora o fluxo de sangue e a oxigenação do cérebro. Basta consumir um quarto de um abacate por dia para dispor de seus variados benefícios.

  • As gorduras saudáveis do abacate ajudam a manter nossas artérias fortes e flexíveis.
  • Os ácidos graxos monoinsaturados do abacate protegem as células nervosas do cérebro, conhecidas como astrócitos.
  • Os astrócitos são os que favorecem a comunicação entre os nervos e as células cerebrais.
  • Outro dado interessante é que o óleo de abacate pode nos ajudar a cuida da função cerebral.
  • É um alimento ideal para nos proteger diante da aparição de um AVC, já que reduz a pressão arterial.

3. O chá verde e seus antioxidantes

O chá verde tem cerca de oito vezes mais polifenois do que as frutas e verduras. Suas catequinas são uma peça-chave para favorecer a saúde cerebral.

Graças a este aporte de antioxidantes e vitamina C conseguimos nos proteger fortemente contra o aparecimento do mal de Alzheimer e da doença de Parkinson.

Algo tão simples quanto tomar todos os dias uma xícara de chá verde no café da manhã pode ter bons efeitos a longo prazo.

4. Aveia com cacau sem açúcar

Uma combinação sensacional e que pode ser desfrutada duas ou três vezes por semana. Basta incluir na tigela de aveia um quadradinho de chocolate amargo sem açúcar.

A aveia, combinada com o chocolate, nos oferece os seguintes nutrientes essenciais para o cérebro:

  • Vitaminas (A, complexo B, C e D)
  • Minerais (silício, para renovar os tecidos conjuntivos, fósforo, magnésio, potássio, cálcio e ferro)
  • Ácidos graxos monoinsaturados

5. Os mirtilos, a melhor fruta para o cérebro

saude-cerebral

Os mirtilos são frutas silvestres incrivelmente ricas em taninos, flavonoides e antocianinas. Estes antioxidantes possuem um efeito antibiótico e anti-inflamatório.

  • Os mirtilos, além disso, ajudam a reduzir o colesterol favorecem a conexão neuronal para estimular e firmar novos aprendizados.
  • Apesar de nem sempre ser fácil obtê-los, não tenha dúvidas: quando encontrá-los mantenha-os sempre em casa.
  • Se você se acostumar a consumi-los no café da manhã, vai conseguir melhorar a memória. Vale a pena!

Para concluir, começar o dia com um bom café da manhã ajudará a melhorar a saúde cerebral. Além disso, lembre-se de que evitar o sedentarismo, reduzir os focos de estresse e manter uma atitude curiosa diante da vida também ajuda.