Ilumine sua casa de maneira simples em 7 passos

· 8 de janeiro de 2019
Uma casa bem iluminada gera um senso de elegância e personalidade. Aprenda a combinar luz natural com luz artificial para iluminar sua casa e criar espaços elegantemente claros

Desde que seja feito da maneira certa, a iluminação da sua casa proporciona personalidade e charme a qualquer ambienteUma casa bem iluminada sempre mostra uma imagem de saúde e bem-estar.

No entanto, não será bom buscar um excesso de luz, pois isso também pode ter consequências negativas para a saúde. Por exemplo, se uma sala tiver excesso de iluminação, pode causar insônia.

Confira algumas dicas úteis para iluminar corretamente sua casa!

Passos para iluminar sua casa de maneira simples

Existem várias maneiras de usar lâmpadas e holofotes para criar uma sensação de espaço e luminosidade. A seguir, mostramos de maneira simples como combinar a luz natural com a artificial para dar aos espaços o toque de que precisam. Para fazer isso não perca estes simples passos:

1.- Calcule a quantidade de luz necessária

Calcule a quantidade de luz necessária para iluminar sua casa

Como regra geral, ao iluminar sua casa, leve em conta que uma sala precisa de uma iluminação de 20 watts por metro quadrado. Isso deve ser mantido em mente, especialmente na hora de comprar lâmpadas. Se você colocar mais de uma, distribua o total de watts pelo número de lâmpadas que você usar.

Além disso, se quiser variar a intensidade da luz artificial, adquira lâmpadas que podem alterar a intensidade da luz.

Leia também: Jardim no terraço, as melhores e mais fáceis ideias para fazer o seu

2.- Considere o tipo de lâmpada

A recomendação mais ecológica para iluminar artificialmente a sua casa é procurar lâmpada frugais. Essas lâmpadas fluorescentes são muito duráveis; no entanto, sua luz é muito fria.

As lâmpadas incandescentes são um pouco mais quentes e duram cerca de 1.000 horas. Por último, para uma luz branca, podem ser usadas as halogênicas, mas elas produzem mais calor, e duram entre 2.000 e 4.000 horas.

3.- Iluminar a sala corretamente

A sala de estar pode ser iluminada corretamente com uma lâmpada pendurada que atinge a parte superior da visão. Coloque-a em cima da mesa central para que ilumine todo o ambiente de maneira equitativa. Além disso, pode ser complementada com um candeeiro de mesa auxiliar, para criar mais calor ao iluminar a sua casa.

4. Boa iluminação na cozinha

Passos para iluminar sua casa: boa iluminação na cozinha

Da mesma forma, uma luminária pendurada no teto é suficiente para iluminar a mesa da cozinha. Como a cozinha geralmente tem espaços ligeiramente mais escuros, use cortinas coloridas para aproveitar melhor a luz natural. Além disso, você pode completar a iluminação da cozinha com luminária e velas.

5.- Lâmpadas fluorescentes na Cozinha

Esta é a área onde você provavelmente precisará de mais iluminação, e onde a luz permanecerá por mais tempo acessa. Se você tem janelas, aproveite ao máximo a luz natural. Mas no caso de haver espaços onde esta não alcance, use lâmpadas fluorescentes, pois elas duram mais. As de 13 watts serão suficientes para iluminar sua cozinha.

6.- Cuide da luz do quarto

Cuide da luz do quarto ao iluminar sua casa

O cômodo de descanso precisa de uma combinação correta de luz ambiente e luz local. A luz ambiente é facilmente obtida através da regulação da quantidade de luz natural que se filtra através das cortinas. Para as noites, por outro lado, é necessário ter um ponto de luz geral difuso que não esteja localizado sobre a cama.

Em vez de colocar o tradicional abajur de mesa, use luminárias. Você obterá mais espaço nas mesas, e terá o mesmo efeito de iluminação. Para evitar que a luz lhe ofusque, o truque é direcioná-la para o teto ou para as paredes. Desta forma você também vai conseguir uma maior iluminação em todo o cômodo.

Veja também: 7 erros no projeto de quartos pequenos que consomem muito espaço

7.- Ilumine o banheiro de forma inteligente

Por várias razões, você deve levar em conta muitos fatores no momento da iluminação do banheiro. Este é o espaço no qual menos se espera que tenha luz natural. Naturalmente, há fatores de construção que envolvem a orientação da casa, para que mais luz entre pela pequena janela do banheiro. Mas, caso isso não aconteça, oferecemos algumas dicas.

Se você estiver instalando luminárias, certifique-se de que elas estejam a cerca de 50 cm do espelho, para que o reflexo não a ofusque. Uma opção é colocar uma de cada lado do espelho, para iluminar os dois lados do rosto igualmente. Claro, tenha cuidado para não colocar luzes perto do chuveiro, para evitar possíveis acidentes devido à umidade.

Para terminar, certifique-se de que as luzes para iluminar a sua casa se sucedam em cada seção de forma ininterrupta. Isso dará uma atmosfera de uniformidade à toda a casa.