O que é o fígado gorduroso? Como tratá-lo?

· 25 de agosto de 2015
O fígado gorduroso é uma condição comum que afeta cerca de 25% da população. Ter uma determinada quantidade de gordura no fígado é normal; no entanto, quando ela corresponde a cerca de 5 - 10% do peso do órgão, pode se tratar de um caso de fígado gorduroso.

Neste artigo, falaremos sobre os dois tipos diferentes desta condição que podem ocorrer, além de identificar as possíveis causas, os principais sintomas e falar sobre algumas opções de tratamento. Vale a pena saber mais e estar preparado caso isso ocorra com você ou alguém que você conhece no futuro.

O fígado gorduroso

figado-gorduroso

Existem dois tipos principais da doença:

  • Fígado gorduroso alcoólico, obviamente causado pela ingestão de álcool em excesso.
  • Fígado gorduroso não alcoólico, que pode surgir devido a algumas causas principais.

Embora esteja claro que o primeiro tipo seja provocado pelo consumo exagerado de álcool, os fatores que causam a segunda modalidade da doença não são totalmente esclarecidos. O que se sabe é que existem alguns fatores que aumentam o risco de desenvolver a doença:

  • Ingestão de alguns medicamentos
  • Hepatite viral
  • Doenças autoimunes
  • Diabetes tipo 2
  • Obesidade
  • Colesterol elevado
  • Má nutrição
  • Perda de peso drástica e rápida demais

Embora seja muito mais raro, também podem ocorrer casos de fígado gorduroso durante a gravidez.

Quais são os principais sintomas?

Inicialmente, o fígado gorduroso não costuma apresentar sintomas fáceis de detectar. Por esse motivo, muitas pessoas têm a doença e não se dão conta disso. Com o passar do tempo, os sintomas costumam se tornar mais claros e podem incluir:

  • Sensação de fadiga e cansaço constante
  • Dor na parte superior do abdômen
  • Perda de peso
  • Perda de apetite
  • Fraqueza constante
  • Náusea
  • Confusão e dificuldade de concentração

Nos casos de fígado gorduroso alcoólico, os sintomas costumam ficar mais intensos após um dia de ingestão pesada de álcool.

Tratamento para o fígado gorduroso

Não existe um único tratamento padrão para esta condição, e sim uma mudança de hábitos que reduza os fatores de risco e faça o fígado voltar ao normal. Por exemplo, se o paciente for obeso, o médico irá sugerir uma rotina de exercícios regulares e uma alimentação saudável voltados para a perda de peso. No caso do fígado gorduroso alcoólico, a solução é parar de beber para tratar os sintomas e a condição.

Existem alguns conselhos que podem ajudar a prevenir e tratar a condição de forma natural:

  • Reduzir a ingestão de farinhas refinadas, açúcares, gorduras e álcool
  • Manter uma dieta balanceada priorizando o consumo de frutas e verduras
  • Fazer atividade física com regularidade
  • Reduzir a ingestão de medicamentos anti-inflamatórios e analgésicos que costumamos tomar no dia a dia
  • Se você estiver acima do peso, tente reduzi-lo com calma, sem tomar ações drásticas

Remédios naturais para o fígado gorduroso

gengibre-para-figado-gorduroso

Gengibre

É rico em antioxidantes e ajuda a reduzir o colesterol, sendo uma boa opção para tratar o fígado gorduroso. Você pode utilizá-lo como complemento em saladas, sopas, no arroz ou junto com os vegetais e legumes refogados. Se preferir, também pode ingeri-lo em forma de chá.

Alcachofra

Vale a pena incluir a alcachofra na dieta se você estiver sofrendo com o fígado gorduroso, pois ela possui ação diurética e oferece diversos benefícios para o organismo aportando pouquíssimas calorias. Além disso, ela ainda ajuda a regular os níveis de açúcar e de colesterol no sangue. Você pode consumi-la em molhos, sopas, saladas e também em forma de chá.

Cardo mariano

Esta planta com múltiplas propriedades poderia reduzir a gordura no fígado. Ela aumenta a regeneração hepática e permite diminuir a quantidade de gorduras acumuladas. Podemos consumi-la em forma de suplemento, encontrado em algumas lojas de produtos naturais, ou então fazer uma infusão com um punhado de folhas e água. Deixe no fogo durante 5 minutos, coe e beba. Se o sabor estiver muito amargo, você pode adoçar com um pouco de mel.

Dente de leão

dente-de-leao-para-figado-gorduroso

O dente de leão é repleto de propriedades medicinais, pois é um excelente depurativo natural que permite limpar o fígado e melhorar a saúde hepática. Podemos ingeri-lo fazendo uma infusão.

Basta ferver 1 copo de água com um punhado de folhas e flores da planta durante 10 minutos. Em seguida, deixe repousar durante 5 minutos. Coe, adoce com mel e beba até três copos por dia.