É normal ir ao banheiro muitas vezes à noite?

· 11 de junho de 2015

Ter que levantar à noite para ir ao banheiro para urinar pode ser um problema se nos vermos obrigados a fazê-lo mais de duas vezes por noite. Isso interrompe o ciclo do sono e acordamos mais cansados, o que, a longo prazo, vai afetar negativamente nossa qualidade de vida.

Essa doença é chamada de “nictúria” e, embora seja frequente, sobretudo em pessoas mais velhas, também pode ser sofrida por pessoas mais jovens devido a problemas de saúde muito específicos.

Hoje queremos falar sobre esse “transtorno noturno” tão comum para informar quais são suas possíveis causas, mas, lembre-se de que, frente a qualquer dúvida ou frente a qualquer problema, devemos consultar um médico.

Por que tenho vontade de ir ao banheiro urinar à noite?

ir ao banheiro à noite

Não é nada agradável ter que levantar no meio da noite para ir ao banheiro e aliviar essa súbita necessidade de urinar que interrompe o nosso descanso. Os médicos nos assinalam que esse problema é muito frequente, sobretudo, em homens entre os 55 e os 70 anos de idade.

Ele se deve, geralmente, à “hiperplasia da próstata”, uma doença na qual o tamanho da própria próstata aumenta e obstrui parcialmente a uretra, de modo que a bexiga nunca consegue se esvaziar por completo, provocando a necessidade constante de urinar.

Agora, no caso das mulheres, as razões, obviamente, têm origens muito diferentes e estão quase sempre associadas a determinadas doenças que, em geral, e para a nossa tranquilidade, não costumam ser muito graves. Apesar disso, temos que estar atentas aos seus sintomas e, em especial, ficarmos conscientes de que nos levantar mais de duas vezes por noite para ir ao banheiro todos os dias não é uma coisa normal.

Vejamos agora quais podem ser as causas:

Insônia

É habitual que as pessoas que padeçam de insônia sintam a necessidade de ir várias vezes ao banheiro. Não é o sintoma de nenhuma doença e não significa um problema serio, sendo uma coisa muito característica nas pessoas que têm dificuldades para conciliar o sono.

Bexiga hiperativa

Esse tipo de patologia é muito habitual entre as mulheres de idade mais avançada e, em geral, pode estar associada a diversas doenças como, por exemplo, uma simples cistite, diabetes tipo 2 ou, inclusive, é possível que se padeça de bexiga hiperativa depois de ter sofrido um derrame cerebral. Como falamos, é uma patologia frequente em pessoas de idade mais avançada e que deriva, por sua vez, de outras doenças.

Leia também: 5 alimentos para evitar em caso de bexiga hiperativa

Cistite

Padecer de uma cistite é mais habitual nas pessoas mais jovens e, em especial, nas mulheres. Há épocas em que, de repente, sentimos a urgência de ir ao banheiro com mais frequência e, quando urinamos, ou sentimos dor ou notamos a sensação de que não esvaziamos por completo a bexiga.

Para tratar uma cistite é necessário primeiro saber qual é a sua causa, que pode ser uma simples infecção derivada de alguma bactéria ou inclusive vir de algum problema renal. Será sempre seu médico quem irá diagnosticar o problema e oferecer o tratamento mais adequado para o seu caso.

Determinados remédios

É outro fator que você deve levar em conta. Há muitos remédios que estimulam a micção e que, por sua vez, produzem certa inflamação na bexiga ou alguma doença nos rins. Caso siga algum tratamento, nunca descuide dos efeitos secundários ou dos sintomas que eles possam provocar. Diante de qualquer dúvida, consulte o seu médico.

Diabetes

A presença de glicose no sangue tem como consequência um aumento da urina, desidratação, suor e, sobretudo, nictúria. Nunca passe por cima desses sintomas, em especial se levantar entre 3 e 6 vezes à noite for um hábito na sua vida. Não descuide desse problema.

Ter bebido muito líquido ao longo do dia

Não tem grande importância e, sem dúvida, é algo muito específico. Há dias em que bebemos um pouco mais de água, de refrigerantes ou sucos. Inclusive, é possível que em alguma festa você tenha bebido um pouco mais de álcool. Tudo isso faz com que tenhamos que levantar mais vezes à noite para ir ao banheiro nos “desfazer” de todo esse líquido.

Como falamos, é uma coisa muito específica e que, em geral, não apresenta complicações, pois ocorre somente durante uma noite.

Aspectos a se considerar se você for muitas vezes ao banheiro

mulher-saude

Também é importante estar atento a esses indícios, que vão servir para contar ao seu médico e determinar se o problema é mais ou menos sério. Tome nota:

  • Quando você começou a sofrer de nictúria? É uma coisa específica ou sofre disso todas as noites?
  • Quantas vezes você levanta para urinar à noite?
  • Qual a quantidade de líquidos que você costuma beber antes de deitar?
  • Seus pés ficam muito inchados? Sente muita sede? Costuma ficar enjoado durante o dia? (Sintomas de problemas renais ou de diabetes).
  • Qual medicação costuma tomar?
  • Esse problema também é sofrido pelos seus pais? Pelos seus irmãos?
  • Quais outros sintomas notou ultimamente? Dor nas costas? Dor no abdômen?
  • Interfere no seu descanso noturno ter que ir ao banheiro para urinar? Acorda muito cansado?

Com suas respostas, seu médico já terá um bom quadro da sua situação. Cuide-se!