Dia do parto: o que você deve levar?

25 de fevereiro de 2019
Quando restarem de 3 a 4 semanas para a chegada do bebê, é uma boa ideia preparar as malas que você levará para o hospital. Você não sabe quando seu bebê decidirá vir ao mundo, então é melhor estar preparada.

Quando o fim da gravidez se aproxima, todos ficamos muito nervosos. Esperamos que o dia chegue o mais rápido possível. Depois de deixar tudo pronto em casa, é hora de começar a organizar o que você vai levar na sua mala no dia do parto.

Se tudo correr bem, como é o esperado de uma gravidez que se desenvolveu normalmente, você não deve permanecer no hospital por mais de 2 ou 3 dias. Portanto, tenha cuidado ao organizar sua bagagem; não esvazie seu armário ou o armário do bebê!

O que incluir na mala do dia do parto?

Leve estudos no dia do parto

No trabalho de organizar a mala para o dia do parto, é importante que você entenda que não deve levar coisas em excesso. Idealmente, você deve conseguir identificar o que cada mala contém. Por exemplo, se você precisar procurar as fraldas para o bebê, você saberá onde elas estão e tudo o que você vai precisar quando estiver no hospital.

Sem dúvida alguma, estes são dias de grande nervosismo, por isso evite a possibilidade de perder a paciência à procura de algo em uma miríade de malas. Você pode organizar sua bagagem de acordo com esta lista que vamos propor.

 1. Documentos importantes

Em um bolso de acesso fácil da mala, coloque uma pasta com seus documentos mais importantes. Você pode pegar os originais e uma cópia, caso precise entregá-los em algum momento:

  • Identificação pessoal.
  • Carteirinha do plano de saúde
  • Documento com o pedido de internação (caso o seu obstetra tenha lhe dado um).
  • Receitas médicas se você tomou algum medicamento durante a gravidez.
  • Últimos exames realizados (hemograma, ultrassonografia, entre outros).

2. Roupa da mãe

Embora, após o nascimento do bebê, você tenha perdido boa parte dos quilos que ganhou durante a gravidez, você não voltará à forma física que tinha antes de engravidar. Você precisa usar roupas confortáveis ​​e soltas.

Se você fizer uma cesariana, provavelmente precisará de ajuda para se vestir, então use roupas que sejam fáceis de colocar e tirar:

  • Robes ou pijamas que abrem na frente.
  • Calcinha alta (no caso de fazer uma cesariana, para que o elástico não fique sobre a incisão).
  • Sutiãs de amamentação ou sutiãs com um ou dois tamanhos maiores que o habitual. Apesar de não amamentar, o leite vai subir para os seus seios e você não poderá usar nada apertado.
  • Meias (no caso de estar frio).
  • Também, uma toalha para tomar banho (caso o hospital não ofereça).
  • Por outro lado, roupas para o dia que você sair do hospital.
  • Finalmente, chinelos para dar os primeiros passos após o parto e sandálias de plástico para tomar banho.

Confira também: Mãe de primeira viagem: guia de sobrevivência

3. Roupas do bebê

Leve roupinhas no dia do parto

É importante que as roupas do bebê estejam na mesma mala no dia do parto. Evite carregar as coisas do bebê em sacolas diferentes. Certamente será seu marido que fornecerá as roupas do bebê para a equipe do hospital, então, quanto mais fácil for localizá-la, melhor.

  • Body.
  • Meias.
  • Gorros.
  • Cobertores pequenos.
  • Fraldas de pano para colocar entre o seu bebê e aqueles que vão visitá-lo e querem pegá-lo no colo.
  • Toalha.
  • Uma muda de roupa para sair do hospital.
  • Agora, se você for usar um carrinho, você deve levá-lo.

Entre as coisas que você não precisa levar para o bebê estão os lenços umedecidos (deixe-os para quando saírem do hospital), ou luvas. Seu bebê muitas vezes colocará as mãos na boca, assim como fez inúmeras vezes no útero. É um reflexo natural.

4. Produtos de uso pessoal para a mãe

Embora alguns hospitais lhe ofereçam alguns produtos para uso pessoal, leve os seus para se sentir mais confortável. Principalmente no que diz respeito à higiene íntima, é melhor que você use as marcas de sua preferência.

  • Fralda para adultos ou absorvente pós-parto. O sangramento é comum após o parto; você também pode sofrer de um pouco de incontinência urinária.
  • Xampu, condicionador e qualquer outro produto que você costuma usar para manter seu cabelo limpo.
  • Maquiagem. Você certamente receberá visitas de muitos parentes e amigos. Embora a maternidade lhe dê um brilho especial, você pode adicionar mais um toque de brilho nos lábios, uma máscara de cílios e rubor nas bochechas.
  • Também, um creme hidratante para o corpo e rosto, além do removedor de maquiagem.
  • Logo depois, desodorante.
  • Finalmente, pasta de dentes e enxaguante bucal.

5. Produtos de uso pessoal do bebê

Leve fraldas no dia do parto

Primeiramente, os primeiros produtos de higiene pessoal do bebê que você deve incluir na mala são as fraldas descartáveis. A recomendação é a mesma que a das roupas: coloque tudo na mesma mala ou sacola.

Certamente, levar de 20 a 24 fraldas descartáveis é uma boa quantidade. Também leve sacos herméticos para entregar as fraldas ou roupas do bebê para a equipe do hospital. Você também deve incluir creme hidratante para a pele do bebê e creme contra assaduras.

6. Lembrancinhas

Prepare alguns sacos, frascos ou caixas pequenas com cartões com o nome do seu bebê para agradecer a visita daqueles que foram te ver. Esta lembrança de agradecimento pode incluir biscoitos, chocolates ou oleaginosas.

Não deixe de ler: 7 cuidados que um bebê prematuro precisa ter

Sem dúvida, essas lembrancinhas são um bom detalhe para dar àqueles que a acompanharam nos dias no hospital, para seus outros filhos (se você os tiver) ou para outros membros da família e amigos que querem dar as boas-vindas ao seu pequeno.

  • Materno-fetal, S. D. M. (2012). Protocolo Cesarea. Hospital Universitari Clínic Barcelona.
  • López-Candiani, C., Instituto Nacional de Pediatría (Mexico), & Sistema Nacional de Encuestas de Salud (Mexico). (2014). Cuidados del recién nacido saludable. Acta pediátrica de México.
  • Sánchez Luna, M., Pallás Alonso, C. R., Botet Mussons, F., Echániz Urcelay, I., Castro Conde, J. R., & Narbona, E. (2009). Recomendaciones para el cuidado y atención del recién nacido sano en el parto y en las primeras horas después del nacimiento. Anales de Pediatria. https://doi.org/10.1016/j.anpedi.2009.07.012