Descubra como tratar uma contratura cervical

· 26 de abril de 2018
A contratura cervical geralmente é muito dolorosa se não for tratada a tempo. As suas causas são diversas, como posturas ruins por um longo tempo, estresse, fraqueza muscular, entre outras. Saiba como evitar e tratar essa condição.

A contratura cervical é definida como a dor que ocorre quando há flexão, inclinação e extensão da cervical. Sente o pescoço rígido? O pescoço é uma área muito delicada devido aos sistemas de ligamentos, musculares e facetares que participam para mover e manter a cabeça firme.

Os músculos vão desde a cabeça e coluna cervical até a clavícula, o tórax e outras estruturas, formando um total de 20 pares de músculos que permitem o movimento. Quando ocorre uma contratura cervical, os vasos que fornecem sangue ao músculo são comprimidos e a entorse piora.

Em geral, os músculos mais afetados são o trapézio e a escápula. Normalmente, a pessoa afetada sente dor e dificuldade em virar o pescoço para o lado. Na verdade, essa condição é muito frequente. Às vezes, há dor de cabeça, ombros e até mesmo nos braços.

No entanto, a contratura cervical não é considerada uma doença, é apenas um sintoma de que algo não está certo.

Sintomas de uma contratura cervical

Mulher com sinais de contratura cervical

Não é tão difícil determinar que existe uma contratura cervical, uma vez que a dor é contínua na área. Em algumas situações, é prolongada e em outros ocorre esporadicamente. Estes são os principais sintomas:

  • Inflamação
  • Picadas intensas
  • Sensação de formigamento
  • Presença de calor na área
  • Dor muscular
  • Para mover o pescoço, é necessário mover o peito

Na maioria dos casos, a contratura cervical não causa problemas graves. No entanto, é importante cuidar do desconforto a tempo para evitar efeitos colaterais ainda mais dolorosos.

Causas

  • Uma sobrecarga de trabalho
  • O uso repetitivo dos músculos
  • Posições forçadas onde o pescoço é usado por longos períodos
  • Exposição a situações estressantes
  • Debilidade nos músculos

Como tratar uma contratura cervical?

Remédio para tratar uma contratura cervical

Em geral, para tratar uma contratura cervical é indicado tomar anti-inflamatórios orais e aplicar gelo ou compressas de água fria na área afetada por curtos períodos. Isso para reduzir o inchaço e a dor. Em casos mais graves, é necessária a reabilitação através da fisioterapia.

Se nenhum dos itens acima funcionar para tratar uma contratura cervical, recomenda-se a aplicação de injeções de corticosteroides na área. Somente em casos crônicos é válida a cirurgia

Enquanto isso, se o desconforto for leve, você pode seguir os seguintes exercícios de aquecimento que o farão relaxar os músculos. Lembre-se que é apenas uma sugestão e é melhor perguntar ao médico antes de fazê-los.

  • Pare de fazer qualquer atividade física por 3 dias.
  • Aplique uma massagem suave para gerar calor e acelerar o fluxo sanguíneo.
  • Mantenha uma dieta rica em nutrientes para curar mais rapidamente.

Experimente a seguinte auto-massagem e alongamento que você pode fazer de casa sem medo de agravar a lesão. Antes de tudo, você deve manter sua respiração e sua postura reta. Vale a pena mencionar que é possível sentir uma leve dor, mas nunca intensa, se assim for, suspenda o exercício.

Visite este artigo: Rotina de exercícios para fortalecer a cervical

Com uma vara

De seguida tem alguns exercícios que servem de auto-massagem para neutralizar os sintomas da contratura cervical, mas apenas momentaneamente.

Da esquerda para a direita

  • A primeira coisa que você precisa fazer é respirar profundamente e expirar lentamente. Levante-se e coloque as costas retas.
  • Pegue imediatamente a vara e coloque-a logo atrás da nuca, segure-a suavemente com as palmas das mãos.
  • Agora, lentamente, faça um movimento de balanço com a vara sem fazer muita pressão.
  • Em seguida, comece a mover a cana ao redor do pescoço, incluindo nas laterais.
  • Você também pode inclinar a cabeça para frente e para os lados.
  • Repita o movimento por 5 minutos.

Deslize e gire

  • Mantenha a posição anterior, mas agora deslize a vara para baixo por todo o pescoço.
  • À medida que desliza, gire a vara para relaxar os músculos.
  • Em seguida, faça o mesmo com a lateral.
  • Repita por 5 minutos.

Como prevenir?

Uma má postura ao dormir pode gerar contratura cervical

  • Evite posturas onde force a extensão do pescoço.
  • Mude a posição constantemente.
  • Aumente a atividade física.
  • Não faça movimentos repentinos.
  • Não se esqueça de fazer exercícios de aquecimento antes de qualquer atividade.
  • A cada duas horas estique suas costas e pescoço.
  • Durma com a postura correta.
  • Verifique se o colchão está em boas condições e o travesseiro mantém uma posição reta no pescoço.
  • Você pode praticar atividades especiais como ioga ou pilates.
  • Coloque em prática os exercícios de relaxamento.

Felizmente em fisioterapia o problema é resolvido em 2 ou 3 sessões.