Métodos naturais para curar os unheiros

· 3 de junho de 2014
Devemos utilizar um calçado que respeite o formato natural do pé e que seja respirável. Ao mesmo tempo, devemos evitar os sapatos de salto alto.

Os unheiros são incômodas e dolorosas inflamações que ocorrem na pele ao redor das unhas. Sua causa principal são as unhas encravadas e, muitas vezes, aparecem acompanhados por inflamações na região.

Neste artigo, explicaremos quais são os principais sintomas e suas possíveis causas. Além disso, vamos compartilhar alguns remédios naturais e caseiros para tratar o problema sem complicações

Estes remédios são compostos por ingredientes muito comuns em nossa cozinha, como, por exemplo, limão, sal, tomilho, cebola, ovos ou cenoura. Confira!

Principais sintomas

Quando observamos a pele ao redor da unha ficar avermelhada e/ou inflamada, dolorosa ao tato e, em algumas ocasiões, com acúmulos de pus na região, podemos ter basicamente a certeza de que se trata de um unheiro.

Possíveis causas do unheiro

Os unheiros podem ter uma ou várias causas. Dentre elas, encontramos:

  • Crescimento excessivo da unha
  • Crescimento anormal da unha
  • Ferida causada por uma unha encravada
  • Sapato inadequado que pressiona muito os dedos dos pés
  • Excesso de suor
  • Traumatismos
  • Doenças de pele

Métodos naturais para tratar os unheiros

1. Infusão de tomilho

O tomilho é uma planta medicinal com múltiplos benefícios. Dentre eles, ajuda a combater infecções ou inflamações e ameniza a dor. Portanto, tais propriedades o tornam um remédio natural ideal para tratar unheiros.

Para usar o tomilho como remédio natural, basta preparar uma infusão com uma xícara de água e duas colheres de sopa de tomilho.

Ferva por 5 minutos e, em seguida, desligue o fogo. Quando a infusão estiver morna, mergulhe o dedo afetado durante 5 a 10 minutos.

Repita o procedimento várias vezes ao longo do dia.

os unheiros

2. Limão e sal

Com estes simples ingredientes, será possível obter um tratamento efetivo.

Em primeiro lugar, faça um buraco na metade de um limão. Em seguida, encha esse buraco com um pouco de sal marinho e coloque o dedo com unheiro no local.

Deixe o dedo repousar no limão com sal durante 20 minutos e repita o processo diariamente até que o unheiro esteja curado.

Tanto o limão quanto o sal atuam como desinfetantes e trabalham para desinflamar o local.

Leia também: 5 usos do óleo essencial de limão em casa

3. Cataplasma de cebola

A cebola é um grande anti-inflamatório usado para tratar múltiplas doenças. Nesse caso, entretanto, ela pode ser útil se aplicada de uma maneira bem simples.

Cozinhe uma cebola e, em seguida, amasse-a bem. A partir desse procedimento, você obterá uma espécie de pasta.

Em seguida, coloque essa pasta ainda morna em uma gaze e aplique-a sobre o dedo afetado. Deixe a região coberta para que o remédio possa agir por pelo menos duas horas.

4. Cataplasma de cenoura

Para fazer o cataplasma de cenoura, usaremos os mesmos ingredientes e o mesmo procedimento usado para preparar o de cebola. Contudo, é claro, substituiremos a cebola pela cenoura nesse caso.

A cenoura, além de nos ajudar a eliminar o unheiro, também revitalizará a pele infectada.

Para isso, seu cataplasma deve ser aplicado três vezes ao dia, durante 15 minutos pelo menos.

5. Clara de ovo

Com a clara de ovo, é possível preparar rapidamente um remédio que apresentará excelentes resultados se usado com frequência até que ocorram melhorias.

Basta bater a clara de um ovo e aplicá-la na região afetada várias vezes ao dia. A clara pode ser conservada na geladeira por até três dias.

Leia também: Os benefícios da clara de ovo para a pele

É possível prevenir os unheiros?

A resposta é: sim, é possível prevenir o surgimento de unheiros. Basta seguir as seguintes dicas:

  • Mantenha as unhas sempre bem cortadas e uniformes, considerando também as cutículas e usando habitualmente uma lixa para não deixar pontas.
  • Evite calçados muito apertados e opte por aqueles que respeitem o formato natural de seu pé. Além disso, não pode ser feito com tecidos que contribuam para a transpiração excessiva. Evite, preferencialmente, sapatos de salto alto.
  • Caso você tenha sofrido algum trauma no pé (uma pancada, uma unha quebrada etc.), tente tratar rapidamente, mesmo que aparentemente não seja algo grave.
  • Hidrate as mãos e os pés regularmente com cremes próprios para isso. Ou seja, cremes que contenham vitamina E. Ademais, você também pode optar por óleos vegetais.
  • Se, além de um trauma, houver fungos na região, aplique diariamente uma gota pura de óleo essencial de árvore do chá, que é um poderoso antifúngico.
os unheiros

Recomendação final: se o unheiro apresentar infecções que não regridem com os tratamentos sugeridos, procure um médico com urgência.

O objetivo, portanto, é evitar complicações que podem ocorrer por descuido, mesmo que não sejam frequentes, tais como queda de unhas, abscessos, inflamações estendidas a outras áreas, dentre outras.

Imagens oferecidas por FoundryParklnn.