Como reciclar uma despensa com tinta e papel?

9 de janeiro de 2019
Estes dois materiais podem ser muito úteis para mudar o visual de um móvel tão característico como a despensa. Use uma ou várias delas e tire proveito do móvel.

Com somente um dia de trabalho, é possível reciclar uma despensa com tinta e papel pintado. Quer saber como?

Para reciclar uma despensa utilizando tinta e papel pintado, será melhor remover as portas; dessa forma, o fundo ficará à mostra e poderá aplicar as diferentes técnicas de decoração.

Se optar por deixá-las, pode trabalhá-las para mudar sua aparência atual. Como pode ver, as opções são muitas.

Formas de reciclar uma despensa usando tinta e papel pintado

Com as seguintes sugestões, pode mudar a aparência de sua despensa com apenas um par de elementos.

Tome nota e aplique estes conselhos em sua cozinha!

1. Papel florido

O papel florido oferece grandes resultados quando usado – sem exagerar – nas cozinhas. Por isso, usá-lo na despensa, que usa para guardar vasilhas e outros objetos, pode ser muito positivo.

O método mais simples de fazê-lo é remover a peça de madeira que constitui o fundo do móvel. Em seguida, colar o papel com sutileza e evitar que fiquem imperfeições; principalmente nos cantos.

Uma excelente ideia para potencializar este uso é contar com papel de diferentes cores. Dessa forma, poderá usar um diferente para o fundo de cada estante.

Se retirar o fundo não é uma opção viável, não se preocupe; ainda que tenha um pouco mais de trabalho, poderá decorar com papel de todas as maneiras.

Como? Simplesmente, recorte enquadramentos do tamanho apropriado e cole-os separadamente.

Outra alternativa é a de cobrir com papel um enquadramento de madeira da mesma dimensão que o fundo da despensa, e depois, pregá-lo por cima desse.

Mulher vai reciclar uma despensa

2. Mudar a cor da despensa

Se considerar que para reciclar a despensa deverá dar uma camada de pintura, mostramos algumas recomendações.

Com relação à cor, fica claro que a primeira opção, ou pelo menos a mais popular, é o branco. As diferentes tonalidades de marrom também são muito aceitas para estes ambientes.

No entanto, há quem se permite experimentar um pouco mais e brincam com cinzas escuros, quase pretos, ou as diferentes tonalidades do vermelho.

Definitivamente, tudo dependerá das cores que tenha escolhido para os demais elementos da cozinha, como a geladeira, o fogão e outros eletrodomésticos.

Leia também: 6 maneiras geniais de decorar cozinhas pequenas

3. Reciclar uma despensa pintando com aerossol

O que se precisa saber sobre esta técnica? É claro que os mais tradicionais optarão pelo querido pincel, e certamente este pode trazer grandes vantagens.

No entanto, sugerimos considerar o uso de pintura em aerossol; trata-se de um método rápido, efetivo e simplesmente manipulável; inclusive para os menos especialistas no assunto.

É provável que precise de duas ou três latas, dependendo do tamanho da despensa.

Caso decida fazê-lo desse modo, é aconselhável seguir as seguintes recomendações:

  • Limpe bem a superfície do móvel antes de pintar, do contrário, as partículas de sujeira ficarão grudadas e arruinarão a despensa.
  • Escolha o aerossol apropriado: vem com diferentes efeitos como texturas, brilhos, etc. Além disso, considere a qualidade; muitas vezes, os mais econômicos não permitem obter o acabamento desejado, o que pode atrapalhar o processo.
  • Pinte em lugares ventilado e, se contar com um, use um gatilho para evitar se sujar.

4. Detalhes com pintura

Recicle uma despensa e pinte-a de branco

Na hora de usar tinta para mudar a aparência de uma despensa, não é necessário pintá-la totalmente.

Se, todavia, te agrada o tom anterior, porém quer renová-la parcialmente, é possível pintar as portas, as laterais ou a frente das gavetas – lembre-se de retirar os puxadores para que não fiquem ocos.

Veja também: Como limpar o forno da cozinha?

5. Detalhes com papel pintado

Como mencionamos no primeiro ponto, o papel pintado oferece muitas alternativas para reciclar uma despensa.

Além de trabalhar sobre o fundo, tem a opção de colocar papel nas portas, ou pelo menos parte delas.

No entanto, não há somente isso; também tem as laterais, as prateleiras ou a superfície superior da despensa – caso seja visível – caem muito bem nestes locais.

Por menores que sejam, os detalhes com papel pintado podem ficar perfeitos com a iluminação e a decoração adequadas.

É possível encontrar temas muito discretos, típicos de desenhos minimalistas ou tradicionais; assim como mais ousados, que trarão um toque de vitalidade inegável ao seu espaço.

Por fim, vale mencionar que estas cinco ideias são perfeitamente combináveis umas com as outras.

De fato, dessa forma é possível explorar ao máximo as possibilidades existentes. Mãos à obra e crie!