Combata o cansaço crônico com 5 remédios naturais

29 de outubro de 2018
Além de tirar proveito das propriedades de alguns ingredientes naturais, para combater a fadiga crônica é essencial cuidar de nossa rotina de sono e descansar, pelo menos, 8 horas sem interrupções.

Existem muitas maneiras para que o cansaço não se apodere de você. Dentre os mais comuns está a opção de usar remédios naturais, uma vez que eles normalmente não causam reações secundárias. Portanto, te ensinaremos como combater o cansaço crônico através de remédios naturais. Confira!

Deve-se ter em conta que o cansaço crônico pode causar excesso de peso e outros distúrbios alimentares. Tudo isso pode ameaçar o bem-estar de quem não está atento aos sinais do cansaço em seu corpo. Por este motivo, apresentamos cinco remédios naturais para eliminar a fadiga.

O que é o cansaço crônico?

O cansaço é um estado de humor, produto do excesso de trabalho físico ou mental de uma pessoa. Tende a ser associado a rotinas excessivas que deixam a pessoa exausta, assim como a fadiga.

Embora não seja uma doença como tal, pode sim causar desgastes na saúde, causando sérios problemas. Na verdade, podem ser feito exames para encontrar a causa exata do cansaço. Além disso, pode-se diagnosticar como tratá-lo para evitar a falta de vitalidade e evitar que isso interfira no cotidiano da pessoa.

Quais são os sintomas de cansaço?

Em geral, as pessoas não dão muita importância se estão cansadas. No momento em que o cansaço começa a ser um problema é depois que passa certo tempo e o corpo já não aguenta mais. Inclusive, ele ainda pode piorar com a carga de exaustão profissional e a realização de exercícios físicos.

A forma mais comum de perceber a exaustão é a dor de cabeça e as dores musculares. No entanto, em pessoas com idades mais avançadas podem surgir outros diagnósticos e, portanto, também ter outras consequências.

Descubra: 5 óleos aromáticos para relaxar depois do trabalho

Problemas de sono?

Muitas vezes, o cansaço é gerado por não dormirmos adequadamente as horas correspondentes. Se nem o corpo e nem a mente descansam à noite, a exaustão vai se acumulando. Então isso pode acabar em algo mais grave.

Muitos dos profissionais de saúde recomendam dormir oito horas por dia, embora alguns considerem que seis são suficientes. No entanto, ocorrem diversos fatores que podem influenciar em não ser assim. Alguns deles são os problemas com o colchão, ocupações, preocupações, barulho ou luz, entre outros.

Ao se tornar um costume não dormir adequadamente, o corpo não terá mais energias. Portanto, será muito fácil se distrair, ficar de mau humor e não se concentrar. Para evitar essa situação, lhes trazemos cinco remédios naturais que se tornarão seus aliados contra o cansaço crônico.

Combata ao cansaço crônico com 5 remédios naturais

É importante ter em mente que, ainda que os remédios naturais sejam muito eficazes, eles podem não ter o mesmo efeito em todas as pessoas. A seguir falaremos sobre cinco deles:

 1. Suco de aveia

Suco de aveia para o cansaço crônico

Os flocos de aveia contêm carboidratos, que são considerados como um dos alimentos mais importantes para reduzir a fadiga. Além disso, dão energia ao corpo. Também, pode-se adicionar qualquer tipo de fruta para torná-lo mais saboroso.

Ingredientes

  • 2 xícaras de aveia (210 g)
  • 1 copo de leite em pó (100 g)
  • 2 xícaras de água (500 ml)

O que fazer?

  • Coloque os flocos de aveia em uma tigela com água morna.
  • Quando eles amolecerem, coe e adicione-os juntamente com frutas, leite e água em um liquidificador e processe.
  • Certifique-se de obter uma mistura homogênea antes de comer.

 2. Infusões de gengibre

O gengibre é uma raiz com propriedades curativas. Além disso, conta com um delicioso aroma e sabor, então é usado para combater o cansaço.

Ingredientes

  • 3 colheres de sopa de raiz de gengibre (45g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

O que fazer?

  • Corte o gengibre em pedaços médios.
  • Adicione-os à água e deixe ferver pelo menos por 20 minutos.
  • Deixe descansar antes de consumir.

 3. Maca peruana em pó

Leia: A maca peruana, um milagre para as mulheres

A maca é usada como um remédio para enfrentar a exaustão, já que é energizante e nos oferece vitamina B. Principalmente, costuma-se fazer vitaminas para melhor desfrutar de suas propriedades.

Ingredientes

  • 6 colheres de sopa de maca peruana em pó (90 g)
  • 2 xícaras de água (500 ml)
  • 2 xícaras de morangos (300 g)
  • Açúcar (a gosto)

O que fazer?

  • Corte os morangos em pedaços e misture-os juntamente com a água.
  • Adicione o açúcar e o pó de maca peruana e bata novamente.
  • Despeje em um copo e deixe esfriar.

 4. Chá de canela

Combata ao cansaço crônico com um chá de canela. A canela costuma ser um bom estimulante diante do cansaço. Por este motivo, pode ser consumida em chás com frequência. São infusões carregadas de sabor e calor.

Ingredientes

  • 5 colheres e meia de canela (aproximadamente 80 g)
  • 1 xícara de água (250 ml)

O que fazer?

  • Adicione a canela em um caneco com água fervendo e infusione durante aproximadamente 20 minutos.
  • Deixa repousar até que esfrie e consuma uma xícara por dia.

Leia: 6 maneiras de combater a exaustão mental

 5. Espinafres

Espinafres ajudam a combater o cansaço crônico

Os espinafres são um alimento cheio de nutrientes para o corpo. Esta verdura é rica em vitaminas do grupo B e minerais (ferro e potássio) que oferecem força e energia.

Ingredientes

  • 7 xícaras e meia de espinafre (300 g)
  • 2 colheres de sopa de azeite de oliva (30 ml)
  • Sal (a gosto)

O que fazer?

  • Lave e limpe o espinafre.
  • Adicione em um recipiente e adicione o azeite e o sal.
  • Você pode acompanhá-lo com qualquer refeição.

Todas estas receitas te ajudarão a superar o cansaço de forma muito fácil. Além disso, você pode fazer isso muito rapidamente e com os ingredientes que você já tem em casa. Todos os remédios apresentados fornecem grandes nutrientes e reforçam o desempenho em qualquer área da vida.

  • Costill, D. L., & Hargreaves, M. (1992). Carbohydrate Nutrition and Fatigue. Sports Medicine: An International Journal of Applied Medicine and Science in Sport and Exercise. https://doi.org/10.2165/00007256-199213020-00003
  • Campagnolo, N., Johnston, S., Collatz, A., Staines, D., & Marshall-Gradisnik, S. (2017). Dietary and nutrition interventions for the therapeutic treatment of chronic fatigue syndrome/myalgic encephalomyelitis: a systematic review. Journal of Human Nutrition and Dietetics. https://doi.org/10.1111/jhn.12435
  • Peterson, D. M. (2001). Oat antioxidants. Journal of Cereal Science. https://doi.org/10.1006/jcrs.2000.0349
  • Vasala, P. A. (2012). Ginger. In Handbook of Herbs and Spices: Second Edition. https://doi.org/10.1533/9780857095671.319
  • Muhammad, I., Zhao, J., & Khan, I. (2013). Maca. In Encyclopedia of Dietary Supplements, Second Edition. https://doi.org/10.1201/b14669-62
  • Thomas, J., & Kuruvilla, K. M. (2012). Cinnamon. In Handbook of Herbs and Spices: Second Edition. https://doi.org/10.1533/9780857095671.182