Coisas estranhas que podem acontecer depois do sexo

· 15 de setembro de 2016
No início de nossa vida sexual, podemos experimentar diferentes sensações e situações depois do sexo. Se com o passar do tempo estas não passarem, o ideal é procurar um especialista

Antes de começar a termos relações sexuais, passamos a nossa vida ansiosas para saber o que sentiremos. Ao perguntarmos aos nossos conhecidos e averiguarmos por nossa conta, costumamos ouvir: o sexo é algo mágico. Nunca passa pela nossa cabeça que podem acontecer coisas estranhas e até dolorosas depois do sexo.

Alguns filmes descrevem o sexo de uma forma bastante romântica. O que nunca nos explicaram são algumas situações que geram preocupações no começo.

Quando vivemos o ato, nas primeiras vezes nos damos conta de que depois do sexo nem tudo é cor-de-rosa, e as seguintes situações que podem ocorrer:

Ardor e coceira ao urinar

Coceira vaginal por causa de sexo

Depois do sexo, muitas mulheres sentem ardor e coceira ao urinar. Conhecer o motivo é a pergunta mais comum feita nas consultas ginecológicas.

Esta dúvida as mulheres apresentam quando iniciam a vida sexual, pois costumam ficar preocupadas e pensam que pode se tratar de uma doença sexualmente transmissível ou outra condição de maior atenção.

Lembre-se de que a anatomia da mulher consiste no orifício vaginal e, alguns centímetros acima, está localizada a saída da uretraEsta área pode ser irritada com o atrito do preservativo, do próprio pênis durante o ato sexual ou pelos cremes lubrificantes usados.

Por isso, pode-se esperar sentir alguma ardência ou coceira na hora de urinar durante os dias seguintes.

Este sintoma é muito cotidiano e pode durar desde horas até dias. Muitas vezes é necessário realizar um exame de urina para poder descartar algum tipo de infecção.

Leia também: Por que é prejudicial segurar a vontade de urinar?

Necessidade de ir ao banheiro

Muitas mulheres têm vergonha de falar sobre este aspecto. Não se preocupe, você não é a única que sente esta necessidade depois de ter relações sexuais, portanto, pode ficar tranquila.

Você sabia que quando sente a sensação de ir ao banheiro é porque está perto de chegar a um dos melhores estremecimentos que uma mulher pode sentir? Sim, estamos falando dos tão desejados orgasmos.

Durante a penetração vaginal, o pênis pode chegar a tocar e estimular muito o ponto G. Isso gera a vontade de ir ao banheiro. Algumas vezes, a estimulação é tão grande que, depois do sexo, você deve ir ao banheiro.

Isso também dependerá das posições sexuais realizadas e se estas se adaptam às sensações internas da mulher.

É importante ter confiança suficiente com o parceiro para conseguir uma excelente comunicação e que nenhum dos dois se sinta envergonhado quando estas coisas (que são tão normais) aconteçam.

Pequenas manchas de sangue depois do sexo

Casal fazendo sexo

Aproximadamente 1 em cada 10 mulheres apresenta um leve sangramento vaginal depois de manter relações sexuais, o que para no mesmo dia ou no seguinte.

Você certamente sabe que durante a sua primeira vez isso pode acontecer, mas nas relações posteriores o sangramento também pode aparecer.

As relações muito intensas, o excesso de fricção ou a falta de lubrificação são as causas mais comuns e não apresentam um risco grave à saúde. No entanto, existem outras razões que são perigosas e que exigem atenção e tratamento médico imediato.

Em geral, este sangramento provém do colo do útero, a extremidade inferior mais estreita do útero, principalmente em mulheres que estão na idade fértil.

Mesmo se o colo se encontrar perfeitamente saudável, certo grau de atrito durante o ato sexual pode causar um leve dano.

Não se preocupe se o sangramento for mínimo e você sentir uma leve dor. A solução mais rápida é descansar um pouco ou ir mais devagar durante a penetração.

Preocupe-se com esta situação quando o sangramento não parar um dia depois do encontro sexual.

Dor no baixo ventre

Outra das coisas estranhas que acontecem depois do sexo é a dor no baixo ventre. Este incômodo possui causas muito variadas e, quando for persistente, deverá ser tratada por um médico.

A dor relacionada às relações sexuais é um sintoma que não é patológico. Pelo contrário, não percebemos os incômodos durante o encontro amoroso devido à velocidade excessiva do ritmo.

Depois da ejaculação, um pequeno incômodo pélvico aparece, que pode ser causado pelo cólon, que gera pressão por ter recebido as vibrações dos movimentos.

A atividade exagerada pode provocar uma ligeira tensão muscular na pélvis que, por nos excitarmos, se contrai e, quando se submete ao esforço, produz dor.

O motivo também pode ser que, durante o sexo, as paredes vaginais possam ter se danificado um pouco devido à falta de lubrificação adequada.

Visite este artigo: Como aumentar a libido na mulher com remédios naturais 

O que no início é estranho pode se tornar normal com o tempo

casal depois do sexo

Ao começarmos a adentrar no mundo sexual, pouco a pouco, nos acostumamos com estas coisas que podem ocorrer depois do sexo.

Certamente você notará que às vezes elas acontecem e outras não, e se você não for sortuda, poderá experimentar todas ao mesmo tempo.

Cabe destacar que, em alguns casos, as inibições da mulher também levam a estes sintomas. Estas coisas costumam aparecer com maior frequência quando a excitação não é a adequada e, por isso, tampouco existe uma correta lubrificação.

Se custar muito chegar ao nível de lubrificação correto, você pode experimentar algum lubrificante de boa qualidade. A vantagem é que estas alterações fisiológicas não são permanentes.

No entanto, se durarem por mais tempo, o melhor é verificar com algum especialista.