Cérebro dividido: no que um homem pensa quando está com uma mulher?

· 9 de janeiro de 2019
Ainda que primeiramente se foquem no físico, eles também percebem coisas importantes e observam fatores como o senso de humor, interesses em comum e a existência de afinidade

Hoje falaremos do curioso “cérebro dividido” dos homens. Você sabe no que um homem pensa quando está com uma mulher?

Imagine que esta noite você tem um encontro. Você se arruma, vai até ao lugar indicado, senta-se e começa uma agradável conversa. Tudo parece correr bem.

Contudo, cada vez que vivemos esta situação, há uma questão que sempre nos surge: No que ele estará pensando agora mesmo?

“No mesmo de sempre! Em que mais ele poderia pensar?”. Esta é a primeira resposta que vem à cabeça de todas as mulheres. Pois bem, o cérebro masculino não é uma máquina controlada só pela testosterona e pelo desejo sexual.

De fato, nós também pensamos nisso em diversas ocasiões ao longo desse primeiro encontro, por isso as diferenças podem não ser tão extremas.

Contudo, não podemos ignorar que o cérebro é sexualizado, ou seja, o cérebro feminino processa a informação de uma forma diferente da do masculino e, por sua vez, o cérebro masculino ouve, reage e analisa os aspectos de maneira diferente também.

Cérebro dividido: no que os homens pensam quando estão com uma mulher?

Segundo um trabalho realizado pela Universidade de Cambridge, a psicobiologia da atração tem, em um primeiro momento, muitos  elementos comuns entre os homens e as mulheres.

 São aspetos com os quais todos nos sentimos identificados e que são os seguintes:

  • A atração e o estresse estão muito relacionados. Quando a pessoa que está à nossa frente nos atrai, ativa-se um instinto primário muito similar no homem e na mulher.
  • Então, como você já sabe, o estresse tem como finalidade nos colocar em alerta para atingirmos determinado objetivo ou para fugir dele, e por isso é necessário que essa emoção apareça, na sua justa medida, “para nos ajudar”.

Se perdermos o controle, temos um problema: dizemos coisas inadequadas ou parecemos exagerados, nervosos, confusos…

  • Em ambos os gêneros, ocorre um aumento do nível de cortisol no sangue e uma redução de serotonina, um neurotransmissor que nos proporciona um efeito calmante.

Ou seja, entramos em um processo de obsessão e fixação. Se a pessoa nos atrai, ele ou ela será o nosso único foco de atenção durante esse encontro.

Descubra: 8 sinais que o corpo envia quando precisa de sexo

Contudo, no caso dos homens, o papel da testosterona faz com que, por vezes, eles tenham que lidar com um cérebro dividido.

Quer saber por quais processos eles costumam passar?

Sim, a primeira coisa em que se focam é no seu corpocerebro-dividido-500x300

Aqui, nós também devemos ser sinceros: o aspecto físico é a carta de apresentação em que todos nos focamos de um modo instintivo.

  • No nosso caso, costumamos fazer uma avaliação de todo o conjunto, analisamos o rosto, o corpo e, inclusive, a maneira de se vestir ou andar.
  • Os homens, por sua parte, também o fazem, mas mais tarde. No primeiro momento, os homens avaliam se a mulher os atrai sexualmente e, quando isso ocorre, no cérebro masculino se ativam, geralmente, os seguintes processos:

Apesar de, tanto em nós como neles se elevar o nível de testosterona, nos homens, tal como revelou um estudo recente da Universidade Estatal de Ohio, geralmente eles pensam muito mais vezes em sexo.

Ao visualizar essas cenas e sentindo uma grande atração sexual, podemos, então, falar de um “cérebro dividido” que se vê obrigado a utilizar apropriadas artes de sedução, enquanto tenta manter a calma e enfrenta essas imagens mentais, que de forma instintiva tende a receber.

Leia também: 8 possíveis alertas que o homem te engana

Seduzir, um trabalho duro

Apesar de, em um primeiro momento, os homens colocarem toda a sua atenção em nosso físico, mais tarde costumam valorizar muito os seguintes aspetos:

  • O senso de humor.
  • O tom de voz da mulher.
  • Ter interesses parecidos.
  • Que a mulher seja receptiva às suas palavras e que exista afinidade.

Nós, mulheres, segundo explicam diversos estudos, tendemos a ser mais seletivas na hora de procurar um parceiro. Nos focamos em muitos mais aspetos, principalmente detalhes como nos sentirmos compreendidas, ouvidas, que haja cumplicidade, etc.

  • Enquanto nós, mulheres, focamos a atenção em múltiplos detalhes, os homens costumam utilizar diversas estratégias para captar a nossa atenção, seduzir e tentar mostrar o melhor deles mesmos.
  • Contudo, eles realizam todas essas tarefas lidando com o desejo sexual que, de algum modo, provoca a redução da serotonina e, por isso, reduz também o poder de pensar com calma e equilíbrio.
  • E é aí que aparecem as risadas nervosas, o suor, alguma frase exagerada com a qual se tentam “vender melhor”, e parecer mais atrativos e irresistíveis (mas cuidado, nós também estamos sujeitas a essas situações).

O homem tem mesmo um cérebro dividido?homem-esperando-500x305

Absolutamente. Esta divertida imagem trazida pelos sempre fascinantes filmes dos estúdios Pixar nos mostra realmente a complexidade do comportamento humano, por vezes, tão oposto.

O cérebro humano funciona através de áreas muito específicas. Ou seja, não há um hemisfério que faça o homem ser mais emotivo e outro que o obrigue a atuar de acordo com seus instintos e desejo sexual.

Quer ler mais?  Recupere o erotismo da sua sensualidade feminina

 Então, se houver algo que fica bem claro é que, perante situações como a atração e o namoro, geralmente ocorre o seguinte:

  • Um colapso entre os mecanismos biológicos. Nossos desejos instintivos colidem, por assim dizer, com o córtex pré-frontal, o responsável pela coordenação de nossas ações e decisões.
  • Atuamos de um modo menos racional porque a amígdala cerebral tende a se inibir.
  • Segundo nos explicam diversos estudos, o tom de voz e as expressões do rosto da pessoa que temos à nossa frente são os que iniciam o verdadeiro cortejo: são indicadores da receptividade.

Para concluir, os homens podem se mostrar bipolares durante os encontros (assim como as mulheres). Eles tendem a pensar mais em sexo, mas não é por isso que deixam de lado o seu desejo de formalizar uma relação e encontrar uma companheira para compartilhar a sua vida e ser feliz.

Para finalizar e deixar uma amostra divertida destas situações de cortejo, convidamos você a ver esta curta animação e entender um pouco mais sobre o cérebro dividido.