Como utilizar uma bola de tênis para acalmar a dor da fascite plantar

Graças à sua flexibilidade, uma bola de tênis pode ser nossa melhor aliada na hora de fazer exercícios e alongamentos para aliviar as dores da fascite plantar.
Como utilizar uma bola de tênis para acalmar a dor da fascite plantar

Última atualização: 28 Janeiro, 2021

A fascite plantar surge quando a fáscia se inflama, seja por um excesso de uso, um alongamento errado ou um sapato com suporte deficiente. A fáscia plantar é uma faixa grossa de tecido que conecta o calcâneo aos dedos e cria o arco do pé.

Sua função principal é a de tensionar a base do pé para amortecer o impacto sofrido com cada ato de deslocamento do corpo.

Também é comum entre as pessoas com sobrepeso e obesidade, dado que o esforço extra para suportar o corpo gera microtraumatismos em seus tecidos.

A maioria dos casos ocorre em adultos entre os 40 e 70 anos de idade, mas também costuma ocorrer mais cedo em atletas.

Seu sintoma principal é a dor na sola do pé ou no calcanhar, embora algumas vezes possa se estender até o tornozelo e os dedos.

O tratamento é baseado no consumo de analgésicos e anti-inflamatórios, mas ele pode ser complementado com alguns exercícios de alongamento.

Descubra: 8 poderosos analgésicos naturais sem efeitos secundários

Estes podem ser realizados com a ajuda de uma bola de tênis, a qual ajuda a relaxar e fortalecer os músculos afetados.

A seguir iremos compartilhá-los em detalhes para que você não hesite em praticá-los sempre que sentir algum tipo de incômodo relacionado à fascite plantar.

Massagem rotativa contra as dores da fascite plantar

Rodar os pés com uma bola de tênis é uma das melhores terapias para reabilitá-los e acalmar a dor.

Sua prática oferece uma massagem e alongamento com domínio próprio para reduzir a tensão na fáscia plantar.

Como fazer?

  • Sente-se em uma cadeira, mantenha as costas eretas e coloque a sola do pé sobre a bola de tênis.
  • Aplique uma pressão suave sobre a bola, empurrando o pé até o chão e fazendo movimentos da frente para atrás, dos dedos até o calcanhar.
  • Rode a bola durante 30 segundos e repita a atividade com o outro pé.
  • Repita duas vezes por dia, durante três ou quatro dias, até acalmar a dor.

Flexão

Para potencializar a força dos pés e melhorar seu suporte é conveniente realizar exercícios que trabalhem a flexibilidade de seus músculos e tendões.

A seguinte atividade permite relaxar diante da dor, mas também fortalece a sola do pé, o tornozelo e as pernas.

Como fazer?

  • Coloque a bola de tênis contra uma parede e realize um alongamento de flexão.
  • Em seguida, coloque a bola na parte superior do pé, mantendo o calcanhar apoiado no chão.
  • Incline a parte superior do corpo na parede para aumentar o alongamento.
  • Realize três respirações lentas, descanse e repita oito vezes.

Alongamento de relaxamento

Com esta atividade de relaxamento vamos combinar o trabalho respiratório com a pressão sobre as áreas tensionadas.

Ela serve para reativar a circulação sanguínea e diminuir a inflamação.

Leia também: Alimentos que favorecem a circulação sanguínea nas pernas

Com a pressão que exercemos sobre a bola realizamos uma massagem sobre as áreas macias do pé, proporcionando alívio.

Como fazer?

  • Com os pés descalços, pare com um pé adiantado e apoiado sobre a bola.
  • Pise com a área entre o arco do pé e os dedos, mas deixe o peso do corpo apoiado sobre a perna de trás.
  • Mantendo esta postura, tome ar e solte-o ao mesmo tempo em que carrega o peso sobre o pé adiantado.
  • Flexione um pouco o joelho, sustente a posição cinco segundos e volte a apoiar o peso na perna de trás.
  • Repita a atividade com os dois pés, até completar cinco repetições com cada um.

Ponto de pressão

Os exercícios de ponto de pressão são focados em relaxar qualquer dos músculos da parte inferior do pé.

Com eles podemos posicionar a bola logo abaixo da área onde a dor causada pela fascite plantar está concentrada.

Como fazer?

  • Coloque a bola de tênis sob a bola do pé e pressione firmemente durante 10 segundos.
  • Mude a bola de posição até a parte superior ou inferior do pé e repita.
  • Procure começar nos pontos que estão perto da base dos dedos dos pés e desloque a bola pouco a pouco até o calcanhar.

Como você pode notar, uma simples bola de tênis pode ser convertida na melhor ferramenta para exercitar e fortalecer os pés.

Em caso de lesão, joanetes ou calos, este tipo de atividade pode causar sensação de alívio enquanto o problema é combatido com outros tratamentos.

Procure fazer os exercícios seguindo cada uma das instruções para não piorar o problema.

Pode interessar a você...
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
5 remédios caseiros para a fascite plantar

Conheça alguns remédios caseiros para a fascite plantar, uma condição que se produz pela inflamação da fáscia, uma faixa de tecido na base do pé.