Uma biópsia líquida permitirá detectar tumores cerebrais

· 9 de fevereiro de 2019
Se apresentarmos vários sintomas é importante ir a um especialista para realizar os exames adequados e recebermos um diagnóstico precoce.

Antes de mais nada, todo ano mais de um milhão de tumores cerebrais são diagnosticados em todo o mundo. Estes casos representam até 2% das mortes por câncer registrados, em outras palavras, representa cerca de 100.000 mortes.

De acordo com o que sabemos, a sobrevivência média de uma pessoa com tumor cerebral em países como os Estados Unidos é entre 3 e 27 meses após o início da metástase ou a disseminação de células cancerosas para outras áreas.

Além disso, este tipo de tumor é 10 vezes mais propenso a se espalhar para outros órgãos vitais. Isso faz com que os pacientes tenham uma resposta inadequada ou insuficiente ao tratamento.

Isso nos faz entender a magnitude do problema que enfrentamos e a importância que tem a descoberta que encabeça o título deste artigo para um diagnóstico precoce: a detecção de tumores cerebrais com uma simples punção lombar.Neurônios afetados por tumor cerebral

A biópsia líquida favorece o diagnóstico de tumores cerebrais

Uma equipe de pesquisadores do Vall d’Hebron Instituto de Oncologia, de Barcelona, na Espanha, desenvolveu uma biópsia líquida que permite detectar tumores cerebrais do líquido cefalorraquidiano (substância que irriga e alimenta o nosso sistema nervoso central).

Foi a revista científica Nature Communications que fez ecoar esta descoberta pioneira que revoluciona absolutamente a detecção e diagnóstico deste tipo de câncer.

Assim, em vez da biópsia invasiva na massa cinzenta, bastaria uma punção lombar para determinar a possível fase dos tumores.

Aparentemente, isso é possível pois “as concentrações circulantes de material genético tumoral de câncer do sistema nervoso central são muito baixos no plasma, mas muito altos no fluido cefalorraquidiano”, nas palavras de Joan Seoane, diretor da equipe que tem conduzido esta investigação.

Leia também: Chás que diminuem os níveis de açúcar do sangue

Cientista investigando biópsia líquida

A hipótese que se manteve no estudo

Enquanto este método de biópsia líquida ainda é altamente considerado em tumores metastáticos do cólon, da mama e do pulmão, até agora não foi bem sucedido em tumores cerebrais.

A razão principal é que os níveis de DNA tumoral presentes nestes pacientes são muito baixos no plasma.

No entanto, esta equipe afirmou que, devido ao sistema nervoso central ter o seu próprio fluido circulante fechado que banha a medula e o encéfalo, este líquido cefalorraquidiano pode ser um indicador importante de células tumorais, pela simples razão de estar em contato direto com eles.

As técnicas de estudo atuais são muito arriscadas, pois exigem a perfuração do crânio e lesionam uma área cerebral “indeterminada”.

Portanto, esta descoberta é um grande avanço científico, tanto na detecção como no tratamento de tumores cerebrais.Puncão lombar para detectar tumor ceebral

Sinais de alerta que devem nos fazer consultar um médico

Há certos sinais aos quais devemos prestar atenção, pois eles são indicadores de algum problema em nosso cérebro.

Então, em primeiro lugar, é preciso saber que os sintomas de tumores cerebrais podem ser:

  • Gerais: causados pela pressão do tumor no cérebro ou da medula espinhal;
  • Específicos: causados pela interrupção do funcionamento normal do cérebro ou da medula.

É raro que os tumores cerebrais sejam diagnosticados antes dos sintomas começarem, por isso, devemos consultar um médico mediante a confluência ou a ocorrência de qualquer um dos seguintes sinais ou sintomas:

Sintomas gerais

  • Dor de cabeça geralmente contínua, e que piora na primeira hora da manhã e quando a pessoa está deitada;
  • Transtorno inespecífico de humor, marcado por instabilidade emocional, indiferença emocional, raciocínio lento e dificuldade de lidar com os problemas conhecidos;
  • Sinais de hipertensão intracraniana (dor incômoda, visão turva ou perturbações da consciência, por exemplo).

Não se esqueça de ler: Aliviar a dor de cabeça e o estresse com acupressão em 30 segundos

Sintomas que são específicos e dependentes da localização do tumor

  • Convulsões motoras parciais;
  • Paresias (paralisia transitória ou incompleta);
  • Afasias (dificuldade para usar a linguagem);
  • Apraxia (problemas para executar certas sequências de movimentos);
  • Agnosias (a pessoa pode perceber objetos, mas não os associa com o papel que geralmente desempenham);
  • Alterações campimétricas (campo visual).

Nota: isso não significa que estes sintomas são sinônimo de tumores cerebrais, mas são sinais de que você deve consultar o seu médico o mais rápido possível.

Este tipo de tumor é geralmente tratado com radioterapia, quimioterapia e cirurgia. Não fiquemos despreocupados, então diante do menor sinal devemos ir ao médico e informá-lo do que sentimos.

Nossa vida está em jogo e, assim, a tranquilidade daqueles que nos rodeiam também. Graças à detecção precoce, é possível começar o tratamento adequado e cuidar da nossa saúde.

  • Cancer Research UK. “Study shows potential to develop brain tumour liquid biopsies.” ScienceDaily. ScienceDaily, 6 November 2018.
    www.sciencedaily.com/releases/2018/11/181106082532.htm
  • De Mattos-Arruda, L. et al. Cerebrospinal fluid-derived circulating tumour DNA better represents the genomic alterations of brain tumours than plasma. Nat. Commun. 6:8839 (2015).
    doi: 10.1038/ncomms9839