Angélica abre o coração e fala pela primeira vez sobre abuso sexual que sofreu

Veja o relato da apresentadora Angélica, que revelou ter sido vítima de abuso sexual quando jovem.
Angélica abre o coração e fala pela primeira vez sobre abuso sexual que sofreu

Última atualização: 07 abril, 2022

A apresentadora Angélica surpreendeu o público e a mídia recentemente ao relatar pela primeira vez sobre um abuso sexual que ela sofreu quando mais jovem. Em uma entrevista concedida a Luciana Temer, do Instituto Liberta, Angélica falou sobre o que aconteceu.

A apresentadora conta que no momento simplesmente não percebeu a gravidade do que tinha acontecido com ela.

Angélica

Em outra entrevista, dessa vez concedida ao canal no YouTube Mina Bem-Estar, a apresentadora decidiu usar o espaço para falar sobre um assunto muito importante e infelizmente negligenciado: o abuso sexual. Angélica comenta que as pessoas costumam pensar que isso nunca vai acontecer com elas.

“Tem gente que vai achar: quando é pobre que acontece”, disse a apresentadora. De acordo com Luciana, ainda são necessárias pesquisas e dados para afirmar de forma concreta, mas as classes mais altas têm uma tendência maior a se sentirem constrangidas de abordar esse assunto.

A apresentadora Angélica.

Depois de Luciana dizer repetidas vezes que é extremamente importante que a vítima quebre o silencio, Angélica decidiu contar o que aconteceu com ela.

Quando a gente conversou pela primeira vez, eu pensei: ‘Gente, isso foi uma violência que eu sofri‘”. A apresentadora contou que a situação ocorreu quando ela estava em Paris para uma sessão de fotos do lançamento de sua música “Vou de Táxi”. Angélica tinha apenas 15 anos.

Enquanto estava na rua com o fotógrafo, um grupo de rapazes se aproximou, e foram convidados a tirar fotos com ela. “Eles foram ficando perto, se aproximando e se esfregando em mim“.

Angélica disse que ficou sem reação naquele momento. “Um dos meninos, eu nem sei quem, ficou passando a mão na minha bunda, passando a mão em mim inteira, eu atrás de um táxi, ninguém tava vendo e eu não fiz nada, eu fiquei petrificada”.

A apresentadora disse que percebeu que sofreu uma violência já há algum tempo, mas nunca tinha falado sobre o assunto. “Mas acho importante porque uma revelação encoraja outra e é por isso que a gente está aqui“, afirmou Angélica antes de Luciana contar que foi vítima de estupro durante um assalto mas não teve coragem de registrar um boletim de ocorrência.

Assista à entrevista a seguir:

Pode interessar a você...
Mãe é condenada por matar vizinho pedófilo que abusou do seu filho
Melhor Com Saúde
Leia em Melhor Com Saúde
Mãe é condenada por matar vizinho pedófilo que abusou do seu filho

Esse crime ocorreu em 2015, quando Sands descobriu que o vizinho, Michael Pleasted, era pedófilo e havia abusado do seu filho de doze anos.