A importância do equilíbrio entre a fluidez e os esforços

· 12 de janeiro de 2019
Em vários aspectos da nossa vida deve haver um equilíbrio entre a fluidez e os esforços. Somente assim alcançaremos a plenitude no nosso dia a dia.

Tentar manter um equilíbrio entre a fluidez e os esforços é algo que devemos realizar em várias áreas de nossas vidas. Por exemplo, no trabalho ou nos relacionamentos. Hoje vamos descobrir mais sobre esses dois elementos.

Todos nós experimentamos em alguma ocasião o fato de que as coisas fluem. É quando dizemos “tudo funciona”, porque não é preciso pressionar ou forçar nada. No entanto, também estamos cientes do valor que tem o esforço. Porque sem perseverança e sem trabalho, o mais provável é que não consigamos nada.

A fluidez e os esforços nos relacionamentos

A fluidez e os esforços nos relacionamentos

A fluidez e os esforços nas relações são coisas indispensáveis para que tudo aconteça como deveria. No caso em que não exista equilíbrio nesses dois aspectos, a relação estará em um grave problema.

Imagine que estamos em um relacionamento em que uma pessoa dá muito mais do que a outra. Nesses casos está mais do que claro que não há equilíbrio entre a fluência e os esforços. Isso com o tempo fará com que o relacionamento falhe, pois sofrerá um progressivo desgaste.

Apesar disso, às vezes acreditamos que nos relacionamentos tudo tem que fluir e não precisa haver esforço. Essa crença nos faz cair em um erro. Vamos ver quais são esses esforços essenciais para que tudo funcione bem:

  • Chegar a acordos: Haverá coisas da outra pessoa de que não gostamos muito. Logo, chegar a acordos será indispensável para que tudo fique em harmonia. Por exemplo, se nosso parceiro fuma, mas nós odiamos isso, podemos concordar que fume, mas sempre fora de casa.
  • Dar 50%: O ideal em todos os tipos de relacionamentos é que sejamos capazes de dar 50%. No caso em que este valor é menor, a outra pessoa deve compensar isso; se isso não acontecer haverá um desajuste. Embora isso possa variar, é importante que tentemos sempre estar os dois em 50%.

Além de tudo isso, para que tudo corra bem em um relacionamento é necessário que sejamos honestos com o outro, que o aceitemos como é, e que em nenhum caso devemos tentar mudá-lo. Quando um relacionamento continua apesar das dificuldades, tudo é levado de uma maneira melhor.

Leia também: Prefiro incomodar com a verdade do que iludir com a falsidade

O equilíbrio entre a fluidez e os esforços no trabalho

A importância do equilíbrio entre a fluidez e os esforços no trabalho

Como encontrar o equilíbrio entre a fluência e os esforços no trabalho? Bem, o trabalho é uma parte muito importante da nossa vida. Para esta atividade, geralmente dedicamos muitas horas do nosso dia. Todavia, temos que saber fluir.

Não podemos trabalhar mais de oito horas por dia, e ignorar completamente que temos uma família. Priorizar o trabalho acima de tudo não é fluir, pois é muito provável que tenhamos um grande fardo de estresse e uma sobrecarga de responsabilidades.

Para alcançar um equilíbrio entre a fluência e os esforços no trabalho é importante levar em consideração as dicas a seguir. Colocá-las em prática nos fará sentir muito mais plenos:

  • Aprenda a delegar tarefas: muitas vezes não podemos fazer tudo, por isso delegar tarefas nos ajudará a nos livrar do estresse, e a ter mais tempo para nós mesmos.
  • Diga “não”: recusar-se a suportar mais carga de trabalho pode ser muito difícil, mas não fazer isso pode levar ao não cumprimento dos prazos. Isso não é profissional.
  • Tempo para descansar: Para que o trabalho flua, ele deve nos permitir ter tempo para nós mesmos, e para dedicá-lo aos nossos hobbies, à nossa família, ao nosso lazer. No caso de não ser este o caso, não há equilíbrio.

Leia: 7 formas de se converter em alguém que ama a sua vida por completo

O equilíbrio em nossas vidas

Sentir que a nossa vida está em equilíbrio é considerado por muitos como a verdadeira felicidade. Porque nem sempre podemos estar alegres ou entusiasmados. No entanto, se houver equilíbrio podemos nos sentir bem e à vontade, na maior parte do tempo.

Propomos que você faça um exercício que se chama a roda da vida. Este exercício permitirá que você saiba quais aspectos da sua vida deve melhorar para obter uma roda o mais redonda possível. É necessário fazer com que esta se torne funcional, isto é, que possa rodar.

Quando sabemos em quais áreas há uma pontuação mais baixa, temos que considerar pequenos objetivos e metas que possamos realizar em um curto período de tempo. Você se atreve a colocar esse exercício em prática e alcançar o equilíbrio em sua vida?