9 sinais do rosto sobre a saúde

· 23 de abril de 2016
Através do rosto podemos descobrir diferentes condições de nosso corpo, e graças ao seu aspecto podemos intuir como está o nosso estado de saúde antes de consultar um especialista.

Olhamo-nos no espelho muitas vezes por dia para ver se a maquiagem saiu ou como estão nossos olhos após uma longa jornada de trabalho. No entanto, os sinais do rosto vão mais além.

Eles podem nos indicar como se encontra a nossa saúde e o que deveríamos mudar para nos sentirmos melhor.

Conheça os sinais que o seu rosto pode estar enviando e o que vale a pena analisar neste artigo.

O rosto ajuda a curar doenças

De acordo com a medicina ayurveda, olhar nosso rosto com atenção pode nos ajudar a analisar se sofremos de alguma doença ou transtorno. As marcas da pele são o perfeito reflexo da saúde (ou melhor dizendo, da falta dela).

Podemos tirar muitas conclusões apenas observando a pele do rosto: o que se come e o que se bebe, se a pessoa fuma, se pratica atividade física, etc.

Alguns dos detalhes faciais que vale a pena analisar são os seguintes:

Sinais do rosto: magreza

Se o rosto estiver muito magro e com os ossos “marcados” (principalmente das maçãs do rosto), isso pode estar ocorrendo por um excesso nos exercícios ou na dieta.

Se praticarmos muito esporte, a pele não tiver oxigênio e as gorduras necessárias, o rosto também emagrece como qualquer outra parte do corpo.

Sinais do rosto: gordura

Mulher com gordura no rosto

Por outro lado, um rosto “gordo” e caído demonstra uma falta de exercícios, o consumo de álcool e um grande nível de estresse.

Todos estes hábitos aumentam a produção de certos hormônios (como, por exemplo, o cortisol) e da glândula parótida. Além disso, afetam o desenvolvimento do colágeno e provocam falta de elasticidade, retenção de líquidos, problemas circulatórios e inflamação.

Sinais do rosto: rugas

Embora elas estejam associadas ao passar do tempo, nem sempre os anos são o fator desencadeante das rugas.

O envelhecimento da pele pode ocorrer devido a uma grande exposição ao sol ou inclusive ao hábito de fumar. Os raios ultravioleta causam rugas mais grossas e profundas, sobretudo na testa e ao redor dos olhos, ou seja, nas áreas com a pele mais fina.

As rugas perto da boca devem ser analisadas separadamente. A chamada “estomatite angular” é um sinal da falta de vitamina B e lábios rachados por deficiência de vitamina C. Em ambos os casos recomenda-se comer mais vegetais verdes e cítricos.

Sinais do rosto: ressecamento

Rosto ressecado

Se faltar vitamina A (entre outras), é provável que você sinta a pele exageradamente seca. Se a isso se somar à prisão de ventre, à queda de cabelo, à obesidade, ao cansaço extremo ou ao ciclo menstrual irregular, pode significar um problema na tireoide.

Sinais do rosto: vermelhidão

Não estamos falando da cor das queimaduras que invadem a nossa pele quando tomamos sol, e sim de uma aparência avermelhada da derme.

As razões? Beber muito café e não obter vitamina D suficiente. A cafeína desidrata como o álcool e a comida picante. Além disso, a vermelhidão da pele pode se dever a alergias ou à rosácea.

Sinais do rosto: icterícia

A pele de cor amarelada é um sinal claro de problemas hepáticos, principalmente hepatite ou cirrose. Esta última ocorre devido ao excesso de álcool.

Descubra: Icterícia em bebês: sintomas e tratamento

Sinais do rosto: palidez

Se o seu rosto ficar muito branco, mesmo quando você comeu bem e não se sente doente, talvez se deva a uma falta de ferro. Você pode estar anêmico ou ter uma deficiência na produção de hemoglobina no sangue.

Uma das melhores receitas para evitar isso é consumir legumes e alimentos ricos em vitamina C.

Sinais do rosto: olheiras

Olheiras no rosto

Estas marcas escuras sob os olhos que você tenta disfarçar com maquiagem são causadas por dois motivos: a falta de sono e uma dieta com pouco ferro.

Dormir e ingerir este nutriente é fundamental para regenerar os tecidos, principalmente nas áreas mais finas da pele. Este tom azulado, na realidade, é decorrente dos vasos sanguíneos que podemos ver através da pele muito pálida e fina.

Leia também: Como limpar os resíduos de colesterol dos vasos sanguíneos

Sinais do rosto: acne

Se você já passou da etapa da adolescência e continua sofrendo com cravos e espinhas na pele do rosto, isso pode estar ocorrendo devido à uma condição genética (tente descobrir se os seus pais ou avós também tiveram isso em algum momento) ou então por manter uma dieta rica em laticínios e gorduras.

Os médicos afirmam que há um composto nestes alimentos que causam o entupimento dos poros, produção de sebo e, como consequência, o surgimento da acne.

As rugas e outros sinais faciais

Rugas no rosto

Além dos já indicados anteriormente, existem outros “sinais de alerta” em nosso rosto. Os que mais se destacam são:

  • Veia temporal (pescoço) proeminente: angústia, ira ou pressão arterial alta.
  • Rugas horizontais: muitas preocupações, mas também o consumo em excesso de gordura, açúcares e líquidos.
  • Ruga vertical na lateral direita da sobrancelha: fígado debilitado.
  • Ruga vertical na lateral esquerda da sobrancelha: baço debilitado.
  • Ruga horizontal perto do nariz: propensão a alergias, problemas intestinais ou digestivos.
  • Bolsas sob os olhos: retenção de líquidos ou problemas renais.
  • Pés de galinha: problemas oculares ou fígado fraco.
  • Ponta do nariz avermelhada: coração cansado (muito exercício cardiovascular)
  • Olhos inchados: dieta baseada em sal, açúcar e gordura.

Preste muita atenção a todos estes sinais que o rosto nos oferece e analise se eles aparecem periódica ou esporadicamente antes de consultar um médico.