A colite: 8 alimentos que todo paciente deve evitar

· 18 de agosto de 2017
Ainda que seja comum recomendar o consumo de fibras para melhorar a digestão e aprimorar a eliminação de resíduos, se você sofrer de colite é melhor evitá-las, já que elas podem aumentar o inchaço e as dores.

A colite é uma doença digestiva que se dá pela inflamação do intestino grosso devido à uma intoxicação alimentar ou infecção parasitária.

De fato, somente um número reduzido de casos está relacionado a dificuldades circulatórias, doenças inflamatórias e tratamentos com radiação. Muitas pessoas tendem a confundi-la com episódios comuns de diarreia, já que este é um dos principais sintomas.

Não obstante, durante a colite, a diarreia se dá com maior severidade, quase sempre acompanhada de inchaço, dor abdominal e febre. Além disso, diferente de outros problemas digestivos, costuma apresentar-se de forma recorrente com um período maior de duração.

Devido a isto, é primordial conhecer mais sobre a doença e, a respeito disso, ter claro quais são os alimentos que podem agravar seus sintomas. Hoje queremos compartilhar os 8 principais alimentos para que você comece a limitar seu consumo desde agora.

Descubra quais são eles!

1. Frituras e alimentos gordurosos não são aconselháveis para a colitea colite

As frituras e os alimentos com altos níveis de materiais gordurosos podem piorar os sintomas da colite devido ao fato de dificultarem a digestão e aumentarem o nível de inflamação.

  • Seu consumo excessivo aumenta as contrações intestinais e as crises de dor e diarreia daqueles que sofrem desta doença.

Visite este artigo: Como preparar leite de quinoa? Descubra agora a receita e seus benefícios

2. Grãos e sementes inteiras

Apesar de ser recomendado o uso de fibra para ajudar a ter uma boa digestão, os pacientes com colite devem evitar aquelas que provêm de alimentos como grãos e sementes inteiras.

Estes aumentam a produção de gases no intestino e, consequentemente, influenciam no surgimento de inchaço e dores.

3. Café e cháEvitar café se tiver colite

Os pacientes diagnosticados com a colite devem evitar ao máximo as bebidas contendo cafeína, incluindo o café e chá, já que esta substância aumenta o nível de inflamação no cólon, e afeta os processos que se encarregam de eliminar os resíduos do organismo.

  • Manter seu consumo pode piorar as cólicas e a irritação relacionada a este transtorno.
  • Além disso, uma vez que a cafeína tende a se acumular no corpo, influencia nos processos que eliminam as toxinas.

4. Leite e produtos lácteos

O leite integral e os produtos lácteos são os inimigos número um dos pacientes que lutam contra a colite.

  • Isto não se deve somente devido ao seu alto teor de gordura, mas também ao seu conteúdo de lactose.
  • Apesar de nem todos apresentarem intolerância ao consumo de lactose, o melhor é reduzir ao máximo o seu consumo para evitar problemas futuros relacionados ao cólon.

5. Carnes processadas

Evitar carnes se tiver colite
As carnes embutidas não somente possuem altos níveis de gordura, mas também sódio e aditivos artificiais que aumentam a irritação no intestino. Seu consumo regular gera dificuldades a nível digestivo e aumenta a presença de toxinas no cólon.

Como se fosse pouco, devido aos componentes que as compõem, também influenciam na tendência do indivíduo em ter obesidade e doenças inflamatórias.

6. Margarina

A margarina e a manteiga são alimentos que, definitivamente, não devem estar no cardápio de alimentação das pessoas com colite.

  • Elas contêm gordura trans em excesso e óleos hidrogenados que, ao serem assimilados pelo corpo, pioram a inflamação do intestino.
  • Além disso, também estimulam a produção de substâncias que aumentam a irritação e a dor.

7. Farinhas refinadas

Evitar farinhas se tiver colite
As farinhas refinadas são alimentos inflamatórios que podem aumentar a severidade dos sintomas dos pacientes com problemas intestinais. Esta variedade de alimentos é submetida a processos industriais nos quais se perde uma grande quantidade de suas propriedades e nutrientes.

Como consequência, sua digestão fica mais difícil e, em algumas pessoas, pode desencadear reações alérgicas. O mais preocupante é que as farinhas estão presentes em muitos alimentos de consumo frequente e, deste modo, é difícil evitá-las por completo.

Quer saber mais? Leia: Abandone o consumo de farinhas e emagreça com mais facilidade!

8. Bebidas gaseificadas e alcoólicas

As bebidas alcoólicas e as gaseificadas são bastante incômodas para quem sofre de colite, e possui dificuldades digestivas.

  • Seu conteúdo de açúcares refinados, além do dióxido de carbono e corantes, aumenta a acidez e a inflamação.
  • E ainda são responsáveis por sintomas como gases, dor e diarreia.

Concluindo, devido às complicações digestivas que podem ocorrer devido à colite, o melhor é procurar reduzir ao máximo a ingestão de todos estes alimentos. Apesar de muitos fazerem parte da dieta regular, o mais conveniente é buscar alternativas saudáveis para facilitar o controle desta enfermidade.