7 alimentos que aumentam o ácido úrico

· 19 de março de 2018
Para controlar o ácido úrico é necessário fazer uma dieta específica, principalmente evitar alimentos responsáveis por seu aumento. Contamos o que devemos ingerir com moderação para controlá-lo e manter o bem-estar.

Se o ácido úrico se encontrar em valores altos no sangue, resultaria em artrite ou gota. Ao acumular no líquido presente nas articulações causa inflamação e dor, afetando principalmente os dedos dos pés e os tornozelos.

Alguns alimentos contêm uma grande quantidade de purinas que aumentam os níveis de ácido úrico no sangue. Por isso, realizar controles de sangue e ter uma dieta balanceada é a maneira de prevenir este problema.

Alimentos que aumentam os níveis de ácido úrico

1 Mariscos

Mariscos aumentam o ácido úrico

São alimentos ricos em purinas, por isso que devem ser moderados na dieta, caso você tenha ácido úrico elevado, entre este grupo se destacam: caranguejos, ostras, amêijoas, mexilhões.

Estes produtos não devem ser consumidos nem frescos, nem enlatados, os defumados também favorecem o aumento do ácido úrico no sangue.

Visite este artigo: Como reduzir o acúmulo de ácido úrico incluindo 7 frutas na dieta

2 Carne vermelha

É um dos alimentos que mais contribui para o aumento do ácido. Se você já tiver os níveis altos, deve evitá-la completamente. A carne de porco e a de bezerro também tem uma grande porcentagem de purinas. As que são muito gordurosas e as vísceras, extrato de carnes, carne moída, rins.

3 Legumes

Legumes são um alimento que aumenta o ácido úrico

Lentilhas, grão-de-bico e feijão se destacam por sua grande concentração de purinas, por isso que as pessoas com alto índice devem limitar sua ingestão, ou somente para uma ou duas vezes por semana.

4 Verduras

Algumas verduras devem ser ingeridas com moderação, se você tiver ácido úrico elevado tente consumir poucos aspargos, champignons, couve-flor, espinafre, rabanete e alho-poró.

5 Bebidas alcoólicas

Bebidas alcoólicas aumentam o ácido úrico

A cerveja é mais prejudicial para as pessoas com ácido úrico elevado do que os mariscos e as carnes. Isso se deve ao fato de aumentar a produção de seus níveis no corpo e dificultar sua eliminação. Os especialistas no tema recomendam evitar a cerveja caso você sofra com a gota.

6 Bebidas açucaradas e confeitaria doce

Os refrigerantes e os sucos de fruta comerciais que tenham xarope de milho irão estimular a produção de ácido úrico. Também os biscoitos doces, as guloseimas, a confeitaria industrial carregados de açúcar intensificam o problema.

7 Café

Café é um alimento que aumenta o ácido úrico

Se tomado em excesso pode ser prejudicial, o mais benéfico é tomar uma ou duas xícaras diárias, no máximo.

Sintomas do ácido úrico alto

Quando o nível é muito elevado aparece a gota e os cálculos renais. Os sintomas mais comuns são:

  • Dor no dedão do pé.
  • Dor intensa e inflamação nas articulações.
  • Dificuldades para urinar.
  • Taquicardias.
  • Dor nos joelhos.
  • Pedras nos rins.
  • Fadiga.
  • Podem aparecer nódulos duros nas articulações.

Um médico deve realizar o diagnóstico para ver se o problema existe, e para prescrever um tratamento que deve incluir mudanças na dieta.

Quer conhecer mais? Leia: As 5 melhores infusões para baixar o ácido úrico

Tratamentos para o ácido úrico

  • As dores são bastante incômodas, mas existem medidas que podem aliviar o problema, como aplicar compressas frias sobre as articulações doloridas.
  • O médico pode receitar anti-inflamatórios não esteroidais, se você achar conveniente, são de grande alívio.
  • Pode recomendar fármacos de doses baixas no início, que podem aumentar com o tempo, sempre recomendados pelo médico.
  • O tempo do tratamento pode variar entre 6 e 12 meses.
  • Nesse período deve cuidar de sua alimentação e realizar exercício físico de intensidade leve a moderada, mas regularmente.

Um exemplo de dieta para reduzir o ácido úrico

Lácteo é um alimento que aumenta o ácido úrico

A dieta tem que ter concentração de proteínas que devem vir dos lácteos e dos ovos. Se você puder, inclua o coelho, é a carne com menor conteúdo de gordura com baixa concentração de purinas e colesterol.

Café da manhã

  • 1 copo leite desnatado.
  • 2 fatias de pão integral.

Lanche da manhã

  • 1 banana.

Almoço

  • Nhoque com molho natural de tomate.
  • Corvina grelhada.
  • 1 flã.

Lanche da tarde.

Jantar

  • Berinjela à milanesa assada.
  • Salada de tomate, cenoura e alfavaca.

É uma ideia para ser levada em consideração. As proteínas, as verduras, as frutas e os cereais têm que estar equilibrados. Com baixo conteúdo de gordura e na proporção.

Lembre-se: o artigo é informativo, de nenhuma maneira pode ser seguido sem a consulta de um médico.

Este também recomendará uma dieta adequada, se seus níveis estiverem acima do normal.

Cuide-se, sua saúde é o tesouro mais importante! Ninguém mais do que você pode fazê-lo.