5 motivos para adicionar a tangerina à sua dieta

24 de novembro de 2019
Embora seja conhecida pela sua contribuição de vitamina C, a verdade é que a tangerina também nos fornece muitos outros nutrientes que nos permitem ter uma boa saúde.

A tangerina é a fruta da tangerineira, árvore menor que a laranjeira. Seus frutos são compostos de polpa, fibra e suco com sabor e aroma característicos. Ao contrário da laranja, a casca da tangerina é facilmente removida.

Geralmente é consumida como fruta fresca, em sucos ou em saladas. Também é usada em sobremesas, como geleias, batidas e em calda. É um lanche saudável, pois é principalmente composta de água.

Além disso, como os dados publicados no SELF Nutrition Data detalham, é uma fruta com baixo teor de açúcar que fornece apenas 53 kcal para cada 100 gramas. Além disso, contém fibras e nutrientes como potássio, magnésio, vitamina C, fósforo, vitamina E, folatos e vitamina A.

Como você pode ver, a tangerina é uma fruta totalmente versátil e com nutrientes importantes para o corpo humano. A seguir te damos 5 motivos pelos quais você deve incorporá-la em sua alimentação.

1. Contém vitamina C

Tangerina

A tangerina é uma das frutas cítricas com maiores quantidades de vitamina C. Como podemos ver na publicação da Natural Product Communications, a abundância de sucos cítricos na dieta pode representar uma fonte significativa de vitamina C natural.

Esse nutriente, também conhecido como ácido ascórbico, desempenha um papel muito importante para a saúde. De acordo com uma pesquisa publicada no Indian Journal of Clinical Biochemistry, ele não só contribui para modular as funções do sistema imunológico, como também participa da formação óssea, da cicatrização de feridas e na manutenção de gengivas saudáveis.

Além disso, ele intervém em várias funções metabólicas, reduz a gravidade das reações alérgicas, ajuda a combater as infecções e age como antioxidante, protegendo o corpo dos efeitos negativos dos radicais livres.

2. Protege a saúde oral

A tangerina, por ser uma fonte importante de vitamina C e minerais, contribui para promover a saúde oral. Na verdade, ela ajuda a ter dentes e gengivas saudáveis. De acordo com uma pesquisa publicada na revista Clinical and Diagnostic Laboratory Immunology, as pessoas que não consomem a dose diária recomendada de vitamina C têm até 25% mais probabilidade de sofrer infecções como a gengivite.

3. Ajuda no tratamento da anemia

Fontes de ferro

anemia é um dos problemas nutricionais de maior incidência no mundo. Ela surge devido à baixa produção de hemoglobina no corpo, uma substância responsável por transportar o oxigênio no sangue. Para realizar este processo, são necessários alguns nutrientes, como o ferro.

A vitamina C encontrada na tangerina é conhecida como o melhor intensificador, pois facilita a absorção de ferro através do trato gastrointestinal e promove sua mobilização. De acordo com diferentes estudos científicos, com 25 a 75 mg de vitamina C a assimilação de ferro em uma refeição é dobrada ou triplicada pela redução do ferro férrico ao ferro ferroso.

Esta substância interage com fitatos, substâncias inibidoras de nutrientes, produzindo complexos menos insolúveis, aumentando a absorção de ferro e melhorando a condição da anemia.

4. Tangerina: boa durante a gravidez

A tangerina nos fornece ácido fólico ou vitamina B9. Este nutriente favorece o desenvolvimento de tecidos a nível celular e promove a formação de glóbulos vermelhos. Também participa na elaboração de ácidos nucleicos (DNA e RNA) e intervém no desenvolvimento do sistema nervoso.

Essas funções são ainda mais importantes na gravidez e na infância. Portanto, esta vitamina não deve faltar em uma alimentação saudável e equilibrada.

5. Uma doce fonte de potássio

potássio é um macronutriente importante que permite realizar funções como a regulação da água no corpo, músculos, rins e sistema nervoso. Como podemos ver no estudo publicado na Advances in Nutrition, o potássio ajuda a normalizar alguns fatores da pressão arterial.

Nos atletas, o consumo de potássio é vital porque permite que eles se hidratem, reabasteçam os minerais perdidos durante as sessões de exercício e também reduzam o risco de sofrer lesões.

O alto teor de água e potássio da tangerina a tornam um fruto essencial para recuperar a glicose e os eletrólitos e, portanto, ter um maior desempenho físico.

Com você pode ver, a tangerina tem propriedades extraordinárias e múltiplos benefícios para a saúde. Que tal incluí-la na sua alimentação?

  • Martí, N., Mena, P., Cánovas, J. A., Micol, V., & Saura, D. (2009). Vitamin C and the role of citrus juices as functional food. Natural Product Communications.
  • Chambial S, Dwivedi S, Shukla KK, John PJ, Sharma P. Vitamin C in disease prevention and cure: an overview. Indian J Clin Biochem. 2013;28(4):314–328. doi:10.1007/s12291-013-0375-3
  • Jain A, Tiwari A, Verma A, Jain SK. Vitamins for Cancer Prevention and Treatment: An Insight. Curr Mol Med. 2017;17(5):321-340. doi: 10.2174/1566524018666171205113329. PubMed PMID: 29210648.
  • MsC. Yusimy Cardero Reyes, Lic. Rodolfo Sarmiento González  y MsC. Ana Selva Capdesuñer. Importancia del consumo de hierro y vitamina C para la prevención de anemia ferropénica. MEDISAN 2009;13(6). http://www.bvs.sld.cu/revistas/san/vol13_6_09/san14609.pdf
  •  Gay J. Prevención y control de la carencia de hierro en la embarazada. Rev Cubana Aliment Nutr
    1998; 18(2):15-8.
  • Weaver, C. M. (2013). Potassium and Health. Advances in Nutrition4(3), 368S-377S. https://doi.org/10.3945/an.112.003533
  • Vinayagam R, Xu B. Antidiabetic properties of dietary flavonoids: a cellular mechanism review. Nutr Metab (Lond). 2015;12:60. Published 2015 Dec 23. doi:10.1186/s12986-015-0057-7