5 hábitos que ajudam a cuidar da saúde dental

· 15 de abril de 2019
As visitas periódicas ao dentista, assim como a limpeza e os enxagues bucais são hábitos saudáveis fundamentais para ter uma boa saúde dental e evitar complicações.

A boa dentição requer constância. A higiene implica uma série de cuidados que vão desde um correto escovamento até o uso do fio dental e enxaguantes bucais. É uma tarefa diária que não se pode descuidar sem correr o risco de contrair graves doenças.

As doenças bucais

Para cuidar da saúde dental deve visitar o dentista

As doenças bucais mais conhecidas são as cáries, gengivite e periodontite. Também os dentes quebrados ou escurecidos, a candidíase bucal, bruxismo, feridas na boca e até mesmo o câncer. Todas têm efeitos devastadores nos dentes, gengivas e na língua; é necessário tratá-las a tempo para evitar males maiores.

As cáries estão diretamente vinculadas com a falta de uma adequada higiene e maus hábitos alimentares. Este tipo de doença dental gera dor e sensibilidade ao frio e ao calor.

Os dentes podem se quebrar ao mastigar alimentos como frutos secos, doces duros, cubos de gelo, roer as unhas, morder canetas ou outros objetos. A falta de higiene definitivamente ajuda na fratura dos dentes.

A gengivite é a inflamação dos tecidos que cobrem a raiz dos dentes. A causa é a placa dental produto de uma inadequada higiene, que inflama as gengivas, provoca sangramento e gera mau hálito.

A periodontite é uma forma avançada de gengivite que pode gerar perda de dentes, abscessos dolorosos, mau hálito, sangramentos e mudanças na mordida. Os danos serão permanentes caso não seja tratada a tempo.

Descubra: Combata o mau hálito com iogurte natural 

Hábitos que ajudarão a cuidar da saúde dental

1. Escovamento correto

O uso da escova de dentes é necessário no mínimo quatro vezes no dia; principalmente ao se levantar e após cada refeição. Também quando são consumidos alimentos com açúcar.

Além disso, recomenda-se não esfregar a escova com força para evitar feridas na gengiva ou retração. Os movimentos circulares são os melhores para garantir uma maior efetividade.

Ainda mais, as pastas dentais mais recomendadas são as que incluem flúor. Esta substância remineraliza o esmalte e contribui para a eliminação da placa dental, atacando as bactérias que a produzem e que perfurem os dentes até criar cáries.

Na ausência temporária do escovamento, enxaguar a boca com água contribuirá para reduzir o efeito das bactérias. O hábito de comer uma maçã verde e depois enxaguar a boca com água é outra opção.

2. Limpeza interdental

Para cuidar da saúde dental use o fio dental

É fácil ter acesso com o fio dental aos lugares da boca nos quais a escova não chega. Visto que, entre os dentes se acumulam restos de comida que geram uma densa placa, muito prejudicial para a saúde dental.

Existem três métodos muito simples para chegar a todos os lados: o fio, as escovas interdentais ou os irrigadores bucais. Portanto, qualquer um desses é ideal para esta importante tarefa.

3. O indispensável enxágue bucal

A correta limpeza dental culmina no uso dos enxaguantes bucais. Estes terminam de limpar os espaços nos quais não é possível chegar com a escova ou outros utensílios. Existem enxaguantes com efeito anticáries, branqueadores ou os que minimizam a sensibilidade. Além disso, dão uma agradável sensação de frescor.

Leia este artigo: Como fazer um enxaguante bucal para o tratamento da laringite

4. O dentista, uma visita necessária

Uma vez no ano (pelo menos) é necessário visitar o dentista. Dessa maneira, o especialista estará atento a possíveis doenças dentais, como a cárie, gengivite, periodontite ou escurecimento de dentes, entre outras afecções.

Ainda mais, a adequada higiene dental deve ser complementada com visitas ao clínico dental, o qual reforçará as aplicações tópicas com flúor. Além disso, fará limpezas profundas e recomendará produtos ideias para conseguir uma melhor higiene.

5. Alimentação, o complemento

Para manter a saúde dental consuma alimentos adequados

O teor de cálcio para reforçar o esmalte dental é obtido através da alimentação, principalmente. Por isso, os alimentos ricos em vitaminas e minerais devem ser parte da dieta diária. Ademais, peixes, verduras e frutas são benéficos para todo o organismo, incluída a boca.

Além disso, alimentos como doces e bebidas ricas em açúcar são altamente prejudiciais para os dentes. Algumas, como o café e o vinho, os mancham. Por outro lado, os doces duros podem gerar quebra de dentes.

Em conclusão, uma correta higiene bucal decididamente contribuirá para a saúde dental e da boca. Estes 5 hábitos que te ajudam a cuidar da saúde bucal garantirão um bonito sorriso. Esse é o cartão postal de uma pessoa saudável e feliz.

  • Klassen, A., Wickert, N., Tsangaris, E., Klaassen, R., & Anthony, S. (2017). Health-Related Quality of Life. In Pediatric Oncology. https://doi.org/10.1007/978-3-319-33679-4_30
  • Petersen, P. E. (2008). Oral health. In International Encyclopedia of Public Health. https://doi.org/10.1016/B978-012373960-5.00527-X
  • Touger-Decker, R., & van Loveren, C. (2003). Sugars and dental caries. The American Journal of Clinical Nutrition. https://doi.org/10.1111/j.1752-7325.1944.tb00729.x
  • Kohn, W. G., Collins, A. S., Cleveland, J. L., Harte, J. A., Eklund, K. J., Malvitz, D. M., & Centers for Disease Control and Prevention (CDC). (2003). Guidelines for infection control in dental health-care settings–2003. MMWR. Recommendations and Reports : Morbidity and Mortality Weekly Report. Recommendations and Reports. https://doi.org/rr5217a1 [pii]