4 cremes noturnos que ajudarão a sua pele a ficar perfeita

Durante a noite, a nossa pele fica muito mais receptiva a qualquer tratamento; por isso, escolher o creme noturno adequado nos ajudará a exibir uma pele perfeita.

Última atualização: 11 Fevereiro, 2021

A aplicação de cremes noturnos é necessária para evitar o ressecamento da pele e o envelhecimento precoce. Portanto, é aconselhável se habituar a aplicá-los a partir de uma certa idade.

Há quem comece a aplicar cremes hidratantes a partir dos 25 anos de idade, mas também há pessoas que esperam um pouco mais. Independentemente da idade em que este hábito for adotado, o mais importante é mantê-lo e incluí-lo em um estilo de vida saudável, o que inclui uma boa rotina de cuidados.

A seguir, vamos comentar quais são os 4 tipos de cremes noturnos que existem e como eles podem te ajudar a ter uma pele bonita e saudável.

Proteção para a pele

A pele é a principal barreira física entre o corpo e o meio externo. Ela é extremamente importante para regular a temperatura corporal e proteger contra patógenos, tais como vírus e bactérias. Então, não é nenhuma surpresa que, para que ela esteja saudável, é necessário ter bons hábitos de vida.

Tomar sol demais sem a proteção adequada, fumar, consumir poucas frutas e vegetais e cometer excessos regularmente são apenas alguns dos fatores que podem afetar a saúde da pele.

Felizmente, a indústria de cosméticos criou loções, máscaras e cremes que podem nos ajudar a recuperar a sua aparência radiante. Os cremes, em particular, são muito populares por causa do seu alto teor de água e da sua dupla função protetora e ativadora. Esses cremes são classificados em dois grandes grupos: cremes diurnos e cremes noturnos.

Cuidados com a pele durante a noite: cremes noturnos

Três elementos conferem firmeza, elasticidade e hidratação à pele: o colágeno, a elastina e os glicosaminoglicanos.

Os cremes diurnos fornecem uma camada protetora contra os raios ultravioleta e a poeira, além de reter a umidade.

Porém, os cremes noturnos atuam durante o sono, promovendo a limpeza facial, a regeneração celular e a produção dos três elementos essenciais para a saúde da pele. Por isso, eles são muito importantes para evitar o envelhecimento precoce.

Os cremes noturnos possuem uma consistência mais densa e uma maior concentração de princípios ativos. É por isso que eles não devem ser usados ​​durante o dia.

É preciso ter em mente que, dependendo dos ingredientes de cada creme, o produto terá funções diferentes.

Talvez possa te interessar: Como preparar um creme natural para clarear a pele em pouco tempo

Considerações sobre os cremes noturnos

  • Antes de começar a usar qualquer produto para a pele, é importante que você saiba qual é o tipo de pele que você tem: seca, mista ou oleosa.
  • Diante de qualquer dúvida, você pode procurar um especialista em dermatologia. O profissional vai indicar tudo o que você precisa saber e dizer qual é a melhor forma de se cuidar.
  • Ao selecionar um produto, certifique-se de ler a sua composição e de escolher o mais adequado para as suas necessidades, de acordo com as instruções do médico.
  • Lembre-se de aplicar o creme sobre a pele limpa com massagens circulares que vão favorecer a sua absorção durante o período de sono.

1. Creme depurativo

Esse tipo de creme favorece a eliminação de toxinas e células mortas. Esta limpeza profunda vai purificar a sua pele, devolvendo a sua luminosidade. Há quem recomende especialmente os que não contêm óleos.

Cabe destacar que alguns desses produtos detox são indicados para uma determinada faixa etária. Antes de usar um creme depurativo, certifique-se de que ele seja indicado para o seu tipo de pele.

2. Creme regenerador

Com o passar dos anos, a pele sofre diversas alterações. Ela se torna menos flexível, parece delicada e, se não receber os cuidados adequados, ela se deteriora, com manchas e rugas. Porém, há muitas coisas que podemos fazer para interromper esse processo.

Os cremes regeneradores, assim como o próprio nome indica, são ricos em nutrientes que auxiliam no processo de regeneração natural.

Há quem recomende optar por cremes noturnos que contenham ingredientes naturais, tais como água de rosas, jojoba e extratos de algas.

3. Creme antienvelhecimento

As fórmulas dos cremes antienvelhecimento contêm nutrientes essenciais e outras substâncias (como o Q10 e o ácido hialurônico, por exemplo) que ajudam a preservar a saúde da pele, principalmente em termos de hidratação e elasticidade.

Em geral, os cremes antienvelhecimento fornecem vitaminas, minerais e água à pele, além de estimular os capilares e firmar as linhas de expressão facial.

4. Creme hidratante

Os cremes hidratantes previnem o ressecamento, a irritação e o envelhecimento precoce. Proporcionam hidratação, elasticidade e tonicidade à pele. Geralmente possuem componentes emolientes e hidratantes, tais como lactato de sódio, glicerina e ácido hialurônico.

Acredita-se que eles sejam especialmente importantes para as peles mistas. Porém, é aconselhável consultar o dermatologista antes de começar a aplicá-los, para ter uma maior segurança.

Cremes noturnos: dicas finais

Além de escolher um bom creme noturno, também é recomendável que você mantenha os seguintes hábitos:

  1. Beber bastante água ao longo do dia para manter o corpo bem hidratado.
  1. Dormir cerca de 7 horas diárias, no mínimo, pois o descanso contribui bastante para os processos da pele, inclusive os de regeneração celular.
  1. Evitar o consumo de álcool, tabaco e drogas.
  1. Manter uma alimentação balanceada, rica em frutas e vegetais.

A Dra. Rocío Gil Redondo comenta que, no que diz respeito à saúde da pele, a prevenção é fundamental. Portanto, medidas tão simples quanto aplicar um bom hidratante à noite são mais do que recomendadas. Porém, é importante saber escolher a opção mais adequada, de acordo com o tipo de pele e das suas respectivas necessidades.

Pode interessar a você...
Melhor Com SaúdeLeia em Melhor Com Saúde
Manchas na pele do rosto: causas, tipos e tratamentos

Há vários tipos de manchas na pele do rosto que tendem a ser cada vez mais notadas com o tempo. Saiba mais sobre elas neste artigo.