Ruptura do manguito rotador, o que é?

23 de outubro de 2019
A ruptura do manguito rotador causa dor e limitação dos movimentos do ombro. Vamos ver em que consiste e por que ocorre.   

A ruptura do manguito rotador é uma patologia que afeta o ombro com muita frequência em pessoas de meia idade. É uma das principais causas de dor no ombro na atualidade.

O manguito rotador é um grupo de músculos e tendões que ancoram nos ossos do ombro. São responsáveis ​​por manter esta articulação estável, e podem executar todos os movimentos adequadamente.

Saiba como uma ruptura no manguito rotador pode ser diagnosticada e tratada.

O que é a ruptura do manguito rotador? 

Lesão no manguito rotador

A ruptura do manguito rotador é uma patologia que afeta aproximadamente 4 em cada 100.000 pessoas por ano. É importante notar que sua incidência aumenta com a idade; de fato, a maioria das pessoas que sofrem desse problema tem entre 50 e 60 anos de idade.

Isso acontece porque as lesões dessa articulação estão mais relacionadas à passagem do tempo e à deterioração. Ao contrário de outras patologias articulares, os golpes raramente causam esse problema.

A maioria dos casos de ruptura do manguito rotador ocorre em pessoas que realizam continuamente movimentos com o ombro em seu trabalho ou profissão. Por exemplo, tende a aparecer em atletas, carpinteiros ou pintores.

O que é o manguito rotador? 

Como já mencionamos, o manguito rotador (ou rotador) é um conjunto de músculos e tendões. Todos cercam a articulação e mantêm o osso do braço (úmero) no lugar.

Também permitem que você execute adequadamente os movimentos do braço, como a rotação e a elevação do braço. Esses músculos são pequenos, mas tornam os movimentos precisos e coordenados. Os músculos são:

  • Supraespinhal
  • Subescapular.
  • Infraespinhal
  • Redondo menor.

De todos estes, o que mais tende a se machucar é o tendão supraespinhal. Este se encarrega da elevação lateral do braço e, quando lesionado, esse movimento fica doloroso e difícil.

Quais são as causas da ruptura do manguito rotador? 

De modo geral, a ruptura do manguito rotador  ocorre um desgaste do tendão devido ao seu uso repetido. Por exemplo, ao levantar objetos pesados ​​ou manter o braço elevado por um longo tempo.

No entanto, este problema também pode acontecer por causa de uma lesão repentina. É menos frequente, mas às vezes uma queda ou movimento repentino pode causá-la. No entanto, os fatores de risco mais relacionados à ruptura do manguito rotador são:

  • A idade. Como mencionamos anteriormente, esta lesão afeta principalmente pessoas entre 50 e 60 anos de idade.
  • Certos trabalhos, como carpintaria ou construção. Isso ocorre porque são profissões nas quais movimentos repetitivos são realizados constantemente.
  • Dedicar-se a esportes como tênis ou beisebol.
  • Ter antecedentes pessoais ou familiares.
Dor no ombro

Você pode estar interessado: Batida de aveia, abacaxi e canela para fortalecer os ligamentos e tendões do joelho

Quais são os sintomas da ruptura do manguito rotador? 

Os sintomas ocorrem dependendo da gravidade da lesão. Mesmo assim, o sintoma predominante é a dor no ombro. Da mesma forma, todos os movimentos dessa articulação são limitados.

Algumas pessoas geralmente têm problemas na hora de dormir. Na verdade, acham quase impossível dormir sobre o lado lesionado. Além disso, todas as tarefas de limpeza, como pentear-se, vestir-se ou lavar-se, tornam-se cada vez mais complicadas.

Se a ruptura do manguito rotador não for tratada a tempo pode levar a complicações graves. Por não ser capaz de mover o braço corretamente, este pode ficar debilitado e sem capacidade de movimento. Isso também torna o tratamento um pouco complicado. Se esta articulação ficar imobilizada por muito tempo, pode acabar causando uma deterioração crônica do ombro.

Você pode gostar de ler: Remédios naturais para eliminar a acne no peito, nos ombros e nas costas

Como é diagnosticada? 

Primeiro, para diagnosticar a ruptura do manguito rotador, o médico fará um exame físico. Durante este, examinará a capacidade de movimento, a força, e a dor que ocorre na articulação.

Por outro lado, geralmente são utilizados testes complementares, como ultrassom ou ressonância magnética. A ultrassonografia permite avaliar os tendões e músculos enquanto ocorre o movimento. Além disso, é um exame acessível e não invasivo.

Concluindo

A ruptura do manguito rotador é uma patologia que frequentemente afeta pessoas de meia idade. É uma lesão muito incapacitante, por isso é importante que, se você tiver algum dos sintomas, vá ao médico o mais rápido possível.

 

  • Giangarra, C. E., & Manske, R. C. (n.d.). Clinical orthopaedic rehabilitation : a team approach.
  • Máximo, J., & Acevedo, G. (n.d.). El manguito de los rotadores (Vol. 10). Retrieved from www.medigraphic.org.mx
  • Desgarres del manguito de los rotadores (Rotator Cuff Tears) – OrthoInfo – AAOS. (n.d.). Retrieved September 3, 2019, from https://orthoinfo.aaos.org/es/diseases–conditions/desgarres-del-manguito-de-los-rotadores-rotator-cuff-tears/